quinta-feira, 31 de janeiro de 2019

Prefeitura de Turvo estará disponibilizando transporte para o Show Rural, em Cascavel



Prefeitura estará disponibilizando transporte para os interessados em participar do Show Rural, uma das maiores feira de agronegócios do Brasil.

Saindo no dia 07 de fevereiro, às 04:30h (manhã).

SOBRE A COOPAVEL

Você descobrirá o que irá funcionar melhor em sua terra na prática, em adubação, biotecnologia, variedades de sementes e seu potencial de produção, proteção de plantio, tratos culturais e híbridos.

Descobrir e experimentar é o melhor jeito de aprender e você entra em contato direto com pesquisadores de renome para poder tirar dúvidas sobre como aumentar sua produção diretamente na fonte do conhecimento.

Bancos, cooperativas de crédito e seguradoras vêm até nosso evento para oferecer para você condições e linhas de créditos exclusivas para expandir sua produção.

Seja na avicultura, suinocultura e pecuária, no Show Rural Coopavel você entra em contato com os melhores profissionais da área e fica por dentro das técnicas de manejo, do bem-estar animal, eficiência produtiva, pastagem e sanidade animal.

Consciência ambiental está relacionado diretamente com tudo que construímos e ensinamos até agora, é por isso que também é possível aprender sobre agricultura sustentável, reflorestamento, recuperação de solo e energias alternativas.

Venda de animais direto do Produtor.
Palestras técnicas.
Exposição de animais.
Lançamentos de Máquinas e equipamentos.
Genética Animal.
Inseminação artificial.
Nutrição Animal.

A 31ª edição do Show Rural Coopavel, de 4 a 8 de fevereiro, acontecerá no km-577 da BR-277, em Cascavel saída para Curitiba. São 520 expositores e a expectativa de público é superior a 250 mil pessoas. A movimentação financeira esperada é entre R$ 1,5 bilhão e R$ 2 bilhões.


Interessados deixar seu Nome, CPF e RG na Secretaria de Agricultura e Pecuária - 42 3642 2150

Presidente do STJ determina libertação imediata de Beto Richa, ex-governador do Paraná


Na noite desta quinta-feira (31), o presidente do Superior Tribunal de Justiça, ministro João Otávio de Noronha, liminar em recurso em habeas corpus e determinou a libertação imediata do ex-governador do Paraná Beto Richa, preso desde 25 de janeiro deste ano.

Na mesma decisão, o ministro expediu uma ordem de salvo-conduto em favor de Beto Richa e do seu irmão, José Richa Filho, para que eles não sejam presos cautelarmente no âmbito da Operação Integração II, exceto se demonstrada, concretamente, a presença de algum dos fundamentos admitidos pela legislação processual para a decretação de tal medida.

O recurso em habeas corpus foi interposto pela defesa em decorrência das Operações Piloto e Integração II, de competência da 23ª Vara Federal de Curitiba. O entendimento da primeira instância é que a prisão era necessária por conveniência da instrução processual, tendo em vista suspeitas de ações para dissuadir uma testemunha do caso.

A Operação Piloto investiga a suposta participação de Beto e José Richa em um esquema de recebimento de propina do Grupo Odebrecht, e a Operação Integração II apura suposta participação, entre 2011 e 2014, em um esquema criminoso que teria beneficiado empresas concessionárias de rodovias no Paraná.

Segundo o ministro João Otávio de Noronha, não há, no caso, qualquer fundamentação apta a justificar a decretação da prisão preventiva contra o ex-governador.

“Nada de concreto foi demonstrado que se prestasse a justificar a necessidade de proteger a instrução criminal e, com isso, justificar a preventiva decretada”, afirmou Noronha.

Fatos antigos

O ministro citou trechos do decreto prisional que mencionam atos supostamente praticados pelo ex-governador nos anos de 2011 e 2012. A situação fática, de acordo com o presidente do STJ, mudou completamente.

“Os fatos remontam há mais de sete anos e, além disso, a realidade é outra, houve renúncia ao cargo eletivo, submissão a novo pleito eleitoral e derrota nas eleições. Ou seja, o que poderia justificar a manutenção da ordem pública – fatos recentes e poder de dissuasão – não se faz, efetivamente, presente.”

À luz dos elementos constantes no processo, disse Noronha, a prisão “mostra-se assaz precipitada e desprovida de embasamento fático”. Segundo o ministro, em momento algum se mostrou ação de Beto Richa destinada a influenciar testemunhos, corromper provas ou dificultar diligências.

Após parecer do Ministério Público Federal, o mérito do recurso em habeas corpus será julgado pela Sexta Turma, sob relatoria da ministra Laurita Vaz.

Fonte: Massa News

Neste domingo acontece a grande festa em Passo Grande - Turvo



Três pessoas morrem afogadas no Rio dos Patos, em Prudentópolis



Três pessoas morreram afogadas no final da tarde desta quinta feira (31 de janeiro) no Rio dos Patos, em Prudentópolis.

O Bombeiro Comunitário foi comunicado dos afogamentos por volta das 18h15. Até o momento (20h15) dois corpos já foram retirados da água. Os mergulhadores procuram pela terceira vítima.

De acordo com os populares, as três vítimas fatais seriam parentes e estariam nadando no local, que é bastante freqüentado por banhistas.

O afogamento ocorreu na estrada que liga a Vila Mariana até o Rio dos Patos.

A água do Rio está bastante suja, o que prejudica a visibilidade dos mergulhadores na busca do terceiro corpo.

O Instituto Médico Legal (IML0 de Guarapuava foi acionado para recolher os corpos.

Até o momento, os nomes das vítimas não foram divulgados.

Fonte: GRMais

Morre no hospital menino de 2 anos que levou choque ao sair do banho no interior do PR


Morreu, na manhã desta quinta-feira (31), em Paiçandu ( Norte do Paraná), a criança que estava internada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) neuropediátrica do Hospital Santa Rita, em Maringá. O menino morreu por volta das 8h30 decorrente de uma parada cardíaca e de falência de múltiplos órgãos.

De acordo com o médico plantonista do hospital, Paulo Marinho do Nascimento Neto, inicialmente, a criança reagiu ao tratamento, mas durante a manhã de hoje, parou de responder às medicações, evoluindo para a parada cardíaca. 

Na tarde desta quarta, segundo o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), que socorreu a criança, o menino brincava em uma banheira quando aconteceu o acidente.

“Tinha um fio desencapado perto da banheira e ocorreu um curto-circuito, momento em que a criança tomou o choque”, explicou o médico e coordenador do Samu, Maurício Lemos.

Já a família, informou que o fio desencapado estava em uma extensão no quarto e ele foi atingido quando saía do chuveiro.

Fonte: Banda B



Faleceu em Turvo, José Krichak


Faleceu na manhã dessa quinta-feira (31), o senhor José Krichak, com 74 anos. O velório será na Capela Mortuária. O sepultamento será ás 10h00 dessa sexta-feira, no Cemitério Presbiteriano. 

O Senhor José Krichak morava na localidade de Alto do Turvo e era bastante conhecido na cidade. 

Informações repassadas pela Funerária SerLuto de Turvo.

Mulher morre atropelada na PRC-466 em Turvo



Um acidente do tipo atropelamento aconteceu na manhã dessa quinta-feira (31) na rodovia PRC-466, na localidade do Faxinal dos Vidal (entrada da Ibema). Segundo informações repassadas ao Blog do Elói no local do acidente, a senhora Graciolina Paula Cordeiro dos Santos, de 68 anos, foi atravessar a rodovia quando foi atingida por um veículo Peugeot com placas de Curitiba.

O condutor do veículo parou prestar socorro, mas a vítima já estava em óbito.

A Polícia Rodoviária está prestando atendimento no local, bem como a Polícia Militar de Turvo que ajuda orientar o trânsito, até a chegada do Instituto de Criminalística e do IML.

Segundo nos informou a Funerária SerLuto, o velório será no salão da igreja do Faxinal dos Vidal.



Sicredi lança consórcio para móveis planejados


Além de viabilizar a aquisição destes produtos pelos associados, nova modalidade permite às cooperativas de crédito filiadas à instituição acelerar o desenvolvimento do setor moveleiro, gerando mais empregos e renda nas regiões onde atuam


O Sicredi – instituição financeira cooperativa com mais de 4 milhões de associados e atuação em 22 estados e Distrito Federal – deu mais um passo no mercado de consórcios e lançou, nesta segunda-feira, 28 de janeiro, o Consórcio de Móveis Planejados. A partir de agora, o consorciado do Sicredi terá a oportunidade de planejar a aquisição do ambiente dos seus sonhos, mobiliando ou renovando um cômodo da sua casa ou do seu negócio. 

Além de viabilizar a aquisição de conjunto de bens com maior valor agregado, como salas e cozinhas planejadas, mediante faixas de créditos maiores e taxas menores que as praticadas atualmente no mercado, esta inovação permitirá que as 114 cooperativas de crédito do Sicredi – que atuam em mais de 1.200 municípios brasileiros – também possam fazer parcerias locais e, assim, alavancarem o setor moveleiro, gerando mais empregos e renda para as regiões.

Segundo Jocimar Martins, gerente da Administradora de Consórcios do Sicredi, atualmente a maior parte das administradoras de consórcio para aquisição de móveis está vinculada a lojas de varejo, que oferecem faixas de crédito baixas e prazos curtos de, no máximo, 12 meses para pagamento. “A maioria das lojas de mobiliário planejado não possui capacidade financeira para financiamento de longo prazo, cabendo a bancos e financeiras realizarem a operação a um custo muito elevado e sem a oportunidade de negociar descontos”, explica Martins.

A consolidação do produto consórcio junto as cooperativas de crédito filiadas ao Sicredi é um dos grandes diferenciais na atuação da instituição nesse segmento. O Sicredi já possui amplo conhecimento e expertise em processos de contemplação. Além do novo Consórcio para Móveis Planejados, a instituição conta com Consórcio de Automóveis, de Imóveis, Náutico, de Caminhões, de Tratores e Utilitários, de Serviços, de Motocicletas e Sustentável, num sistema de compra cooperativada em que o associado contribui mensalmente por meio de um do autofinanciamento.

Sobre o Sicredi 

O Sicredi é uma instituição financeira cooperativa comprometida com o crescimento dos seus associados e com o desenvolvimento das regiões onde atua. O modelo de gestão do Sicredi valoriza a participação dos mais de 4 milhões de associados, os quais exercem papel de donos do negócio. Com presença nacional, o Sicredi está em 22 estados* e no Distrito Federal, com mais de 1.600 agências, e oferece mais de 300 produtos e serviços financeiros (www.sicredi.com.br

*Acre, Alagoas, Bahia, Ceará, Goiás, Maranhão, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Pará, Paraíba, Paraná, Pernambuco, Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Rondônia, Santa Catarina, São Paulo, Sergipe e Tocantins.


Michael Bueno
Comunicação e Marketing

Sicredi Planalto das Águas PR/SP
Superintendência Regional - Guarapuava / PR