terça-feira, 12 de fevereiro de 2019

Vende-se um caminhão Volks 12-140 - 1988


Turvo - Vende-se caminhão Volks 12-140, toco ano 1988 - Graneleiro, único dono e está em ótimo estado.
Interessados entrar em contato com pelo fone (42) 3642-11966 em horário comercial ou na Coagrotur.

Caroline que estava desaparecida foi encontrada em Turvo


Caroline Cordeiro da Silva, estava desaparecida desde as 11h00 dessa terça-feira (12), quando saiu da Agência do Sicredi, onde trabalha como zeladora para ir almoçar. 

Ela foi encontrada por volta das 18h00 em uma rua que vai para um frigorífico da cidade.

Segundo informações repassadas ao Blog do Elói, ela estava muito nervosa e foi levada para o hospital para atendimento médico.

Caroline é filha do Leodir e da Zineide (Neide), casada com José Alex e tem uma filha de 05 anos.

A Polícia Militar também colaborou realizando patrulhamento no intuito de localizar Caroline.



Volta ás aulas 2019 – Economize comprando no Lojão do Braz de Turvo


Venha conferir muitas novidades para você e sua família no Lojão do Braz, além de economizar você pode pagar suas compras em até 06x.

Para volta ás aulas, você encontra uma grande variedade de mochilas, estojos e tênis.

O Lojão do Braz fica Avenida 12 de Maio, ao lado Agência do Correio.

Lojão do Braz, preço melhor ninguém faz!









Caroline está desaparecida em Turvo





Segundo informações repassadas ao Blog do Elói, Caroline Cordeiro da Silva, de 22 anos, estava trabalhando como zeladora na Agência do Sicredi, quando saiu por volta das 11h00 dessa terça-feira, para ir almoçar e até ás 18h00 ainda não tinha dado notícias de onde esta.

Caroline é filha do Leodir e da Zineide (Neide), casada com José Alex e tem uma filha de 05 anos.


Qualquer informação entrar em contato pelo fone (42) 9 8408-2714 José Alex - 42 - 9 9921- 0568. Lucimara.

Polícia Militar (42) 3642-1946 ou 190.

ATUALIZADO: Caroline que estava desaparecida foi encontrada em Turvo.

Jovem de 19 anos é preso após estuprar menina de 13 em Guarapuava


Por volta das 13h do dia 11 de fevereiro de 2019, Jardim das Américas relatou a solicitante, 70 anos que tem a guarda de sua neta, 13 anos e que na data de ontem a mãe da adolescente, teria levado a menina para um passeio sem o seu consentimento e que as duas teriam retornado somente nesta data, estando a adolescente com marcas no pescoço e relatando que teria mantido relações sexuais com o jovem 19 Anos.

Diante dos fatos, foi deslocado até a residência do jovem, o qual confirmou os fatos, sendo o autor encaminhados até a 14ª SDP. para os procedimentos cabíveis. 

A mãe da adolescente também foi encaminhada conforme orientação do Delegado de plantão, pois possivelmente teria favorecido a situação. Acionado o Conselho Tutelar para acompanhar a ocorrência.

Fonte: 16º BPM


Jovem de 17 anos é apreendido por tráfico em Guarapuava


No dia 11 fev. 19, às 22h20min, durante patrulhamento pela Rua Padre Chagas, a equipe visualizou dois indivíduos os quais ao avistarem a viatura demonstraram nervosismo. 

Foi procedida abordagem, sendo encontrado na mochila do adolescente, 17 anos, uma garrafa pet cortada contendo 54 (cinquenta e quatro) buchas em seu interior totalizando 226 gramas de maconha, onde foi dado voz de apreensão. 
Com o outro adolescente, 17 anos, nada de irregular foi encontrado, sendo liberado. 
Questionado o primeiro abordado afirmou que venderia a droga no Parque do Lago e que havia fugido da Casa Lar de Guarapuava informando que sua genitora reside em Curitiba. 

Acionado o Conselho Tutelar, onde a conselheira informou que acionaria a Casa Lar para deslocarem ao local.

Fonte: 16º BPM



Presos tentam fugir da cadeia pública em Guarapuava


No dia 12 fev. 19, por volta das 04h00min o alarme indicador de fuga da cadeia pública de Guarapuava foi acionado pelos agentes de plantão. O investigador subiu no telhado e juntamente com o agente carcerário constataram que dois presos já se encontravam do lado externo da galeria "B" no pátio ao lado do pátio de banho de sol, sendo constatado ainda que os dois presos haviam saído por um buraco na parede da galeria "B" o qual em data de 03 e 04 de fevereiro de 2019, presos tentaram empreender fuga por duas vezes pelos mesmo local. 

Os dois presos, 20 e 28 anos foram encaminhados ao plantão da 14ª SDP os quais posteriormente foram reencaminhados a cadeia pública de Guarapuava. A Polícia Militar se fez presente no local onde permaneceu até o término da obstrução do buraco pelos agentes carcerários.

Fonte: 16º BPM


Justiça determina penhora de salário de prefeito



O prefeito de Quarto Centenário, Centro-Ocidental paranaense, terá R$ 1 mil descontados do salário todos os meses até que quite débito que tem com os cofres municipais em razão de uma condenação por ato de improbidade administrativa. A decisão atende pedido do Ministério Público do Paraná, ajuizado pela 1ª Promotoria de Justiça de Goioerê, responsável na comarca pela área de proteção do patrimônio público.

A Promotoria propôs a ação em 2008 contra o prefeito por conta de perseguição a uma servidora (atentado contra os princípios da administração pública). Ele foi condenado por improbidade administrativa a pagar multa civil, mas desde então essa dívida se arrasta porque, supostamente, o gestor não tem bens em seu nome para honrar com a obrigação.

Garantia – Para assegurar o pagamento, MPPR requereu então a penhora parcial do salário do prefeito, o que foi deferido pela Justiça: na semana passada, em 8 de fevereiro, o Juízo da Vara da Fazenda Pública de Goioerê determinou a penhora de parte dos vencimentos do gestor em R$ 1 mil até a quitação do débito – hoje fixado em R$ 7.280,23 (autos nº 000834-02.2015.8.16.0084).

Como ressalta a Promotoria, “o caso do demandado é ainda mais relevante, considerando que contra ele há outra ação de cumprimento de sentença, na qual ele igualmente não possui bens para garantir a recomposição integral do patrimônio público lesado, a par das diversas outras ações de improbidade e/ou ressarcimento em que ele figura como réu”.

Outra situação – O não pagamento de dívidas com o erário em virtude da suposta falta de bens também levou ao desconto em folha do salário de um servidor público de Quarto Centenário. Ele deve pagar 30% dos vencimentos até que acerte o que deve com o Município (seriam R$ 46.034,26, autos nº 1607-42.2018.8.16.0084). A decisão data do mesmo dia da sentença referente ao prefeito.

Fonte: www.mppr.mp.br