sábado, 14 de março de 2015

Fora de casa, Soripel/Turvo vence o Danúbio e segue 100% no Campeonato Amador de Veteranos.


Estivemos nesse Sábado, 14 de Março, no campo da Associação A. E. Danúbio, no Distrito de Entre Rios/Guarapuava acompanhando a quarta rodada do Campeonato Amador de Veteranos que é promovido pela Liga de Futebol de Guarapuava. 

Jogando fora de casa, a equipe Turvense, logo no início do jogo fez 1 x 0 com o atleta Silmar, em seguida a equipe da casa empatou o jogo com camisa 10 Melinho, Turvo voltou a ficar na frente no placar fazendo 2 x 1 novamente com Silmar, ainda no primeiro tempo Melinho voltou a empatar o jogo em 2 x 2. 

No segundo tempo Jaciel (Paçoca) fez 3 x 2 para a equipe da Soripe/Turvo com um golaço, a equipe do Danúbio partiu para o ataque tentando o gol de empate, mas em uma grande jogada do atleta Douglas, que deu o passe para o artilheiro da equipe Marcelinho fechar o placar, fazendo o quarto gol. Final de jogo Soripel/Turvo 04 x 02 Danúbio. 

A equipe de Turvo segue com 12 pontos em quatro jogos, com 100% de aproveitamento na competição.

RESULTADOS 4ª RODADA 15/03/2015
G.R.E. MADEIRIT 6 X 2 P I N H Ã O
J O C A R 3 X 4 RIO PEDRENSE
A.E.DANÚBIO/COOPERALIANÇA 2 X 4 SORIPEL/TURVO
OURO VERDE 3 X 3 A D P A G
A.R.CRUZEIRO 3 X 1 CONF.MAT.CONSTRUÇÃO

Equipe/Soripel-Turvo

Equipe/Danúbio









Queda de ônibus em Joinville registra pelo menos 50 mortes

Atualizada em 15/03/2015 | 16h48

Até o final da manhã deste domingo foram confirmados um total de 58 passageiros


Do Diário Catarinense, Foto: Salmo Duarte / Agencia RBS



Pelo menos 50 pessoas morreram no acidente do último sábado com um ônibus na Serra Dona Francisca, em Joinville. Dados oficiais divulgados no final da manhã deste domingo apontam que eram 58 passageiros no veículo. Outros sete passageiros do ônibus que sobreviveram à queda, incluindo duas crianças, permanecem internados em hospitais de Joinville. O acidente está entre os maiores do país.

Até a manhã deste domingo, foram retiradas 58 vítimas, mas não se descarta a possibilidade de que haja mais corpos sob o veículo e na mata.


Os passageiros do ônibus da companhia Costa Mar Turismo, que despencou da ribanceira na SC-418, saíram de União da Vitória (PR) às 23h de sexta-feira e seguiam para a realização de um evento de Umbanda em Guaratuba (PR), onde seria feito "um trabalho de praia" neste domingo. Familiares das vítimas chegaram na manhã deste domingo para fazer a identificação dos corpos no IML de Joinville.

Investigação

A partir das 13 horas, os peritos do IGP deverão fazer o levantamento da região do acidente. Após a liberação do local, o ônibus poderá ser retirado e encaminhado ao pátio da Polícia Militar Rodoviária (PMRv), em Campo Alegre (SC), onde ficará retido para perícia.

Três fatores podem apontar a causa do acidente: os destroços do ônibus, possíveis marcas na pista que não foram identificadas à noite e uma análise mais detalhada no corpo do motorista e dono da empresa, Cérgio Antonio da Costa, para saber se ele sofreu algum mal súbito ou havia alguma substância em seu organismo que pudesse explicar a manobra. 

O delegado regional da Polícia Civil, Dirceu Silveira Júnior, disse que não é possível adiantar qualquer informação sem que a perícia seja concluída.

Familiares de mortos, policiais rodoviários e funcionários da Prefeitura de União da Vitória (PR) revelam que o coletivo quebrou na cidade de Mafra, em SC, e depois do conserto ainda teria parado para pegar passageiros de uma van que também teria tido falhas mecânicas.

Ainda há informações desencontradas sobre a capacidade do veículo. Segundo o Cabo Toledo, do posto da Polícia Militar Rodoviária (PMRv) na SC-418, o veículo teria capacidade para 51 pessoas. Já a informação extraoficial é de que a capacidade seria para 42 pessoas. A lotação oficial será confirmada somente após a perícia do IGP.

A maioria dos viajantes morava no bairro São Cristóvão, em União da Vitória (PR). É lá que deve ser realizado o velório coletivo, num ginásio municipal.






Flagrado pela polícia, homem não consegue acertar bafômetro

Motorista se envolveu em um acidente no Água Verde, em Curitiba.
Condutor tinha bebido quase três vezes o permitido por lei, segundo a PM.

Do G1 PR.

Após se envolver em um acidente de trânsito no bairro Água Verde, em Curitiba, um motorista foi flagrado com dificuldades para soprar o bafômetro. As imagens foram feitas pelo estudante de jornalismo Renato Rocha, e mostram que o condutor tenta, por diversas vezes, realizar o teste, sem conseguir fazer o movimento correto. Conforme o estudante, as tentativas para a realização do exame duraram quase três minutos.

"Eu acho que esse cara estava tentando enganar os PMs, não é possível", relata o estudante. "Tanto é que depois ele conseguiu soprar direito o bafômetro dentro da viatura", acrescentou Renato, que já não mais registrava a cena. Segundo a Polícia Militar (PM), o exame feito comprovou que o motorista tinha bebido 0.88 miligramas de álcool por litro de ar expelido. O permitido por lei é 0,33 miligramas.

Conforme o soldado da PM que atendeu a ocorrência, Rafael Cabral Torqueto, a colisão ocorreu no início da noite de quarta-feira (10) entre as ruas Guilherme Pusgley e Goiás, e envolveu dois veículos. O motorista bêbado bateu na traseira de outro carro e capotou. Ele teve escoriações pelo corpo e recusou o atendimento médico. "Apesar de não ser uma situação corriqueira, durante todo o tempo nós [os policiais] tentamos manter a calma", ressalta Torqueto. O outro motorista envolvido na batida não se feriu.

De acordo com a polícia, após ser constatada a embriaguez, o condutor foi encaminhado para a Delegacia de Delitos de Trânsito (Dedetran). Ele pagou fiança e foi liberado, segundo o policial militar. A corporação não forneceu o nome do motorista.

Clique aqui e veja o vídeo.