quinta-feira, 3 de setembro de 2020

Turvo - Boletim Oficial Covid-19



Criança cai de 4º andar de prédio, em Curitiba


Uma criança, de dois anos, caiu do 4º andar de um prédio, no bairro Pinheirinho, em Curitiba, no início da tarde desta quinta-feira (3).

Conforme a mãe, Maiara Fernandes, o Hospital do Trabalhador informou que a criança está bem.

Em entrevista à RPC, a mulher contou que saiu com o padrasto para ir ao trabalho e deixou no apartamento: a criança que caiu, outra de 4 anos e mais um adolescente de 13 anos.

A mãe falou ainda que a irmã dela, de 18 anos, estava indo até o prédio para cuidar dos três, mas que não deu tempo de chegar antes do ocorrido.

"Meu noivo foi me levar para o serviço e, questão de menos de 1 h, isso aconteceu. Ela [irmã] estava indo para lá, mas não chegou. Ela estava na rua de trás. Quando chegou a polícia, ela chegou junto", disse Maiara.

O caso está sendo investigado pela Polícia Civil.

Fonte: G1 - PR

Comitê da bacia do Alto Ivaí inicia gestão hídrica na região central


Com a eleição de diretoria realizada nesta semana, o Comitê de Bacia Hidrográfica (CBH) do Alto Ivaí entra em atividade e passa a realizar a gestão de recursos hídricos na Região Central do Estado.

O Comitê foi criado em 2013, através do Decreto Estadual 8.859, mas ainda não havia iniciado efetivamente suas atividades na área. A diretoria foi escolhida para o mandato 2020 a 2024 na primeira eleição de comitês de bacias do Paraná promovida por meio de plataforma digital.

A reunião contou com a participação de 17 entidades representativas do Poder Público, usuários de recursos hídricos e sociedade civil organizada, de um total de 29 entidades que compõem o Comitê da Bacia.

A Bacia do Alto Ivaí compreende parte do Rio Ivaí abrangendo cerca de 70 municípios, desde Prudentópolis (Centro-Sul) até Campo Mourão (Noroeste). A presidente eleita do Comitê, Lídia Mizote, representa a sociedade civil e é também representante da Agenda 21 de Campo Mourão. “Em toda a extensão da Bacia, são praticadas diversas atividades que necessitam do bom gerenciamento da água. Além da agricultura, temos atividades industriais e recreativas que exploram os recursos hídricos”, explicou.

Djalma Lucio de Oliveira foi eleito para o cargo de secretário e representa os trabalhadores da agricultura. De acordo com ele, a expectativa é colocar em prática as ações para preservação do principal patrimônio do Estado, que é a água. “A agricultura e o setor agroindustrial dependem muito da água com qualidade. A conservação do solo também envolve a boa gestão dos recursos hídricos. Por isso, precisamos de um Comitê forte e bem estruturado para um tratamento equilibrado e justo dos recursos hídricos”, afirmou.

Ele citou, ainda, que a administração pública oferece um ambiente favorável para um bom trabalho. “A aproximação e o bom relacionamento com órgãos públicos como o Instituto Água e Terra do Paraná contribuem para o bom funcionamento do comitê”, disse.

GESTÃO HÍDRICA – Atualmente, o Paraná conta com nove Comitês de Bacias Hidrográficas em funcionamento. Eles contam com o apoio do Instituto Água e Terra (IAT), vinculado à Secretaria do Desenvolvimento Sustentável e do Turismo, na função de Agência de Bacias, ou seja, é ele quem dá o suporte institucional, técnico e logístico para que esses Comitês funcionem.

De acordo com o gerente de Gestão de Bacias Hidrográficas do IAT, Bruno Otsuka, os comitês foram criados com a intenção de aproximar o poder público da sociedade. Segundo ele, neste momento em que o País enfrenta uma crise hídrica com a estiagem, o funcionamento dos comitês é ainda mais necessário.

“Um comitê é responsável, por exemplo, pela elaboração e implementação do Plano da Bacia Hidrográfica. Trata-se de um planejamento que envolve cenários de curto, médio e longo prazo para a gestão das águas, o que é fundamental para a segurança hídrica do futuro”, destacou.

COMPETÊNCIAS – A criação dos Comitês de Bacias Hidrográficas foi regulamentada por Decreto Estadual em 2010. As competências dos comitês e demais entidades do Sistema Estadual de Gerenciamento de Recursos Hídricos são definidas pela Lei Estadual n° 12.726/1999, que instituiu a Política Estadual de Recursos Hídricos.

Os objetivos são assegurar à atual e às futuras gerações a necessária disponibilidade de água em padrões de qualidade adequados aos respectivos usos; a utilização racional e integrada dos recursos hídricos, incluindo o transporte aquaviário, com vistas ao desenvolvimento sustentável; e a prevenção e a defesa contra eventos hidrológicos críticos de origem natural ou decorrentes do uso inadequado dos recursos naturais.

Fonte: AEN

Guarapuava chega a 639 casos confirmados de coronavírus


Auxiliar de enfermagem Vani Tluscik, é pré-candidata a vereadora de Turvo


Vani Tluscik confirmou que é pré-candidata a vereadora pelo Partido PL. Ela é auxiliar de enfermagem, trabalha há 23 anos na Unidade de Saúde do Passo grande. 

“O que motivou a me colocar como pré-candidata, foi mesmo o bom trabalho que meu sobrinho Rodrigo Estacho vem fazendo como deputado me fez acreditar que é possível uma política diferente, com qualidade, honestidade e responsabilidade. Quem me conhece sabe a maneira que atendo os pacientes, sempre com muita atenção, dedicação e respeito”, disse a pré-candidata.

Pitanga chega a 182 casos confirmados de coronavírus


EDITAL DE CONVOCAÇÃO DO PARTIDO DEMOCRATAS DE TURVO


EDITAL DE CONVOCAÇÃO DO PARTIDO DOS TRABALHADORES (PT) DE TURVO


Grave acidente deixa um morto e três feridos na BR-373, em Imbituva


Um grave acidente envolvendo três caminhões e um automóvel, na manhã desta quinta feira (03 de setembro), na BR 373, em Imbituva, deixou uma pessoa morta, duas gravemente feridas e uma com ferimentos leves.

De acordo com informações preliminares da Polícia Rodoviária Federal (PRF), a colisão aconteceu no Km 225, aproximadamente 2Km depois do trevo principal de Imbituva sentido Guarapuava. Segundo a polícia, um VW/Gol seguia sentido Guarapuava colidiu frontalmente com um caminhão M. Benz que seguia sentido Ponta Grossa, na sequência outros dois caminhões colidiram nos veículos Volvo (bitrem) e um Ford/Cargo, ambos seguiam sentido Ponta Grossa. 

Ainda segundo a polícia, o óbito foi confirmado sendo o condutor do automóvel e a outras três vítimas foram encaminhadas a Santa Casa de Irati, dois passageiros do VW/Gol e o motorista do caminhão M.Benz.

A pista foi parcialmente liberada a partir das 09h35 em sistema de comportas (pare/siga), já a liberação total da via aconteceu às 11h45.

Fonte: Gmais 

Governo repassa 29 mil toneladas de alimentos da merenda


Em agosto completou seis meses de entrega da merenda nas 2.143 escolas estaduais do Paraná. No repasse feito na última semana a Secretaria de Estado da Educação e do Esporte atingiu a marca de 29 mil toneladas de alimentos distribuídos para as famílias dos 231 mil alunos beneficiários do Bolsa Família.

Quinzenalmente, as escolas fazem não só a entrega dos kits de merenda, como também a distribuição de materiais impressos aos alunos que estão com dificuldade de acesso às aulas remotas.

O repasse dos alimentos da merenda às famílias foi determinado por decreto do governador Carlos Massa Ratinho Junior assim que as aulas presenciais foram suspensas por causa da Covid-19.

De acordo com o Secretário de Educação, Renato Feder, a distribuição dos kits de merendas deve continuar até o fim da pandemia do Covid-19. “Sabemos que muitas famílias paranaenses foram afetadas pela pandemia. Nosso intuito é manter essa corrente do bem e auxiliá-los nesse momento, doando os kits de merendas”, afirma.

OS KITS - Os alimentos são enviados para as escolas por meio do Instituto Paranaense de Desenvolvimento Educacional (Fundepar). Para cada escola vai uma porção correspondente ao número de alunos matriculados. Quando esse recurso chega na escola, o diretor tem a autonomia para preparar os kits e distribuí-los conforme a demanda da comunidade.

É o que acontece no Colégio Estadual Guilherme Albuquerque Maranhão, em Curitiba, onde o diretor Maurício Prim, prepara, junto com sua equipe pedagógica, todos os kits e o material impresso para as famílias. “Temos um intenso trabalho nos dias das entregas e fazemos uma força-tarefa para atender a toda à comunidade”, explica o diretor.

FAMÍLIAS ATENDIDAS - Michele Cristina Garcia é mãe de aluna e conta que, assim como ela, milhares de famílias estão desempregadas. A entrega dos alimentos está fazendo toda a diferença na dieta alimentar da família. “Estou no seguro-desemprego, mas com a entrega dessa cesta já ajuda muito na minha renda pessoal”, afirma.

DECRETO DO GOVERNO - A entrega dos kits foi regulamentada pelo Decreto número 4.316/2020, do Governo do Paraná, e pela Resolução nº 901/2020, da Secretaria de Estado da Educação e do Esporte.

Os kits são montados com os alimentos que seriam utilizados para a produção da merenda dos alunos da rede, e estão sendo destinados para as famílias em situação de maior vulnerabilidade neste momento.

Criança de 9 anos é atingida por disparo de arma de fogo em Guarapuava


Por volta das 09h58min do dia 02 de setembro de 2020, uma equipe da Rádio Patrulha deslocou até a UPA do Batel para verificar uma situação de lesão corporal por disparo de arma de fogo. No local identificado a vítima, (9 anos), a qual foi ferida no pé esquerdo, após ser atendida foi liberada para residência por seus familiares. 

A equipe policial, foi até a residência da vítima na Rua Mario Fontoura, onde a avó informou que estava em casa com a menina quando ela começou a gritar se queixando de dores no pé, e encontrou do lado do sofá um objeto que desconhecia e que foi identificado posteriormente pelas equipes como sendo um projétil. Foi encaminhada para atendimento médico.

Fonte: PM