terça-feira, 8 de janeiro de 2019

Vídeo flagra caminhoneiro bloqueando passagem de viatura da PRF

Vídeo:



Um caminhoneiro foi preso ao bloquear a passagem de uma viatura da PRF (Polícia Rodoviária Federal) na BR 116 em Campina Grande do Sul, na tarde desta terça-feira (8).

Segundo a PRF, durante patrulhamento na rodovia, vários condutores que seguiam no sentido contrário sinalizavam para a equipe e apontavam para um caminhão que seguia na BR 116.

Os policiais federais começaram o acompanhamento tático do veículo, que começou a realizar manobras perigosas na rodovia. Ao tentar a abordagem, o condutor do caminhão não permitia a passagem da viatura.

Para poder realizar a abordagem foi montada uma barreira em meia via com apoio da Polícia Militar, porém o caminhoneiro tentou realizar a conversão pelo canteiro central, mas parou após os pneus do veículo estourarem.

Os policiais militares e federais conseguiram deter o homem. Segundo a PRF, ele estava sob efeito de cocaína e no caminhão nada de ilícito foi encontrado.

Ele foi preso e será encaminhado à Delegacia da Polícia Civil da cidade.

Um helicóptero também foi utilizado para atender a ocorrência.

Fonte: Catve.com


Mulher encontrada carbonizada foi assassinada pelo compadre em Laranjeiras do Sul


Depois de mais de um mês de investigação, a Polícia Civil de Laranjeiras do Sul, no Centro Sul do Estado, elucidou a morte de uma mulher cujo corpo foi encontrado carbonizado. A princípio, acreditava-se que Helenir dos Santos, de 26 anos, tivesse morrido queimada no incêndio de sua casa, no Bairro Monte Castelo, no dia 1º de dezembro de 2018. Porém depois de receber algumas informações a Polícia Civil passou a investigar e descobriu que a mulher foi assassinada por um adolescente, que era seu compadre.

O menor foi apreendido e confessou em detalhes como praticou o crime. Ele contou que tinha passado a tarde em companhia da comadre e de sua esposa. Os três ingeriram bebida alcoólica e no começo da noite Helenir foi para casa. Como não encontrou os filhos, que haviam sido recolhidos pelo Conselho Tutelar, acusou o casal de compadres de ter dado sumiço nas crianças.

Os três entraram em luta corporal e a esposa do acusado foi agredida por Helenir. Revoltado com a situação, o mesmo esperou a esposa dormir e foi até a casa de Helenir, onde a estrangulou usando o cordão de um tênis, depois ateou fogo no corpo, provocando também o incêndio da residência.

Além do casal, outras seis testemunhas foram ouvidas pela polícia, mas o inquérito ainda não foi concluído. Nessa quarta-feira (9), um vereador também foi intimado a comparecer na delegacia para prestar esclarecimentos, porém a polícia não revelou o motivo de ouvir o político, que é o dono da casa onde o casal envolvido no crime mora.

Fonte: RBJ

Cinco pessoas ficam feridas em acidente na BR-277



Cinco pessoas que estavam em um mesmo carro ficaram feridas em um acidente na tarde desta terça-feira (8), na BR-277 em Nova Laranjeiras, na região central do Paraná.

Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o automóvel com placas de Medianeira, que seguia no sentido a Cascavel, ambas no oeste, saiu da pista e bateu em um barranco às margens da rodovia.

Ainda de acordo com os policiais, uma menina de 12 anos foi socorrida em estado grave e precisou ser resgatada de helicóptero. Ela foi levada para o Hospital Universitário de Cascavel, também no oeste do estado.

O motorista, de 33 anos não se feriu. Uma passageira, de 40 anos, que estava na frente teve lesões graves e foi encaminhada para o Hospital Santo Antônio em Guaraniaçu, no oeste.

No banco de trás, além da menina, estavam um adolescente de 16 anos e uma mulher de 63 anos. Eles tiveram ferimentos leves e também foram levados para o hospital de Guaraniaçu, conforme a PRF.

Fonte: G1 - PR

94% dos presos retornam das saídas temporárias no Paraná



O balanço divulgado nesta segunda-feira (7) pelo Departamento Penitenciário do Paraná (Depen) mostra que 94% dos presos liberados pela Justiça para passar as festividades de fim de ano em casa retornaram para o sistema prisional. O prazo determinado para a volta das saídas temporárias encerrou neste fim de semana.

Dos 1.952 detentos beneficiados com portarias temporárias concedidas pelo Poder Judiciário, 121 não retornaram, o que representa um índice de evasão de 6, 2%. No ano passado, o índice de presos que não voltaram às unidades foi de 4,35%. Segundo o Depen, apesar do pequeno aumento em relação ao ano anterior, os números são considerados normais e dentro da média registrada nos últimos anos em todo o país.

Os presos que não retornam no prazo passam a ser considerados foragidos e podem regredir de regime. Nesses casos, as unidades comunicam ao juiz responsável para que seja expedido um novo mandado de prisão.

BENEFÍCIO - As saídas temporárias são concedidas apenas aos detentos do regime semiaberto que apresentam bom comportamento e que já cumpriram um sexto da pena.

Fonte: AEN

Mulher cai em golpe do bilhete premiado em Prudentópolis


ESTELIONATO - No dia 7 jan. 19, compareceu na 4ª Cia PM a solicitante, 54 anos relatando que estava se deslocando pela Rua Candido De Abreu, proximidades de uma instituição financeira, quando foi abordada por um rapaz de aproximadamente 20 anos o qual dizia ter ganhado a quantia de quatro milhões de reais na Mega - Sena e que estava com dificuldades para receber o prêmio uma vez que não mora na cidade e estaria perdido. O rapaz ofereceu a solicitante à quantia de quinhentos mil reais caso a mesma o ajudasse. 
Neste momento se aproximou um homem com roupas brancas e dizendo ser médico, e também se ofereceu para ajudar o rapaz. A solicitante informou para as duas pessoas que era cliente naquela instituição e possuía certa quantia em dinheiro guardado no local. 
Os golpistas convenceram a solicitante a retirar o dinheiro e entregar aos mesmos. 
De posse do dinheiro, aproveitando-se de uma distração da vítima, evadiram-se do local em um veículo de cor cinza tomando rumo ignorado. Realizado patrulhamento, porém, pela falta de maiores informações não foi possível localizar os autores. Orientada a vítima quanto aos procedimentos. 

Fonte: 16º BPM

PRF apreende 51 toneladas de drogas em 2018 no Paraná


Apreensões de cocaína mais que quadruplicaram em relação ao ano passado; desde 2010, mais de 413 toneladas de drogas foram tiradas de circulação pela PRF no estado

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu 51.049 quilos de drogas ao longo do ano passado no Paraná. Desse total, cerca de 45,7 toneladas são de maconha, que representou cerca de 89,7% das drogas apreendidas.

As equipes da PRF também tiraram de circulação 4.555 quilos de cocaína no estado, resultado mais de quatro vezes superior ao de 2017, quando 1.038 quilos do entorpecente foram apreendidos.

A PRF apreendeu ainda 629 quilos de crack no ano passado –13,8% mais do que em 2017.

A maior apreensão de 2018 foi registrada pela PRF em Alto Paraíso, na região noroeste do Paraná, no mês de janeiro, quando 7,2 toneladas de maconha foram apreendidas.

A Polícia Rodoviária Federal apreendeu ainda 142 armas de fogo e 20,7 mil munições, além de 18,4 milhões de carteiras de cigarro.

Quase 2,9 mil pessoas foram presas, por diferentes crimes, e 624 veículos com alerta de roubo ou furto, recuperados.

Balanço de 2010 a 2018

Desde 2010, a PRF apreendeu no Paraná 397 toneladas de maconha, 9,8 toneladas de cocaína e 6,1 toneladas de crack [confira tabela].

Ao longo desses últimos nove anos, 1.321 armas e 135,8 mi munições foram apreendidas por policiais rodoviários federais no estado.

A PRF recuperou ainda, no mesmo período, mais de 6,5 mil veículos roubados e apreendeu 162,4 milhões de carteiras de cigarro contrabandeadas do Paraguai em território paranaense.

Apreensões em rodovias federais do Paraná em 2018:

– Maconha:
45,7 toneladas

– Cocaína:
4.555,7 quilos (mais de quatro vezes o total do ano anterior)

– Crack:
629,1 quilos

– Cigarro
18,4 milhões de carteiras

– Veículos com alerta de roubo recuperados:
624

– Armas de fogo:
142

– Munições:
20.723 unidades

– Total de pessoas presas:
2.896

Fonte: PRF



Ocorrências policiais em Pitanga, Laranjal e Boa Ventura de São Roque



PITANGAAMEAÇA/ LESÃO CORPORAL – VIOLÊNCIA DOMÉSTICA E FAMILIAR: No dia 07/01/2019 por volta das 14h30min à equipe deslocou até a Rua Anita Garibaldi, no Jardim Paraiso por solicitação de uma Senhora qual relatou ao plantão 190 que estava sendo agredida e ameaçada pelo seu esposo. No local em conversa com a Solicitante a qual relatou que nesta data foi ameaçada de morte e agredida pelo seu marido, a qual teve que sair correndo de casa devido à agressividade, pois o mesmo pegou uma faca e correu atrás dela. Foi realizada abordagem ao autor, o qual estava com escoriações na face e no pescoço e a solicitante estava com uma escoriação no braço direito, conforme laudo em anexo. Diante dos fatos e do interesse da vitima de representar contra o autor dos fatos foi dado voz de prisão ao mesmo e encaminhado às partes até a 45 DRP de Pitanga para providenciais legais. Lido os direitos e orientados. Obs: ambas as partes foram submetidos a laudo de lesões.

LARANJALINCÊNDIO: No dia sete de janeiro de dois mil e dezenove a Equipe de serviço recebeu uma ligação de um Senhor, relatando que sua cunhada havia ligado para ele avisando que sua casa estava queimada. De imediato a Equipe de serviço com base das informações repassadas pelo Solicitante, deslocou até o endereço, a fim de constatar a veracidade do fato, haja vista que o solicitante encontrava-se fora do Município de Laranjal. Chegando ao local, foi constatado o fato, onde a casa foi totalmente consumida pelo fogo, porém já não tinha mais nenhum foco de incêndio, levando a crer que o fato ocorreu em data anterior ou algumas horas atrás. Foi entrado em contato com o Solicitante, informado sofre o fato e orientado o mesmo quanto às medidas a serem adotadas.

BOA VENTURA DO SÃO ROQUELESÃO CORPORAL – VIOLÊNCIA DOMÉSTICA E FAMILIAR: No dia 07/01/2019, às 22h40min. Atendendo solicitação a equipe deslocou ate a Localidade Rio do Tigre, em uma fazenda, onde um casal estariam brigando. No local em contato com a vítima, relatou que seu amasio veio a agredi-la, batendo sua cabeça no interior do carro e na sequencia não deixando sair para ir embora para a casa de seus pais, relatou que já vem ocorrendo há tempos às brigas. Diante do interesse em representação por parte da vítima, foram ambos conduzidos a 45ª DRP em Pitanga para as providencias cabíveis.

Fonte: 3ª Companhia de Polícia Militar de Pitanga