quinta-feira, 3 de dezembro de 2015

Chave Ouro: Guarapuava e Umuarama terão força máxima no jogo decisivo.


Segundo jogo da decisão será no sábado (dia 5), em Umuarama.

De acordo com o Boletim Oficial nº 366 da Federação Paranaense de Futsal (FPFS), as equipes do Gazin/Umuarama/Penalty e do Poker/Óleo Leve/Guarapuava Futsal não terão desfalques de ordem disciplinar na segunda partida da decisão do Campeonato Paranaense de Futsal, Chave Ouro 2015. Assim, é provável que os técnicos repitam os relacionados do primeiro jogo no próximo sábado (5), no ginásio Amário Vieira da Costa, em Umuarama.

No entanto, se houver uma terceira partida na final (no caso de vitória umuaramense), alguns jogadores poderão ficar de fora, já que estão pendurados com dois cartões amarelos. São os casos de Bynho, Felipinho, Vitor, Mauricinho e Marcão, do Guarapuava, e Caio, do Umuarama. Além disso, os guarapuavanos seguem sem poder contar com o ala Diece que passou por uma cirurgia no joelho, ficando de fora das partidas finais do campeonato.

Guarapuava com a vantagem do empate

Com a vitória por 3x2 na partida do Joaquinzão, o Guarapuava Futsal conquistará o terceiro título da Chave Ouro se vencer ou empatar o jogo do próximo sábado. Se a vitória for de Umuarama, haverá uma terceira partida também em Umuarama (provavelmente no dia 12), com o time do Noroeste invertendo a vantagem do empate.

Para reverter a vantagem dos guarapuavanos, a diretoria do Umuarama Futsal espera ter casa cheia no Amário Vieira da Costa. Foram colocados à venda 2.500 ingressos, em dois lotes: o primeiro com 1.500 unidades, no valor de R$ 30,00 (inteira) e R$ 15,00 (meia-entrada) e o segundo com 1.000 unidades, no valor de R$ 40,00 (inteira) e R$ 20,00 (meia-entrada). Lembrando que os jogos da final são disputados com torcida única. Ou seja, apenas a torcida umuaramense poderá comparecer no ginásio.

Esquenta a luta pela artilharia

Além do principal título do futsal paranaense, a luta pela artilharia do certame segue intensa. O pivô Pedro, do Umuarama, tem 22 gols marcados, mas Bruno Petry, do Guarapuava, encostou, ao marcar mais uma vez no primeiro jogo da final. Agora o jogador tem 21 tentos anotados.

Correndo por fora estão Caio e Léo, do Umuarama, com 17 gols cada, e Felipinho, do Guarapuava, com 16. Como existe a possibilidade de mais um jogo ser disputado (em caso de vitória do Umuarama) os três atletas ainda podem alcançar os líderes da artilharia.

Fortes chuvas provocam grandes estragos no interior de Candói



O município de Candói tem sentido os estragos das fortes chuvas que vem caindo nos últimos dias.

Somente na tarde do dia 02 choveu cerca de 120 milímetros, o que ocasionou prejuízos à toda a população do interior.

Pontes, bueiros e estradas foram danificados com o grande volume de água.

O secretário municipal de obras, serviços públicos e transportes de Candói, Adilson Costa, informa que as providências já estão sendo tomadas para resolver os problemas, mas mesmo assim pede o apoio e a contribuição dos candoianos. “A previsão é que nos próximos dias ainda caia muita chuva no município de Candói, por isso peço aos moradores do interior que colabore com a limpeza das sarjetas para evitar maiores prejuízos”, declara o secretário.

Somente no mês de novembro choveu o acumulado de mais de300 milímetros, o que dificulta a execução dos trabalhos da secretaria, por causa da grande umidade da terra.





Assessoria de Imprensa Prefeitura de Candói. 

Bazar Solidário em prol do Hospital Bom Pastor está sendo um sucesso em Turvo.


Estivemos nessa manhã de quinta-feira, 03 de dezembro, visitando o Bazar em prol do Hospital Bom Pastor, que está acontecendo em frente ao Hospital. Lá pudemos ver um grande movimento de pessoas comprando e colaborando. Muitas doações também foram arrecadadas e os organizadores nos informaram que as pessoas ainda podem colaborar, pois o bazar vai durar o mês todo. Você pode colaborar doando roupas, calçados, brinquedos, móveis e eletrodomésticos ou então comprando os produtos já arrecadados. Se você preferir pode ligar que os organizadores irão buscar as suas doações, telefone: (42) 3642-1181.

O Hospital conta com a sua ajuda!



Turvo realiza Seminário de encerramento do Pnaic.



Na noite desta terça-feira, 1º, foi realizado o Seminário de encerramento do Programa Nacional pela Alfabetização na Idade Certa (Pnaic), com o objetivo de apresentar o programa. Durante o evento, autoridades falaram sobre a ação e foram realizadas diversas apresentações. Além de também ser feita a exposição dos trabalhos realizados junto aos alunos das escolas municipais de Turvo.

O Pnaic é uma ação do Ministério da Educação que conta com a participação articulada do Governo Federal e dos governos estaduais e municipais, que juntos mobilizam esforços e recursos na valorização dos professores e escolas, no apoio pedagógico com materiais didáticos de alta qualidade para todas as crianças e na implementação dos sistemas adequados de avaliação, gestão e monitoramento. Este é o terceiro ano de implantação do programa que tem como compromisso a meta de alfabetizar todas as crianças brasileiras até 8 anos de idade.

A Coordenadora do Pacto, professora Valdete Inês Garcia de Almeida, explicou como funciona o programa, onde os professores receberam orientações e participaram de discussões para uma alfabetização de forma interdisciplinar, visando uma formação onde haja um diálogo permanente da prática docente com a equipe pedagógica da escola para a garantia no desenvolvimento dos estudantes, melhorando como um todo a qualidade do ensino público.

Em seguida, a diretora da Escola Professor Elias Abrahão, Iara Angelita Graeszezeszyn ressaltou que o Pacto é um compromisso de todos – escola, família e município – em benefício das crianças, levando o aluno a aprender bem, ler e escrever. Já o secretário da Educação, Gilmar Garcia, afirmou que o professor tem uma carreira permanente, pois nunca deixa de ser um educador. E que investir nesse profissional, é investir na comunidade educacional como um todo.

Quem também acompanhou o Seminário foi o prefeito de Turvo, Nacir Bruger. Ele falou dos benefícios desses investimentos na educação e o quanto isso melhora no desenvolvimento dos alunos também, que acabam levando tudo que aprendem para sua forma de ver e interagir com o mundo a sua volta. “Ficam todos felizes, tendo uma forma de aprendizado mais atraente para as crianças e eficiente, fazendo com que se consiga chegar aos resultados desejados, que são de grande importância”.

A orientadora do Pnaic no município, pedagoga e professora Jacira Gralak, foi quem realizou o curso na Universidade Estadual de Ponta Grossa e repassou os conhecimentos aos professores de Turvo. Ela comenta que, se todos não estiverem envolvidos, é algo que não funciona. “É um desafio e exige compromisso de todos, mas está dando ótimos resultados e nossas crianças estão, de fato, tendo um aprendizado de qualidade”, garante.

As apresentações foram o teatro “A formiguinha e a neve”, com a escola Frida Rickli Naiverth. O teatro de fantoches “Tita e a Chapeuzinho Azul” com a escola João Miguel Maia. A escola Elias Abrahão apresentou o teatro de marionetes Romeu e Julieta (de Ruth Rocha). A escola Infância Feliz contou a história “A menina do vestido azul”. E a escola Santa Anita apresentou o teatro musical “A galinha ruiva”.

Também estiveram presentes no evento a coordenadora da Equipe Pedagógica professora Maria Vanderléia de Lara, a diretora do Departamento de Saúde Sandra Fassini, o diretor do Departamento de Esportes Jonathan Marcondes, além de diretoras, professoras, familiares da comunidade escolar e alunos.

Com informações e fotos: Imprensa PM de Turvo.