quarta-feira, 24 de fevereiro de 2021

Mais 17 casos de covid-19 é registrado em Turvo

 

Aproveite as ofertas do Suprema Supermercado de Turvo

 

Carreta de Turvo carregada de pré-moldados tomba na PRC-466, em Boa Ventura de São Roque


Na manhã desta quarta-feira (24), uma carreta da empresa Pré-Moldados Filipin de Turvo, tombou na PRC-466 na Localidade do Rio do Tigre, em Boa Ventura de São Roque.

Segundo informações repassadas ao Blog do Elói, a carreta apresentou falha mecânica em uma subida, foi quando o motorista para tentou controlar o veículo que retornou de ré, desgovernada fez um “L” e carga de pré-moldados tombou. O motorista não se feriu no acidente.

Homem morre após sofrer acidente na PRC-820, em Boa Ventura de São Roque


Às 09h20min da manhã desta quarta-feira (24) a equipe Polícia Militar estava em patrulhamento pela rodovia PRC-820, em Boa Ventura de São Roque, quando em frente à Fazenda Boa Esperança, a equipe se deparou com um acidente de transito envolvendo o veiculo Nissan Versa placas de Guarapuava, sendo que seu condutor identificado posteriormente como Luciano Fiuza de Cristo, de 39 anos, havia sido arremessado para fora do veiculo e encontrava-se com ferimentos.

Foi acionada a Ambulância da Saúde de Boa Ventura de São Roque, onde fizeram o encaminhamento do mesmo ao Hospital do município de Turvo.

Posteriormente a vítima foi encaminha para Guarapuava, mas não resistiu aos ferimentos e entrou em óbito.

Cinco pessoas ficam feridas em acidente entre dois carros na BR-277, em Guarapuava




Cinco pessoas ficaram feridas em um acidente entre dois carros na BR-277, em Guarapuava, na região central do Paraná, na manhã desta quarta-feira (24), de acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF).

Segundo a PRF, os veículos bateram de lado enquanto os dois faziam uma ultrapassagem a um caminhão no local. Após o choque, um dos carros capotou em um canteiro da rodovia.

As cinco vítimas, duas gravemente feridas e três com ferimentos moderados, foram encaminhadas a um hospital da cidade.

Após a batida, conforme a polícia, uma pista ficou fechada para atendimento do acidente. Não houve registro de fila.

Fonte: G1 - PR

Colabore comprando a Rifa Beneficente em prol da família que perdeu a casa em incêndio no interior de Turvo

 

No dia 04 de fevereiro, um incêndio destruiu a casa de uma família na Localidade da Dodge, no interior de Turvo.

A família é composta por 05 pessoas, Mariza e Adão, dois meninos de 06 e 10 anos e uma menina de 03 meses. O marido trabalha no corte de madeiras fora do município.

Depois do ocorrido, muitas pessoas colaboram com doações de móveis, alimentos, roupas e materiais de construção como: placas de pré-moldados e a cobertura da casa para que a família consiga reconstruir um novo lar.

Ainda faltam alguns recursos e a mão de obra para construir a casa.

Pensando em ajudar a família, voluntários organizaram uma rifa para arrecadar fundos para o término da casa.

Quem quiser colaborar, favor entrar em contato com Elaine Silva (42) 9 9838-4641 – Ou (42) 9 9854-5954, falar com o Kira da Mercearia, que é  vizinho da família que teve a casa queimada.





Paraná receberá novos lotes de vacinas com 167,3 mil doses


O Ministério da Saúde confirmou ao Governo do Paraná na noite desta terça-feira (23) o envio de mais 167.300 doses de vacinas contra o novo coronavírus. Serão 102.500 da Universidade de Oxford em parceria com a AstraZeneca e a Fiocruz e 64.800 da CovonaVac, desenvolvida pela Sinovac em parceria com o Instituto Butantan.

A remessa da AstraZeneca/Fiocruz chega nesta quarta-feira (24), às 10 horas, no Centro de Medicamentos do Paraná (Cemepar). Ainda não foi confirmada a data da entrega do lote da CoronaVac.

As doses da AstraZeneca/Fiocruz fazem parte da remessa de 2 milhões da Índia que chegou ao Instituto de Tecnologia em Imunobiológicos (Bio-Manguinhos/Fiocruz). Elas passaram por conferência de temperatura e integridade e receberam etiquetas com informações em português, além do protocolo de controle de qualidade do Instituto Nacional de Controle de Qualidade em Saúde (INCQS) da Fiocruz.

A importação dessas doses prontas é uma estratégia paralela do governo federal à produção de imunizantes a partir da chegada do Ingrediente Farmacêutico Ativo (IFA). Mais 8 milhões de doses estão previstas pelo acordo da Fiocruz com a AstraZeneca e o Instituto Serum (Índia), mas ainda não há data prevista para o recebimento. Em janeiro, a Fiocruz já havia recebido 2 milhões de doses da vacina.

As 64.800 doses da CovonaVac fazem parte de um lote de 1,2 milhão entregue pelo Instituto Butantan nesta terça-feira (23) ao Ministério da Saúde. Até o próximo domingo (28) há expectativa de fornecimento de 3,9 milhões de doses ao Programa Nacional de Imunizações (PNI), para compartilhamento com os estados. Esses imunizantes já estão sendo feitos a partir do IFA enviado pelo laboratório chinês.

SOMA – O Paraná recebeu até o momento 538.900 doses de vacinas contra o novo coronavírus. Da Coronavac/Instituto Butantan foram 265.600 no 1º lote, 39.600 no 2º lote e 147.200 no 3º lote, além de mais 86.500 doses da Universidade de Oxford/AstraZeneca/Fiocruz. Com as novas remessas, serão 706.200 doses entregues ao Estado desde o começo da imunização. O Paraná atingiu nesta terça-feira (23) 286.837 pessoas vacinadas.

PÚBLICO-ALVO – Essas novas doses continuarão a ser aplicadas nos públicos prioritários, de acordo com o Plano Estadual de Vacinação contra a Covid-19. Ele segue a mesma linha do PNI, ou seja, nesta primeira etapa da vacinação continuarão a ser imunizados profissionais da saúde que atuam na linha de frente de atendimento aos doentes e idosos com mais de 80 anos.

Pelo plano, seguindo a ordenação por grupos prioritários, a previsão do Paraná é de vacinar cerca de 4 milhões de pessoas até maio de 2021. A vacinação ocorrerá de acordo com o recebimento dos imunizantes, de forma gradual e escalonada. Fazem parte dos grupos prioritários, ainda, trabalhadores das forças de segurança, da educação, do transporte coletivo, portuários, caminhoneiros e idosos com mais de 60 anos.

O Paraná tem 1.850 salas de vacinação nos 399 municípios. A quantidade de locais varia em cada cidade de acordo com o tamanho da população. Os municípios são responsáveis pela gestão dos profissionais para aplicação das doses da vacina.


Fonte: AEN
Publicidade