segunda-feira, 22 de julho de 2019

Homens são acusados de estupro de vulnerável em Candói


Por volta das 18h do dia 22 julho de 2019 na Localidade de Lagoa Seca, após a equipe policial ser solicitada pelo Conselho Tutelar que as adolescentes abrigadas da Casa Lar que haviam fugido, estariam em uma residência na localidade de Lagoa Seca. 

No local constatado que as duas adolescentes estavam dormindo no quarto, sendo que as duas afirmaram que a pessoa de 20 anos proprietário da residência acolheu as ambas na data de 15/07/2019 e que desde essa data e outra pessoa com 20 anos frequentou a residência. 

As adolescentes afirmaram que tiveram relações sexuais, sendo que todos os envolvidos encaminhados para 14ª SDP. 

Fonte: 16º BPM

Vem aí Retiro Espiritual na Comunidade Nossa Senhora das Brotas



Saúde orienta sobre as medidas preventivas contra o sarampo



A Secretaria da Saúde do Paraná está em alerta devido aos surtos de sarampo que ocorrem neste momento no país, incluindo o estado vizinho de São Paulo, que já registra 384 casos confirmados neste ano. Pela proximidade e pelo fluxo de pessoas entre um estado e outro, o Paraná reforça a vigilância e o monitoramento da doença.

Estão sendo intensificadas, junto aos profissionais que atuam nos serviços de saúde e também à população, as orientações sobre sinais da doença. Os primeiros sintomas do sarampo são febre alta, tosse, coriza e conjuntivite, seguidos de manchas avermelhadas pelo corpo (exantema).

A transmissão do sarampo ocorre de forma direta e rápida, por meio de secreções expelidas ao tossir, espirrar, falar ou respirar. As partículas virais ficam suspensas no ar. Por isso, o elevado o poder de contágio da doença.

VACINAÇÃO - A vacina é a única maneira efetiva de prevenir a doença. O esquema vacinal vigente prevê duas doses de vacina com componente sarampo para pessoas de 12 meses até 29 anos de idade, sendo uma dose da vacina tríplice viral aos 12 meses de idade e uma dose da vacina tetra viral aos 15 meses de idade. Até 29 anos a pessoa deverá ter recebido duas doses. Uma dose da vacina tríplice viral também é indicada para pessoas até 49 anos de idade.

“O aumento das coberturas vacinais da Tríplice Viral (que previne contra sarampo, caxumba e rubéola) é de extrema importância”, explica a enfermeira da Divisão de Imunização da Secretaria da Saúde, Vera Rita Maia. Segundo ela, o acumulado do Paraná até o mês de junho deste ano era de 89,8% na faixa etária menor de 1 ano, sendo que a cobertura vacinal deve ser de 95%. “Por isso a Secretaria Estadual faz esta sensibilização à população”, afirma Vera Rita.

PREVENÇÃO - Segundo o chefe da divisão de Doenças Transmissíveis da Secretaria da Saúde, Renato Lopes, desde o início do surto no estado de São Paulo, em fevereiro deste ano, o Paraná registrou a passagem de três turistas paulistas com a doença. “Eles estiveram em nosso estado entre junho e início de julho”, informa

Até o momento não foram confirmados casos de sarampo no Paraná. A Secretaria da Saúde do Paraná orienta para que a população fique atenta às datas da caderneta de vacina e aos registros de doses. Quem já tomou duas doses da vacina da tríplice está imunizado.

Fonte: AEN

Homem é preso por ameaçar a família no interior de Turvo


Na noite desse domingo (21), a equipe policial foi informada de que havia um indivíduo com uma faca ameaçando e agredindo familiares em uma chácara na localidade Cachoeira dos Turcos, no interior do município.

Diante da informação a equipe prontamente deslocou até o endereço supracitado e em contato com a vítima a qual informou que seu irmão que reside no mesmo endereço da vítima havia agredido a mesma com empurrões e também estava a ameaçando de morte, informou também que o mesmo proferiu as ameaças com uma faca na mão e logo após ela entrar em contato com a equipe policial o autor se evadiu para a residência nos fundos da propriedade rural.

A equipe após coletar as informações deslocou até a residência onde encontrava-se o autor e avistou o mesmo o qual estava bastante agitado, foi realizado abordagem ao suspeito e identificado pela vítima como sendo autor das ameaças e agressões por ela relatado.

Logo em seguida a equipe localizou a faca que o autor utilizava para ameaçar a vítima, sendo assim a equipe apreendeu a faca e realizou a prisão do indivíduo, sendo que a faca e o autor foram entregues na 14ª SDP para as providências cabíveis.