quinta-feira, 2 de setembro de 2021

Aproveite as ofertas do Mês da Economia do Suprema Supermercado de Turvo

 


Produtores de milho começam plantio da 1ª safra com projeção de colher 4,1 milhões de toneladas


O plantio da primeira safra de milho 2021/22 começou no Paraná, com projeção de que sejam colhidos 4,1 milhões de toneladas, um aumento de 32% em relação à do ano passado. Esse é um dos destaques do Boletim de Conjuntura Agropecuária na semana de 27 de agosto a 3 de setembro. O documento é preparado pelos técnicos do Departamento de Economia Rural (Deral), da Secretaria de Estado da Agricultura e do Abastecimento.

O início da semeadura do milho foi possível em razão das condições climáticas favoráveis. A área ainda é pequena, com plantio em 14,5 mil hectares, o que representa apenas 3% da extensão total estimada de 422 mil hectares. Mas é grande a esperança de a produção saltar de 3,1 milhões de toneladas para 4,1 milhões.

Se isso se confirmar, a produtividade ficará em 9,7 mil quilos por hectare, quase próximo do recorde da safra 2019/20, quando se conseguiu 10 mil quilos por hectare. Enquanto começa a ganhar corpo a semeadura da primeira safra 2021/22, os produtores também avançam na colheita da segunda safra 2020/21, que historicamente se encerra em setembro.

Até agora foram colhidos 82% da área estimada de 2,5 milhões de hectares.

Se no campo as condições ajudam os produtores, o mesmo se repete na comercialização. O mês de agosto fechou com a saca de 60 quilos valendo R$ 93,64. O valor representa aumento de 106% em relação ao que o agricultor recebia no mesmo período do ano passado. Se o comparativo for com 2019, a elevação é de 237%.

TRIGO E SOJA – O boletim retrata, ainda, que a colheita de trigo também começou no Paraná. No entanto, as primeiras áreas tiveram problemas de produtividade em decorrência das geadas e estiagem. Mas, assim mesmo, os produtores comemoram, em razão de os preços terem subido 8% no último mês e 52% se comparado com agosto de 2020. A média de R$ 87,75 a saca de 60 quilos compensa, em alguns casos, as perdas no campo.

Na análise sobre a soja, o documento fala das portarias 388 e 389, do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, que alteraram o calendário e a forma de tratar a cultura com vistas a aprimorar o Plano Nacional de Controle da Ferrugem Asiática. Entre as mudanças está o período do vazio sanitário, que será definido anualmente a partir de agora. Para a safra 2021/22, o período de semeadura será de 13 de setembro de 2021 a 31 de janeiro de 2022.

FEIJÃO E MANDIOCA – O plantio do feijão primeiro ciclo da safra das águas 2021/22 avança no Estado. Em relação à semana anterior, houve evolução de 403 hectares para 2 mil. A janela de semeadura vai de agosto a dezembro, com previsão de 144 mil hectares plantados.

Para os produtores de mandioca, as condições climáticas ainda prejudicam a colheita. Com chuvas escassas nas principais regiões produtoras, além de terem dificuldade para colher, os agricultores também não conseguem preparar o solo para o plantio e observam que as lavouras recém-implantadas foram afetadas.

OUTROS PRODUTOS – O documento preparado pelo Deral também fala sobre a produção de gramados e plantas perenes ornamentais, que representam 77,7% no Valor Básico da Produção Agropecuária dos produtos de floricultura. Há, ainda, registro sobre as previsões de pequena queda tanto em área quanto em produção de batata no primeiro ciclo da safra 2021/22.

Na pecuária leiteira, o boletim registra acordo entre o IDR-Paraná e o Senar/PR para capacitação de técnicos e de produtores de todo o Estado. Na fase inicial, serão investidos R$ 8,9 milhões. Também é feita uma análise sobre as exportações brasileiras de carne de frango. Nos primeiros sete meses de 2021, o aumento foi de 15% em faturamento e de 7,4% em quantidade.

Alunos de Turvo recebem uniformes, materiais educativos e equipamentos de proteção contra a Covid-19


Durante esta semana, o Prefeito Jeronimo, o Vice-prefeito Aroldo Leão, e a Secretária de Educação, Cultura e Esporte Silvane, realizaram entregas de equipamentos de proteção contra a Covid-19, uniformes escolares e materiais educativos nas escolas e colégios do município.

A entrega dos EPI’s, que incluem álcool em gel e líquido, borrifadores, dispenser’s e tapetes sanitizantes, é uma medida para auxiliar na proteção de alunos e funcionários das unidades de educação em Turvo.

Também foram realizadas as entregas das novas mesas digitais, que serão importantes ferramentas de auxílio no aprendizado dos alunos do ensino infantil.

Fonte e fotos: Prefeitura de Turvo 


Mais 3.557 casos e 65 óbitos pela Covid-19 são confirmados no Paraná


A Secretaria de Estado da Saúde divulgou nesta quinta-feira (2) mais 3.757 casos e 65 mortes pela Covid-19 no Paraná. Os números incluem meses ou semanas anteriores e não representam a notificação das últimas 24 horas.

Os dados acumulados do monitoramento mostram que Estado soma 1.455.954 casos e 37.397 óbitos pela doença.

Os casos confirmados divulgados nesta quinta-feira são de agosto (1) de 2020 e dos seguintes meses de 2021: fevereiro (1), março (6), abril (41), maio (189), junho (249), julho (35), agosto (2.755) e setembro (480).

INTERNADOS – De acordo com o informe da Saúde, 1.016 pacientes com diagnóstico confirmado estão internados. São 740 em leitos SUS (437 em UTIs e 303 em enfermarias) e 276 em leitos da rede particular (144 em UTIs e 132 em enfermarias).

Há outros 1.436 pacientes internados, 693 em leitos de UTI e 743 em enfermaria, que aguardam resultados de exames. Eles estão em leitos das redes pública e particular e são considerados casos suspeitos de infecção pelo Sars-CoV-2.

ÓBITOS – A Secretaria da Saúde informa a morte de mais 65 pacientes. São 25 mulheres e 40 homens, com idades que variam de 24 a 96 anos. Os óbitos ocorreram entre 6 de abril e 2 de setembro de 2021.

Os pacientes que foram a óbito residiam Curitiba (14), Londrina (9), Ponta Grossa (4), Lapa (4), Cascavel (3), Maringá (2) e Apucarana (2). Foi registrada, ainda, a morte de uma pessoa em cada um dos seguintes municípios: Ventania, Umuarama, Telêmaco Borba, São José dos Pinhais, Salto do Lontra, Querência do Norte, Pérola, Pinhais, Paranaguá, Ouro Verde do Oeste, Ortigueira, Nova Santa Rosa, Moreira Sales, Marilena, Jataizinho, Itaguajé, Guaíra, Foz do Iguaçu, Fazenda Rio Grande, Diamante do Sul, Colorado, Cianorte, Astorga, Andirá, Ampére, Alvorada do Sul e Altônia.

FORA DO PARANÁ – O monitoramento registra 6.526 casos de não residentes no Estado – 217 pessoas foram a óbito.


Turvo registra mais 04 casos de Covid-19

 


Liquida Primavera Verão do Lojão do Braz Turvo começa nesta sexta-feira

 


Homem que morreu durante assalto está sendo velado no salão da igreja da Cachoeira dos Turcos, em Turvo


Na noite desta quarta-feira (1º), dois idosos foram assaltados em casa próximo da igreja na Localidade da Cachoeira dos Turcos, em Turvo.

Quando a Polícia Militar chegou no local, se deparou com um senhor idoso caído ao chão no interior da residência aparentemente sem sinais vitais, sendo desta forma prontamente acionado a Ambulância da Saúde de Turvo. 

Encontrava-se também uma senhora, 73 anos, a qual relatou a equipe que ela e seu irmão estavam no interior da residência que moram juntos, quando três indivíduos chegaram batendo na porta se passando por um vizinho, e quando seu irmão abriu a porta, os indivíduos deram voz de assalto e adentraram ao interior da residência. 

O senhor de 73 anos, foi derrubado ao chão pelos autores e amarrado, enquanto outro indivíduo empurrou a senhora de 73 anos em direção ao seu quarto tentando lhe desmaiar com algum produto em sua boca e nariz, o que não ocorreu. 

Os autores roubaram a quantia de R$ 10.000,00 (dez mil reais) e evadiram-se do local em algum veículo, o qual a vítima não soube informar nenhuma característica. 

Durante o atendimento médico foi confirmado o óbito do senhor Jonathas Almeida Brasil (Jonas Meira), de 73 anos.

O velório do senhor Jonas está acontecendo no salão da igreja, na Localidade da Cachoeira dos Turcos.

As 16h00 será rezada a missa, e em seguida acontece o sepultamento.


Carreta carregada de madeira tomba após colisão na PRC-466, em Manoel Ribas


Uma carreta tombou na manhã desta quinta-feira (2), no entroncamento das PRs 466 e 487, em Manoel Ribas.

Segundo informações, a colisão foi entre uma carreta e um caminhão baú; após a batida o motorista da carreta perdeu o controle do veículo e tombou, derrubando a carga de madeira na rodovia.

O Corpo de Bombeiros e a Polícia Militar (PM) estão no local. Conforme a Defesa Civil, os dois condutores estão com ferimentos moderados e a equipe espera reforços para o atendimento as vítimas.

Dois presos fogem da Penitenciária de Guarapuava


Por volta das 08h40min, uma equipe de Rádio Patrulha deslocou até a Rua Flávio Correa dos Santos, bairro São Cristóvão, em Guarapuava para dar atendimento a uma situação de fuga de presos na P.E.G. 

A equipe no local em contato com o solicitante, o qual repassou que visualizaram pelo sistema de monitoramento, que por volta das 08h40min dois presos 40 e 25 anos, danificaram o alambrado do solário da P.E.G. UP adentrando ao Pátio da P.I.G. (Penitenciária Industrial de Guarapuava), onde escalaram o outro alambrado e evadiram-se tomando rumo ignorado. 

Os internos trajavam calça cinza e camiseta laranja (uniforme da PEG UP). A equipe repassou ao Copom e realizaram patrulhamento, porém sem êxito em localizar os presos.

Fonte: PM

Caminhoneiro fica ferido após colidir contra cavalo na PRC-466

Por volta das 20h00 desta quarta-feira (1º), a Polícia Rodoviária atendeu um acidente do tipo atropelamento de animal (cavalo), ocorrido na Rodovia PRC-466 km 182+400m, em Pitanga, envolvendo o caminhão Mercedez Benz Acello, placas de Pato Branco.

O condutor do caminhão teve ferimentos e se deslocou até o a Hospital São Vicente de Paulo de Pitanga. O animal atropelado morreu no local.

Com informações e fotos: PRE

Idoso morre dentro de casa durante assalto no Interior de Turvo


Por volta das 19h00 desta quarta-feira (1º), a equipe da Polícia Militar de Turvo recebeu uma ligação informando sobre uma ocorrência de um roubo próximo da igreja na Localidade de Cachoeira dos Turcos.

Deslocado ao local, onde ao chegar na residência dos fatos, equipe se deparou com um senhor idoso caído ao chão no interior da residência aparentemente sem sinais vitais, sendo desta forma prontamente acionado a ambulância para deslocar ao local.

No local, encontrava-se também outra Sra. idosa, sendo a pessoa, a qual relatou a equipe que ela e seu irmão estavam no interior da residência que moram juntos, quando três indivíduos chegaram batendo na porta se passando por um vizinho, e que seu irmão então abriu a porta, momento que os indivíduos deram voz de assalto e adentraram ao interior da residência, que logo seu irmão, Jonathas Almeida Brasil, foi derrubado ao chão pelos meliantes e amarrado com fitas adesivas, que outro indivíduo a empurrou em direção ao seu quarto tentando lhe desmaiar com algum produto em sua boca e nariz, o que não ocorreu. 

Que logo os autores começaram a revirar todo o seu quarto e ainda outro cômodo que também havia seus pertences, sendo que os mesmos localizaram certa quantia em dinheiro que a Sra. guardava em sua residência. Que durante este tempo um dos meliantes a segurava, e que ela ouvia o seu irmão se debatendo no chão da cozinha.

Após localizarem o dinheiro, os autores se evadiram do local em algum veículo, sendo que a Sra. não soube informar nenhuma característica, tendo apenas ouvido o barulho do carro saindo do local.

No local compareceu a ambulância com a enfermeira do Hospital Bom Pastor, sendo que foi confirmado o óbito do Sr. Jonathas Almeida Brasil (Jonas Meira), que o corpo do mesmo não apresentava sinais de violência como ferimentos ou sangramento.

No momento da chegada da equipe policial no local, o mesmo já se encontrava sem as amarras feitas pelos autores, sendo que tais amarras foram retiradas pela Sra.

Diante dos fatos foi isolado o local e acionado a Polícia Civil, Criminalística e IML para realização da perícia e recolhimento do corpo.


Publicidade