quarta-feira, 13 de maio de 2020

Profissionais do Mais Médicos reforçam atendimento


A Secretaria de Estado da Saúde recebeu oficialmente, nesta terça-feira (12), 235 médicos que já iniciaram as atividades em municípios paranaenses pelo Programa Mais Médicos, do Ministério da Saúde. A recepção de boas-vindas aconteceu por meio de transmissão de vídeo.

Eles foram convocados no 19º e 20º ciclos do programa no Paraná. “A chegada destes profissionais representa melhoria no atendimento aos usuários do Sistema Único de Saúde, principalmente neste momento tão crítico de enfrentamento da Covid-19”, afirmou o secretário de Estado da Saúde, Beto Preto.

Ele destacou que o Mais Médicos proporciona a união das esferas. Com o apoio do Governo Federal e dos secretários municipais de Saúde, estamos melhorando a assistência, reforçando as ações e atividades junto à população que mais precisa, fazendo com que o atendimento de saúde qualificado chegue a cidades de todo Estado”, ressaltou Beto Preto.

ATUAÇÃO – Até abril deste ano, o programa já contava aproximadamente de 700 médicos atuando no Paraná. Em março foram publicados os novos editais de chamamento, possibilitando agora a entrada de mais 235 médicos, 198 deles com registro no CRM e 37 cubanos. Neste chamamento 179 municípios aderiram ao programa.

O secretário destacou ainda que estas novas contratações representam um investimento anual de R$ 120 milhões de reais. “Trata-se de uma grande iniciativa dos governos das três esferas do SUS em cerca de R$ 30 milhões, uma união de esforços para ofertar serviços qualificados à população”.

Ainda estão abertas cerca de 215 vagas no Paraná.

PROGRAMA – Segundo o Ministério da Saúde, o Programa Mais Médicos tem como objetivos diminuir a carência de médicos nas regiões prioritárias para o SUS, a fim de reduzir as desigualdades regionais na área da saúde; ampliar a inserção do médico em formação nas unidades de atendimento do SUS, desenvolvendo seu conhecimento sobre a realidade da saúde da população; e aperfeiçoar médicos para atuação nas políticas públicas de saúde e na organização e no funcionamento do SUS”.

“A presença destes profissionais vem fortalecer a atenção primária à saúde”, destacou o apoiador do programa no Paraná e representante do ministério, Cleverson Patrocínio.

Durante a videoconferência, o presidente do Conselho de Secretários Municipais de Saúde do Paraná (Cosems), Carlos Andrade, afirmou que o programa representa uma ajuda fundamental para as cidades parananenses. “É a garantia de melhor atendimento à população, uma resposta positiva às necessidades dos municípios que hoje encontram muitas dificuldades em contratar profissionais”.

O diretor da Escola da Saúde Pública do Paraná, Edevar Daniel, acrescentou que o Programa Mais Médicos é supervisionado no Estado pela Universidade Federal do Paraná. “A UFPR participa com sete tutores e 50 supervisores que apoiam e orientam o trabalho dos profissionais”.

COVID-19 – A diretora de Atenção Vigilância em Saúde da Secretaria, Maria Goretti David Lopes, recomendou aos profissionais que estão ingressando atenção especial aos protocolos de manejo clínico do novo coronavírus do Ministério da Saúde. “Todos que estão chegando devem acompanhar os protocolos da Covid-19. Estamos enfrentando uma situação crítica e precisamos de diagnósticos precisos e rápidos”, afirmou.

Ao encerrar a transmissão, acompanhada por cerca de 300 profissionais, o secretário Beto Preto agradeceu a adesão dos municípios e, principalmente, dos profissionais. “Eles aceitaram um grande desafio de atender e zelar pelo maior bem que uma pessoa pode ter, que é a saúde”.

Saúde confirma mais 91 casos e quatro óbitos no Paraná


A Secretaria de Estado da Saúde confirmou, em boletim emitido nesta quarta-feira (13), mais 91 casos de pessoas residentes no Paraná contaminadas pelo vírus Sars-CoV-2. O total chega agora a 1.996 casos. A doença foi a causa de mais quatro óbitos, totalizando 117 mortes no Estado.

A Secretaria da Saúde também informa a primeira morte pela Covid-19 de uma criança, um menino de seis anos que estava internado em Curitiba e faleceu terça-feira (12).

Os demais pacientes foram a óbito no dia 11 de maio: um morador de Guaraqueçaba, de 34 anos, e duas mulheres que residiam em Campina Grande do Sul, uma de 64 anos e outra com 82. Todos os quatro estavam internados.

MUNICÍPIOS – Há registro de óbitos pela doença em 45 cidades do Paraná. Dos 399 municípios do Estado, 161 têm ao menos uma pessoa contaminada com o Sars-CoV-2.

As novas confirmações são de Agudos do Sul (1), Almirante Tamandaré (1), Alto Paraná (1), Araruna (1), Araucária (2), Assis Chateaubriand (6), Cambé (1), Campina Grande do Sul (1), Campo Largo (2), Campo Mourão (2), Cascavel (6), Cianorte (1), Colombo (2), Curitiba (14), Fazenda Rio Grande (2), Foz do Iguaçu (3), Guaratuba (1), Londrina (2), Maringá (12), Medianeira (4), Mirador (1), Paranaguá (2), Paranavaí (1), Pinhais (4), Planaltina do Paraná (1), Quatro Barras (1), Quitandinha (1), Rebouças (1), Santo Antônio da Platina (1), São José dos Pinhais (7), São Miguel do Iguaçu (2), Sarandi (2), Tamboara (1) e Umuarama (1).

FORA DO PARANÁ - Pacientes que moram em outros estados e que tiveram o diagnóstico no Paraná são 27. Três novas confirmações foram contabilizadas nesta terça-feira (13) ao monitoramento da Secretaria da Saúde.

São dois moradores de São Paulo e um de São Marcos, no Rio Grande do Sul. Três pessoas residentes de outros locais morreram em decorrência da Covid-19.

Ajuste -Um caso confirmado em 11 de maio como residente em Ponta Grossa foi excluído por duplicidade de notificação.

Confira o INFORME COMPLETO desta quarta-feira (13).

Guarapuava - Boletim atualizado




Duas pessoas ficam feridas em grave acidente na PRC-466


Por volta das 13h00 dessa quarta-feira (13), equipes do Corpo de Bombeiros foram chamados para atender um acidente grave na PR-466, trecho Pitanga/Guarapuava.

No local e com muita chuva, equipes removiam as vitimas, um homem estava preso no veiculo SANDERO com placas de Belo Horizonte, e outro motorista também era retirado da Carreta com placas de Nova Laranjeiras.

Os condutores foram hospitalizados em Pitanga, o motorista do Caminhão teve ferimentos leves e ja recebeu alta, ele é do município de Inácio Martins.

O Motorista do SANDERO foi transferido para Guarapuava com ferimentos graves, a Policia Rodoviária ainda não tem a identificação do rapaz de aproximadamente 40 anos.



Câmara de Turvo aprova projeto de adiantamento de 30% do valor de contrato do transporte escolar


Em Sessão Extraordinária dessa terça-feira (12), a Câmara de Turvo aprovou um projeto que dispõe sobre o adiantamento de 30% do valor de contrato do transporte escolar, durante os três meses em que não houve efetivamente o transporte, em razão da paralisação das aulas, esse valor a ser adiantado dos contratos, tem a finalidade de garantir que os transportadores possam honrar com os seus compromissos, tais como posto de combustíveis, oficinas e outros melhoramentos que possam ser necessários. 

Lembrando de que esses valores serão posteriormente descontados, quando da realização da prestação do serviço, mas que vem em uma boa hora, para dar um pequeno alivio a esses prestadores de serviços.

O Supermercado Suprema de Turvo aceita Cartão Comida Boa


Governo do Estado instituiu o programa Cartão Comida Boa, com o qual famílias em situação de vulnerabilidade poderão comprar produtos alimentícios durante a pandemia do novo coronavírus. 

Os beneficiários poderão usar o cartão nos mercados credenciados pela Secretaria da Agricultura e do Abastecimento. 

O programa será operacionalizado por meio de um voucher com QR Code, para evitar falsificações. O valor de cada vale será R$ 50 e a distribuição será feita com auxílio das prefeituras. 


Câmara de Turvo aprova projeto de dotação orçamentaria no valor de 5 milhões para a recuperação da rodovia que liga Faxinal da Boa Vista


Na tarde dessa terça-feira (12), em Sessão Extraordinária na Câmara de Vereadores de Turvo, foi aprovado em regime de urgência, um projeto que diz respeito à dotação orçamentaria no valor de mais de cinco milhões de reais, para a recuperação da Rodovia Vereador João Maria de Jesus, vindos da secretaria de infraestrutura e logística do estado do Paraná, onde serão realizados oito quilômetros de asfaltamento de todo o trecho que hoje encontra-se desprovido de camada asfáltica, e ainda com a cobertura de mais trechos que se encontram ruins. 

Lembrando que o município, através do consorcio intermunicipal, já vem fazendo um recape, partindo da fabrica da Ibema, que também faz parte desse pacote de investimentos, passando, com a conclusão de toda a obra, a rodovia vai ficar totalmente transitável.




Aeroporto de Guarapuava atua em operações de combate à Covid-19


Com voos comerciais operando há seis meses, o aeroporto Tancredo Thomas de Faria é a realização do sonho de muitos guarapuavanos e resultado de um trabalho árduo que se mostra cada vez mais importante para a cidade. Neste momento de distanciamento social, em que as operações de aviação comercial estão limitadas no mundo todo, o aeroporto de Guarapuava tem sido uma das importantes estruturas que auxiliam no combate ao novo coronavírus. Isso porque, o transporte aéreo tem sido uma ferramenta estratégica fundamental para emergências médicas ligadas ao enfrentamento à Covid-19, como no transporte de exames e atendimento de servidores e médicos que precisam se deslocar rapidamente pelo Estado.

“A pandemia tem levado municípios, Estados e o mundo todo ao uso máximo de suas estruturas para preservar a vida. Ver que hoje temos um aeroporto que está à altura de integrar essa luta nos motiva como servidores públicos. Lutamos muito, junto com nossos parceiros do meio privado, para investir e concretizar a operacionalização aqui e, hoje, nossos investimentos mostram-se fundamentais, com um impacto direto na economia e na saúde pública do município”, destacou o secretário de Desenvolvimento Econômico e Inovação, Sandro Abdanur.


As operações de aviação geral e executiva são feitas, principalmente, com aeronaves da Casa Militar do Governo do Paraná e do BPMOA (Batalhão de Operações Aéreas da Polícia Militar do Paraná). Mas não é de hoje que o aeroporto de Guarapuava tem auxiliado na área da saúde. Conforme o diretor administrativo e gestor segurança operacional do aeroporto de Guarapuava, Adriano Volkweis, desde o início das operações, as aeronaves são frequentemente utilizadas para salvamento de diversas vidas, transportando com segurança, por meio dos pátios e pista do GPB, vacinas, órgãos para transplantes, salvamentos e demais emergências médicas.

“Em um momento tão difícil para o mundo, trabalhamos com ainda mais empenho e satisfação, porque amamos servir através do nosso trabalho e sabemos a importância que nosso aeroporto representa para a Região e para o Estado”, enfatizou Adriano.

16º Batalhão da Polícia Militar implanta Rocam em Guarapuava


Na data de hoje 12 de maio de 2020, foi implantada a ROCAM em Guarapuava. O policiamento com motocicletas promove visibilidade à atividade de policiamento ostensivo, favorecendo a aproximação do policial com a comunidade, em face da facilidade de parada e estacionamento da motocicleta, bem como a possibilidade de realização de pontos-base em locais de grande circulação de pessoas, concentração de comércio e agências bancárias.

O motopatrulhamento poderá atender a demandas de enfrentamento da criminalidade com maior rapidez e eficácia em situações de roubos, furtos, latrocínios, homicídios, os quais marginais utilizam motocicletas como meio de fuga.

A agilidade do motopatrulhamento, trata-se de policiamento extremamente versátil e flexível, podendo ser utilizada de diversas formas, ou seja, do patrulhamento ao pronto emprego policial, que permite chegar a locais de difícil acesso como becos e ruelas, subir escadarias, cruzar canteiros centrais, calçadas e pontes estreitas, promovendo a eficácia da polícia em prevenir essa modalidade criminosa.

Em Palmital, mulher procura polícia após descobrir que auxílio emergencial foi sacado por outra pessoa em SP


Compareceu ao Pelotão da Polícia Militar de Palmital, uma senhora relatando que foi na data de 12 de maio na Caixa Econômica de Palmital, sacar seu Auxilio Emergencial, porém não conseguiu, pois alguém já havia sacado na data de 09 de maio às 13h48min na cidade de Parapuã-SP, sem o conhecimento da mesma. A senhora foi orientada pelos funcionários da caixa para fazer o presente boletim para procedimentos.