sábado, 2 de janeiro de 2021

Paraná soma 416.434 casos de infecções e 7.938 óbitos por Covid-19



A Secretaria de Estado da Saúde divulgou neste sábado (02) o registro de 1.282 novos casos confirmados e oito mortes em decorrência da infecção causada pelo novo coronavírus.

Os dados acumulados do monitoramento da Covid-19 mostram que o Paraná soma 416.434 casos de pessoas infectadas e 7.938 mortes em decorrência da pandemia.

Os casos divulgados neste sábado são de janeiro deste ano (1.074) e de março (1), abril (1), maio (1), setembro (1), outubro (1), novembro (2) e dezembro (201) do ano passado.

INTERNADOS – No momento, 1.526 pessoas com diagnóstico confirmado de Covid-19 estão internadas. São 1.180 pacientes em leitos SUS (608 em UTI e 572 em leitos clínicos/enfermaria) e 346 em leitos da rede particular (137 em UTI e 209 em leitos clínicos/enfermaria). 

Há outros 1.049 pacientes internados, 392 em leitos UTI e 657 em enfermaria, que aguardam resultados de exames. Eles estão em leitos das redes pública e particular e são considerados casos suspeitos de infecção pelo Sars-CoV-2. 

ÓBITOS – A secretaria estadual informa a morte de mais 8 pacientes infectados pela Covid-19. São 4 mulheres e 4 homens, com idades que variam de 38 a 83 anos. Os óbitos ocorreram entre 21 de dezembro a 01 de janeiro.

Os pacientes que foram a óbito residiam em: Foz do Iguaçu (3), Alvorada do Sul, Arapongas, Campo Largo, Colombo e Pinhais.

FORA DO PARANÁ – O monitoramento registra 3.181 casos de residentes de fora, 63 pessoas foram a óbito.

Confira o informe completo clicando aqui.

Caminhoneiro morre após tombamento na PR-364, em Palmital


No inicio da tarde deste sábado (02), houve um acidente envolvendo um caminhão de um laticínio carregado com soro na PR-364, na localidade do Divisor próximo a entrada de acesso ao Assentamento Bela Manhã, no município de Palmital. 

Infelizmente o motorista Valdeci Trindade, de 31 anos não resistiu aos ferimentos e morreu.

As informações são do Portal Douglas Souza 

Seguro Rural e Trator Solidário levam segurança e eficiência ao campo



Atividade bastante dependente de condições climáticas e de fatores não controláveis, como a pandemia do coronavírus, a agropecuária tem no seguro rural um importante auxiliar para a proteção da renda. Para baratear os custos, o Governo do Paraná é um dos poucos que conta com um programa estadual de subvenção econômica ao prêmio do seguro, complementar ao oferecido pela União.

Em 2020, aproximadamente 5,7 mil produtores paranaenses beneficiaram-se da subvenção estadual. O Governo dobrou o volume normalmente colocado à disposição dos produtores e ofereceu a possibilidade de contratação de até R$ 15 milhões. Desse montante, foram efetivamente utilizados pouco mais de R$ 12 milhões para segurar mais de 303 mil hectares.

Os triticultores procuraram mais essa garantia para suas culturas, com 73% do volume segurado, o que corresponde a R$ 8,78 milhões. Outros 17%, ou pouco mais de R$ 2 milhões, foram segurados pelos produtores de milho segunda safra. Entre as outras principais culturas que se beneficiaram do valor restante estão feijão, cevada e uva.

TRATOR SOLIDÁRIO – O programa Trator Solidário tem foco no agricultor familiar. Os interessados podem adquirir máquinas, implementos e equipamentos a preços mais acessíveis. Os financiamentos seguem regras estabelecidas para a linha Pronaf Mais Alimentos e chegam a custar em torno de 15% menos que o valor pago no mercado comum.

Em 2020, a Secretaria de Estado da Agricultura e do Abastecimento registrou o faturamento de 120 máquinas, num total de R$ 14,2 milhões. Foram entregues 113 tratores e sete colhedoras.

Outros processos ainda estão em andamento. Para tratores, são 427, que totalizam R$ 46,3 milhões. Também tramitam os documentos para a compra de cinco colhedoras, no valor de R$ 1,5 milhão, e de quatro pulverizadores, que custarão R$ 109,5 mil.

Em Cantagalo, jovem não aceita fim de namoro e ateia fogo no próprio corpo


Por volta das 04h55min do dia 01 de janeiro, no Centro de Cantagalo conforme solicitação da Sra. 31 anos, relatando que o namorado de sua filha, rapaz 18 anos havia ateado fogo no próprio corpo para coagir a namorada, 16 anos, para que ela não terminasse o namoro com ele. 

Que diante do fato a equipe policial foi ao local, onde foi informado pela enfermeira de plantão, que ambos teriam sido encaminhados pela ambulância do Município, até o Hospital São Lucas em Laranjeiras do Sul para cuidados médicos. 

Que foi constatado que ele apresentava queimaduras no abdômen, rosto, orelha, partes intimas, tórax e mãos. Que adolescente apresentava queimaduras nas costas e vermelhidão no pescoço. Que ao ser perguntado respondeu que estava na casa dele, e quando disse que iria terminar o namoro, ele a segurou pelo pescoço e jogou gasolina no próprio corpo, sendo que uma pequena quantidade que sobrou no galão ele jogou na adolescente, vindo respingar no calção da mesma, que em seguida utilizando fósforos, ateou fogo no próprio corpo, dizendo “ta duvidando de mim”, que na tentativa de apagar o fogo, ela acabou sofrendo queimaduras nas costas.

Diante do fato foi dada voz de Prisão ao autor, o qual permaneceu sob Escolta Policial no Hospital e a vítima foi encaminhada acompanhada da mãe, até a 2ª Subdivisão Policial de Laranjeiras do Sul para os procedimentos legais.

Fonte: PM

Capotamento deixa duas pessoas feridas na PRC-466


Um capotamento na PR 466, no Km 256, em Guarapuava deixou duas pessoas gravemente feridas, na tarde dessa sexta feira (01º de janeiro).

As vítimas, um homem, de 30 anos e um adolescente, de 16 anos, foram socorridos e encaminhados em estado grave para uma casa hospitalar de Guarapuava.

Segundo informações da Polícia Rodoviária Estadual (PRE), o veículo, um GM/Omega, com placas de Pitanga, capotou e acabou atingindo algumas árvores.

Com GRmais

Homem é encontrado morto em Pitanga


Por volta das 18h30min do dia 01 de janeiro de 2020, uma equipe policial deslocou até a Marginal PR 466 KM 82, para atender um local de morte. 

No local o solicitante relatou que havia encontrado um corpo em um depósito de reciclável desativado, um homem, 54 anos, morador de rua e que estava se abrigando no depósito abandonado a algum tempo. 

Diante da narrativa a equipe adentrou ao local, sendo constatado o fato, onde foi localizado um corpo o qual estava em avançado estado de decomposição, isolado o local, arrolado testemunhas e acionado o IML e a Criminalística de Guarapuava, os quais se fizeram presentes e adotaram os demais procedimentos necessários e encaminharam o corpo até o Instituto Médico Legal de Guarapuava.

Fonte: PM
Publicidade