sexta-feira, 21 de junho de 2019

Padrasto é suspeito de estuprar criança de 4 anos em Guarapuava


A equipe policial deslocou para verificar uma situação de estupro de vulnerável . No local relatou o médico que estava atendendo a criança 4 anos, a qual queixava-se de dores abdominais e sangramento vaginal, indicando que a vítima poderia ter sofrido violência sexual. 

Questionada a genitora da criança, 39 anos, respondeu que convive com um masculino de 38 anos, mas desconhece qualquer situação de abuso, no entanto a vítima relatou que seu padrasto teria tirado sua calça e colocado a mão em suas partes íntimas. 

Com base nessas informações a equipe acionou o oficial CPU e deslocou até a residência do autor, porém durante deslocamento o autor foi visualizado conduzindo o veículo GM/Corsa, pela avenida Manoel Ribas, sendo então abordado em frente ao numeral 2087. Realizada a busca pessoal e no veículo sem que nada de ilícito fosse localizado. Na sequencia o autor aceitou realizar o teste etilométrico resultando em 0,52 mg/l. Realizado consulta via COPOM foi constatado que o veículo não possuía queixa de furto/roubo, porém constava débitos de licenciamento, sendo então acionado o guincho e realizado o recolhimento até o pátio do 16º BPM. 

No hospital São Vicente se fez presente o conselheiro tutelar, o qual acompanhou os procedimentos e também, se fez presente o médico legista (CRM 29922) o qual realizou os exames e constatou lesão de hiperemia próxima a região genital da criança, sendo emitido laudo informando.

Diante dos fatos foi deslocado até a 14ª SDP com o autor e a genitora da menor. Foram lavrados os AITs referente as infrações constatadas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário