sexta-feira, 19 de junho de 2020

POLÍCIA ACREDITA EM FEMINICÍDIO SEGUIDO DE SUICÍDIO A MORTE DE UM CASAL EM CORONEL VIVIDA


Edegar Verlindo Lemes, que tinha 21 anos de idade, e Andreina Lurdes Lemes Major, que tinha 20 anos, foram encontrados mortos na casa aonde estavam morando na rua Sílvio Schaedler, 285, bairro São Luiz, em Coronel Vivida, na manhã desta sexta-feira (19/6).

Os corpos foram encontrados pela mãe de Edegar que desde quinta-feira (18) tentava falar com ele, mas não conseguia. Então, ela vai a casa dele e se depara com aquela cena: filho e nora, mortos.

Disseram o delegado de polícia e o comandante da PM que pelos primeiros levantamentos feitos no loca, tudo leva a crer que Edegar matou Andreina e depois se matou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário