sábado, 21 de março de 2020

Hotéis são preparados para alojar profissionais da saúde


O Governo do Estado viabilizou uma rede de proteção aos profissionais de saúde diretamente ligados ao controle e tratamento do coronavírus no Paraná. Hotéis de diferentes municípios, de maneira voluntária, serão transformados em alojamentos a partir da próxima semana. A iniciativa atende uma solicitação do governador Carlos Massa Ratinho Junior e será coordenada pela Secretaria da Saúde e Defesa Civil estadual. A intenção é evitar a propagação da doença.

“O Estado se planeja para antecipar as medidas preventivas, pensando também naqueles profissionais que estão na linha de frente do combate ao Covid-19”, destacou Ratinho Junior. “Os hotéis foram muito solícitos, entendendo a gravidade do momento. Somente com união e parcerias é que vamos vencer essa doença”, acrescentou.

Dois hotéis em Curitiba, dois no Litoral (Guaratuba e Pontal do Paraná) e um Medianeira, na Região Oeste, já disponibilizaram seus espaços, totalizando 250 quartos. Durante o período, esses locais serão dedicados exclusivamente para o isolamento dos profissionais da saúde, deixando de receber hóspedes comuns. A duração do acordo depende do acerto individual com cada uma das empresas. A ideia é viabilizar parcerias similares em todo o Paraná.

PREPARAÇÃO - Um desses hotéis, na região Central da Capital, ficará disponível a partir de segunda-feira (23) e passará a receber médicos, enfermeiros e técnicos em enfermagem, entre outras categorias, na quarta-feira (25), após uma ação de limpeza e esterilização por parte da Defesa Civil. O acordo vale, inicialmente, por 30 dias.

O trabalho de higienização dos 76 leitos disponíveis começou neste sábado (21). “Esses profissionais da área da saúde precisam de um espaço seguro para descansar, para seguir colaborando com o atendimento à população”, explicou o coordenador da Defesa Civil do Estado, tenente-coronel Fernando Schunig.

“Em algum momento eles não vão conseguir retornar para suas residências justamente para não aumentar o perigo. Então esses hotéis servirão como alojamento. É o Estado se preocupando com esses profissionais, uma questão de segurança pública”, acrescentou o coordenador.

Schunig explicou que a relação de profissionais que serão deslocados para esses espaços será definida pela secretaria de Saúde. Inicialmente, a intenção é que os hotéis sejam utilizados por profissionais da mesma cidade, facilitando a logística e o deslocamento. “É um ponto de apoio que busca facilitar um pouco a vida de quem está exposto ao risco mais do que ninguém”, afirmou.

PARANÁ TURISMO – O contato e o acordo com os hotéis estão sendo feitos pela Paraná Turismo, entidade vinculada à Secretaria do Desenvolvimento Sustentável e do Turismo. Presidente da entidade, João Jacob Mehl disse que a disponibilidade de quartos vai aumentar de acordo com a necessidade, podendo haver um revezamento de espaços.

O trabalho, de acordo com ele, é para viabilizar alojamentos no maior número de cidades possível. “Mostra a união do povo paranaense, que quer sair o quanto antes dessa pandemia. Estamos atentos para que a ideia ganhe o maior volume possível de leitos”, disse.

Fonte: AEN

Novo decreto determina fechamento do comércio de Guarapuava



Veja o pronunciamento do prefeito Cesar Filho:


Comunicado do Marcelão Móveis e Eletro



Paraná tem 43 casos confirmados de coronavírus


A Secretaria de Estado da Saúde confirmou neste sábado (21) mais sete casos de coronavírus no Paraná. Os pacientes são de Curitiba (4), Umuarama (1), Ponta Grossa (1) e Pato Branco (1). O número de casos confirmados no Estado subiu para 43.

As confirmações são de quatro homens e três mulheres com idades entre 28 e 81 anos, com viagens para São Paulo, Rio de Janeiro e Estados Unidos. 

Os resultados foram divulgados pelo Laboratório Central do Estado (Lacen), além de dois laboratórios privados já habilitados para confirmações da doença.

O Paraná tem atualmente 43 casos confirmados, 172 descartados e 273 suspeitos. Destes, três estão em isolamento hospitalar e os demais em isolamento domiciliar.

Fonte: AEN

Prefeito decreta toque de recolher em Turvo


Em novo decreto do prefeito de Turvo, Jeronimo Gadens do Rosario, fica incluído o "toque de recolher" da 19h00 ás 06h00. Veja as medidas abaixo:

DECRETO:

Art. 1º A suspensão do transporte público rodoviário intramunicipal, intermunicipal e interestadual de passageiros, ficando autorizado o transporte privado de passageiros, de cargas e outros, desde que realizado número e periodicidade exclusivamente suficiente à manutenção das atividades consideradas essenciais ou que por sua natureza não possam ser paralisadas, a exemplo da colheita, armazenamento e escoamento da safra, produção leiteira e setor da indústria, devendo em todos os casos serem rigorosamente observados e cumpridos os protocolos de saúde determinado pelos órgãos oficiais. 

Parágrafo único: Em havendo suspeita de burla a regra estabelecida no caput, poderão os órgãos municipais de fiscalização solicitar relatório prévio de veículos de cargas e passageiros utilizados pelas pessoas físicas e jurídicas na manutenção das suas atividades. 

Art. 2º As panificadoras e similares são consideradas para todos os efeitos como comércio essencial, entretanto o seu funcionamento fica condicionado ao fiel cumprimento do protocolo de saúde determinado pelos órgãos oficiais, ao funcionamento tal como determinado aos supermercados (Art. 5º do Decreto 27/2020), ficando totalmente vedada a consumação dentro do estabelecimento.

Art. 3º As agropecuárias, considerando que atuam com prescrição e medicação em semoventes, deverão funcionar a portas fechadas, realizando atendimento apenas em casos de emergência como se tratamento de saúde fosse, ainda devendo observância fiel aos protocolos de saúde e as normas de higiene no local, bem como respeitar as mesmas regras estabelecidas em demais determinações já realizadas, em especial ao Art. 5º do Decreto 27/2020. 

Art. 4º As Cooperativas Cerealistas deverão garantir o cumprimento dos protocolos da saúde, disponibilizando espaço reservado para os motoristas que vem de fora do Município, impedindo o seu contato com os demais funcionários do ambiente, intensificando as normas de higiene e reduzindo substancialmente no que possível for o funcionamento de suas atividades, impedindo aglomerações e descumprimento das normas de higiene estabelecida pelos órgãos e saúde. 

Art. 5º As oficinas (mecânica, elétrica, borracharias e similares) automotivas e de motocicletas, principalmente aquelas situadas às margens das rodovias municipais e estaduais na circunscrição do Município de Turvo, também deverão se submeter ao regramento imposto pelo Decreto Nº 27/2020, isto é, não deverão mais realizar atendimentos ao público, ficando autorizado excepcionalmente trabalho interno desde que com total submissão as regras de higiene e aos protocolos de saúde determinado pelos órgãos oficiais. 

Art. 6º A partir do dia 21 de março de 2020, fica determinado o "toque de recolher" das 19h00 às 06h00, em todo o território do Município de Turvo, sendo, portanto, determinado que cada cidadão turvense permaneça em sua residência, primando pelo máximo cuidado e prevenção com a saúde de todos em atendimento às regras estabelecidas pelos órgãos de saúde. 

Art. 7º Considerando a Resolução SESA - Secretaria de Saúde do Governo do Estado do Paraná, nº. 338/2020, em especial seu Art. 2º, fica suspenso o atendimento presencial, de qualquer natureza, nas repartições públicas, exceto situações excepcionais definidas por cada órgão e aquelas que configurem risco iminente à vida em qualquer circunstância. 

Art. 8º. Este Decreto entra em vigor na data de 21 de março de 2020, revogada as disposições em contrário. 


Prefeitura Municipal de Turvo, Paraná, 21 de março de 2020. 

Jeronimo Gadens do Rosario 
Prefeito Municipal

Carreta tomba na PRC-487, em Nova Tebas


Na tarde dessa sexta-feira (21), A Polícia Rodoviária atendeu um acidente do tipo tombamento, ocorrido na PRC-487 km 247 + 000m, em Nova Tebas, envolvendo o veículo Volvo FH 500 placas de Ponta Grossa, conduzido por C. X. B. de 51 anos. 

Do acidente resultou em ferimentos leves no condutor, o qual foi encaminhado ao Hospital Municipal de Iretama.

Apenas comércios essenciais podem permanecer abertos em Turvo


MEDIDAS DE AÇÃO COMUNITÁRIA E APOIO A VIGILÂNCIA ATIVA: Todo cidadão poderá contribuir através de denúncias de indivíduos, estabelecimentos e residências que não estejam cumprindo com os decretos de controle de disseminação do COVID-19.

Casos suspeitos que não respeitem o isolamento domiciliar de 14 dias, assim como estabelecimentos que não sigam as normas ou locais que incentivem a aglomeração de pessoas, poderão sofrer penalidades. Por conseguinte, pessoas vindas de outras regiões e de fora do estado, também devem ser monitoradas.
Em casos de denúncia entrar em contato no número (42) 99152 1917. Sua denúncia poderá ser anônima.

LINK DO DECRETO: www.blogdoeloi.com.br


Manilhas que fechavam acesso da cidade de Pitanga são quebradas


No dia 21 de março, às 22h00min, na Rua Erval, ao realizar patrulhamento pelos pontos de bloqueio da cidade, a equipe policial foi informada pelo Exmo. Prefeito de Pitanga, que algumas pessoas estariam postando em rede social que teriam quebrado as manilhas de contenção, e os envolvidos que haviam postado seriam dois masculinos, um de 18 anos e outro com 22 anos. 

Diante das informações, foram realizadas diligências, sendo logrado êxito em localiza-los. Anexado “prints” dos posts das redes sociais e conduzidos a 45ªDRP de Pitanga.