segunda-feira, 12 de abril de 2021

Cresol Pioneira celebra a marca de R$ 1 Bi de ativos


A Cresol Pioneira, primeira Cooperativa do Sistema Cresol, alcançou a marca de R$ 1 bilhão em ativos, importante indicador que trata do conjunto de recursos financeiros que são administrados pela instituição.

No último ano a cooperativa completou 25 anos de história e demonstrou o crescimento que vem alcançando ano a ano. Segundo o Diretor Superintendente, Edemar Vodzicki, a evolução em números representa o comprometimento que a cooperativa tem com seus cooperados nas regiões de sua atuação – Sudoeste e Noroeste do Paraná.

“A Cresol Pioneira comprovou a sua solidez com essa marca que a coloca em um seleto grupo de cooperativas que possuem R$ 1 bilhão de ativos. É uma grande conquista, que demonstra o quanto o cooperado tem confiado na cooperativa, uma vez que a principal base desses ativos são os investimentos e as aplicações realizadas por eles. Além disso, essa conquista contribui para que a Cresol Pioneira se torne uma das principais cooperativas de crédito do País”, afirmou o superintendente.

O Presidente da Cresol Pioneira, Geraldo Maziero, também valorizou e comemorou mais essa conquista. “Mesmo em meio ao cenário de incertezas da pandemia do novo Coronavírus, a Cresol tem buscado resultados positivos, que dão credibilidade e afirmam o potencial da instituição e do sistema cooperativo. Agradeço a cada um que contribuiu para que chegássemos a essa marca”, destacou Maziero.

Os números da Cresol Pioneira em 2020

Cooperados: 17 mil

Agências: 15

Ativos totais: R$ 1 bilhão

Carteira total: R$ 818 milhões

Depósitos totais: R$ 345 milhões

Governo encaminha à Assembleia proposta para criação da Polícia Penal


A criação da Polícia Penal teve mais um avanço no Paraná com o envio, pelo Poder Executivo, de uma Proposta de Emenda Constitucional (PEC) à Assembleia Legislativa. O documento foi encaminhado pelo governador Carlos Massa Ratinho Junior e propõe alterações legais para oficializar este departamento como instituição policial voltada à atividade de execução penal.

O poder de polícia ao Departamento Penitenciário é tratado há mais de um ano pela Secretaria de Estado da Segurança Pública. O tema foi estudado pelo secretário Romulo Marinho Soares, junto com a direção da secretaria. A ideia é dar uma nova perspectiva ao sistema penitenciário do Paraná. Com apoio do Governo do Estado, a proposta de criação da Polícia Penal foi aperfeiçoada e adequada.

“A Secretaria da Segurança Pública organizou a minuta sobre a criação da Polícia Penal do Paraná. É um passo muito importante esse assunto ser deliberado na Assembleia Legislativa”, disse o secretário Marinho Soares. “Após a sua criação, haverá a regulamentação, que inclui a análise do plano de carreira, as promoções e progressões dos profissionais. Tudo isso envolve uma integração entre as secretarias da Segurança Pública, Administração, Planejamento, Fazenda e Procuradoria-Geral do Estado”.

O envio da mensagem do governador está em consonância com a Emenda Constitucional número 104 de dezembro de 2019, que estabelece a criação da Polícia Penal nas esferas federal, estadual e distrital. O Governo do Paraná, focado em aprimorar o texto, deliberou sobre uma gama de atividades já desenvolvidas pela Polícia Penal do Estado e que precisam ser normatizadas.

Após os trâmites legais na Assembleia Legislativa, com a aprovação do texto, será editada uma Lei Complementar para regulamentação da Lei Orgânica da instituição.

“É um avanço para o sistema penal no Brasil, principalmente no Estado do Paraná, que é um dos primeiros a elaborar um projeto de criação da Polícia Penal”, afirmou o diretor-geral do Departamento Penitenciário, Francisco Caricati. “Também significa a valorização a todos os funcionários que atuam no sistema penitenciário. Esperamos que isso venha para aprimorar o trabalho que já vem sendo realizado”.

PODER DE POLÍCIA – Com a criação da Polícia Penal, o Departamento Penitenciário do Paraná passará a se chamar Departamento de Polícia Penal (Deppen) e a instituição terá poder de polícia como os demais órgãos de segurança pública do Estado (polícias Militar, Civil e Científica).

Assim, o Deppen terá gestão sobre fiscalização, controle e segurança de unidades penais, além da fiscalização do cumprimento das medidas alternativas à prisão. O texto da proposta prevê os valores da hierarquia e disciplina como norteadores à instituição, bem com a transformação dos cargos de agente penitenciário em policial penal.

TRAMITAÇÃO – A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) terá de aprovar a admissibilidade da PEC. Após isso, será criada uma Comissão Especial que vai analisar o documento. Nessa Comissão os deputados também poderão apresentar alterações ao texto. Somente após os trabalhos da Comissão Especial é que a PEC seguirá para votação em plenário, sendo necessário o voto favorável de 33 deputados, em dois turnos, para a aprovação.

Vacinação para Idosos de 65 a 69 anos é retomada em Turvo



A imunização contra a covid-19 dos grupos prioritários de idosos entre 65 e 69 anos foi retomada nesta segunda-feira (12), em Turvo. Foram destinadas 80 doses para o interior do município.

Nesta terça-feira (13) haverá 110 doses disponíveis para vacinação de idosos de 65 a 69 anos, na Sala de Vacinação da UBS Iracy de Campos, na parte da manhã.

Levar carteira de vacinação e cartão do SUS ou CPF.

.

Aproveite as ofertas da Terça Verde do Suprema Supermercado de Turvo

 





Mais 15 casos de Covid-19 são registrados em Turvo



Nesta segunda-feira (12), a Secretaria Municipal de Saúde registrou 15 novos casos para a Covid-19, com isso, chegamos ao total de 1169 casos positivos em nosso município.

No dia de hoje, possuímos 68 casos ativos, estes que tem o potencial de transmitir o vírus. E outros 23 aguardam o resultado do exame em isolamento domiciliar.

São sete pacientes internados, sendo dois na UTI e cinco na enfermaria.
É importante que a população turvense REDOBRE os cuidados de higienização e medidas preventivas para evitar que o vírus se propague ainda mais em nosso município, prejudicando a saúde de quem amamos.

Em casos de descumprimento de isolamento social, DENUNCIE (fatos desse gênero são passíveis à multa).

Para dúvidas e denúncias disponibilizamos o número (42) 9 9152-1917.


Fonte: Prefeitura de Turvo 


Urso está desaparecido em Pitanga


Desapareceu da Chácara Nossa Senhora Aparecida, as margens da PRC-466 na Localidade do Rio Batista, em Pitanga, o Cão Urso.

Qualquer informação entrar em contato com Élcio - (42) 9 9819-5414, mediante gratificação.

Vídeo:


 

1.535 pessoas já foram vacinas contra a Covid-19, em Turvo

 





PM atende acidente com vítima fatal no interior de Prudentópolis


Por volta das 17h20min, deste domingo (12), após informação do Corpo de Bombeiros uma equipe policial, deslocou até a Localidade de Papanduva de Baixo, Área Rural de Prudentópolis, para prestar atendimento a um acidente tipo capotamento com vítima fatal. 

A equipe chegando no local, procedeu com o isolamento e verificado que o condutor era o único ocupante do veiculo e tratava-se de um homem de 38 anos, o qual era devidamente habilitado, bem como o veiculo, Fiat Palio estava com a documentação em dia. 

Foram acionados os órgãos competentes para dar continuidade aos procedimentos cabíveis. Sendo o veiculo guinchado e entregue ao real proprietário, empregador da vítima.

Fonte: PM

domingo, 11 de abril de 2021

Boa Ventura de São Roque chega a 383 casos confirmados de Covid-19

 


Detran lança e-book para explicar as principais mudanças no Código de Trânsito


O Departamento de Trânsito do Paraná (Detran-PR) lançou um e-book com explicações sobre as principais alterações do Código de Trânsito Brasileiro (CTB). A lei 14.071/2020 começa a valer nesta segunda-feira (12). Dentre as diversas mudanças estão a ampliação do prazo de validade do exame de renovação da Carteira Nacional de Habilitação (CNH), aumento do limite de pontos para suspensão do direito de dirigir e a criação do registro de bons condutores.

Os exames de aptidão física e mental para renovação da CNH não serão mais realizados a cada cinco anos. A partir de agora, a validade será de dez anos para motoristas com idade inferior a 50 anos; cinco anos para motoristas com idade igual ou superior a 50 anos e inferior a 70; e três anos para motoristas com idade igual ou superior a 70 anos.

Há mudanças na quantidade de pontos que podem levar à suspensão. Atualmente, o motorista que atinge 20 pontos durante o período de 12 meses pode ter a carteira suspensa. Agora, a suspensão ocorrerá de forma escalonada. O condutor terá a habilitação suspensa com 20 pontos (se tiver duas ou mais infrações gravíssimas na carteira); 30 pontos (uma infração gravíssima na pontuação); e 40 pontos (nenhuma infração gravíssima na pontuação).

O diretor-geral do Detran-PR, Wagner Mesquita, destacou que a iniciativa do e-book ajuda a orientar os motoristas paranaenses. “Algumas mudanças trazem grande impacto na população, por isso é importante que todos leiam atentamente as alterações e sigam as leis corretamente”, disse.

O nova lei também torna o recall das concessionárias uma condição para o licenciamento anual do veículo a partir do segundo ano após o chamamento. As mudanças aprovadas pelo Congresso ainda retiram a obrigatoriedade de aulas à noite e mantêm a obrigatoriedade de exames toxicológicos para motoristas das categorias C, D e E a cada dois anos e meio.

As mudanças também impactam a vida dos ciclistas e da vida urbana. Entre as alterações estão o aumento da gravidade da infração para quem não reduz ao passar ciclista e a criação de multa para quem para em ciclovia ou ciclofaixa. Para os pedestres, é necessário prestar atenção na mudança da luz baixa. Não será mais exigida a luz baixa de dia quando o veículo já dispuser da luz DRL, quando em pista duplicada ou dentro do perímetro urbano.

Confira o e-book completo do Detran-PR AQUI. 

Publicidade