quarta-feira, 16 de outubro de 2019

2º Encontro da Família Ribeiro foi realizado no Rio Bonito, em Turvo



O 2° Encontro da Família Ribeiro aconteceu no último sábado (12/10), na Igreja São Sebastião, na comunidade de Rio Bonito, interior de Turvo, onde foi rezado um culto ecumênico em homenagem ao casal Sebastião Ribeiro de Campos e Izulina Moreira de Campos, ambos falecidos em 1974.



Os 10 filhos do casal são Joaquim, Maria das Dores, Valdelina, João, Adelina, Irene, Emílio, Erondina, Afonso e o caçula Neuraldo Ribeiro.

Depois do culto e das apresentações foi servido um delicioso almoço com churrascos, saladas e bebidas e a festa prosseguiu durante toda à tarde.

Os organizadores, Agnaldo, Selma, Emerson e Bidu agradecem a presença de todos.
















Governo lança edital para vagas de trabalho no verão


A Superintendência Geral do Esporte, da Secretaria da Educação, já publicou o edital de credenciamento para quem quiser trabalhar no projeto das férias de verão, em janeiro de 2020, no litoral do Estado. Podem se credenciar acadêmicos e profissionais de educação física, além de jornalistas.

O projeto prevê ações voltadas aos veranistas e comunidade local, com atividades esportivas e de lazer, aulas de ginástica, dança, caminhada, recreação infantil, torneios e eventos esportivos, além uma série de outras práticas relacionadas ao entretenimento.

No que se refere à atuação dos jornalistas, se dará com a cobertura da operação com a produção de textos, fotos, vídeos e publicação nas redes sociais da Superintendência, bem como alimentando o site da instituição e fazendo a assessoria de imprensa.

Para o credenciamento, é só acessar o edital (veja abaixo), ler os requisitos e seguir as instruções. O credenciamento é válido por doze meses e poderá ser utilizado para outros projetos, conforme necessidade e disponibilidade da instituição.

O projeto para o próximo verão é uma ação integrada do Governo do Estado, que visa aprimorar a infraestrutura das praias e balneários paranaenses, garantir a saúde, segurança, lazer e entretenimento aos turistas e moradores locais.

A Superintendência será responsável, dentro da operação, pelas atividades esportivas, recreativas e de entretenimento, que deverão acontecer em seis postos fixos, além de contar com uma equipe itinerante.

Outras regiões do Estado também deverão ter ações do Governo. Seus locais e agendas serão divulgados em breve.

CURSO DE CAPACITAÇÃO - Para melhor preparar os acadêmicos interessados em atuar nestas férias deverão, a Superintendência, por meio do programa Escola do Esporte (http://www.esporte.pr.gov.br/Pagina/Escola-do-Esporte), também lançou na sexta-feira (11) o curso gratuito de capacitação. As inscrições seguem até as 17h do dia 30 de outubro. O formulário de inscrição online e o edital referente ao curso podem ser conferidos por meio do link http://www.esporte.pr.gov.br/Chamamento-Publico-03-2019.

O curso é exclusivo para acadêmicos de Bacharelado em Educação Física que estejam, no mínimo, no quinto período. A previsão de realização do curso é para o início de dezembro, em Praia de Leste, no município de Pontal do Paraná. O edital prevê a seleção de 150 acadêmicos que receberão alimentação e hospedagem.

“Esse curso abordará atividades de palco, lazer, organização e modalidades esportivas. O Verão Maior é o grande estágio em educação física do Paraná e nossa intenção é que tenhamos acadêmicos de todas as regiões do estado representadas”, disse o coordenador do programa Escola do Esporte, Francisco Paulo Trautwein.

Para o coordenador-geral do projeto, Mauro Cachel, o curso é importante para que seja preparada uma equipe à altura das ações do Esporte no Verão, que já se tornaram referência. “Estamos planejando o processo de escolha dos acadêmicos com a ideia de fazê-lo de forma dinâmica, mas eficiente. Nossa expectativa é, ao final da capacitação, ter uma equipe pronta para atender ao exigente público de veranistas, que espera sempre o melhor de nosso time durante a temporada no Litoral”, afirmou.

Acesse o edital: 

Fonte: AEN

Deputado Estacho destina 2 milhões de reais para o Hospital do Câncer de Guarapuava


O Hospital do Câncer, na cidade de Guarapuava, receberá um importante reforço financeiro. O Deputado Estadual Rodrigo Estacho destinará, através do plano Paraná mais Cidades, 2 milhões de reais em recursos para o hospital.

Com o propósito de ser referência estadual no tratamento do câncer, as obras do hospital seguem em ritmo acelerado. No dia 12 de setembro o Deputado Estacho esteve visitando o local e pode constatar de perto a evolução do projeto:


O Deputado Rodrigo Estacho se mostrou muito feliz com o andamento das obras e confiante que o Hospital se tornará um importante polo regional e estadual para o atendimento de pessoas que sofrem de câncer.

Situado na região da Cidade dos Lagos, em Guarapuava, o novo hospital do câncer contará com 40 leitos de internação, 20 leitos de UTI e centro cirúrgico, além de tratamento especializado em quimioterapia e radioterapia.


TURVO PRESENTE NO ENCONTRO DOS CONSEGs PR


O Secretário de Administração do Município de Turvo Clemerson Borges juntamente com o Presidente do Conselho de Segurança de Turvo Dr. Eugênio Pereira de Couto, participaram nesta segunda-feira, dia 14 de outubro, do Encontro de Fortalecimento dos Consegs na Assembléia Legislativa do PR. 

Por proposição do Deputado Estadual Delegado Recalcatti foram esplanadas varias formas de captação de recursos para investir em segurança, mas para efetivação dos mesmos há necessidade de projetos bem elaborados e com justificativas convincentes. 

O evento contou com a presença do Coordenador Estadual dos Consegs Coronel Chehade Elias Geha, além de várias autoridades.



Jovem desaparecido há quase três meses foi esquartejado e teve corpo jogado no alagado


O desaparecimento do jovem Edinaldo de Assis Trindade, de 22 anos, teve um desfecho trágico na noite desta terça-feira (15). O corpo dele foi encontrado nas águas do Alagado do Iguaçu, na aldeia indígena Guarani, no limite entre os municípios de Chopinzinho e Mangueirinha, mais especificamente na Ponte do Lageado. O achado do corpo se deu partir da localização da moto de Edinaldo, uma Yamaha Fazer, na tarde de segunda-feira (14).

Desde então, as policias Civil e Militar, com ajuda de familiares, passaram a realizar buscas nas margens do rio na tentativa de encontrar algum vestígio dele. No início da tarde de terça-feira, a Polícia Civil esteve no local acompanhada de Bombeiros para verificar a possibilidade de o corpo estar no mesmo ponto onde a moto foi localizada. Devido à estiagem, o nível da água diminuiu cerca de 20 metros, tornando mais fácil a visibilidade. Apesar da averiguação, nada foi encontrado e havia sido agendado mergulho para buscas na quinta-feira (17).

No entanto, no final da tarde desta terça, familiares do jovem acionaram a polícia informando terem avistado alguns sacos dentro da água. Também relataram que um deles havia sido puxado até a margem, sendo encontrado o tênis de propriedade de Edinaldo. Diante da suspeita, a Polícia Civil retornou ao local acompanhada das Polícias Militar e Cientifica (IML e Criminalística). Também foi acionada uma equipe do Corpo de Bombeiros, composta por mergulhadores, que fez buscas e localizou outros sacos. Ao todo, foram retirados da água seis sacos, amarrados em três pares. Desses, um estava cheio de pedras e areia e os demais com partes do corpo do rapaz, que foi esquartejado. Devido ao estado de decomposição, o corpo foi recolhido ao IML de Pato Branco para identificação oficial.

Dona Emília Eufrásio, mãe de Edinaldo, afirmou em entrevista à Extra FM que o tênis é realmente de seu filho, que havia desaparecido no dia 27 de julho. Mesmo abalada, disse que pediu todos os dias para Deus lhe mostra ronde estava o filho, vivo ou morto. “Eu disse Deus, se nosso pai se meu filho estiver vivo, mostre ele pra mim, ou se aconteceu alguma coisa com meu filho mostre da mesma forma e me de coragem, e hoje cedo eu recebi essa notícia né da moto dele, daí a gente foi pra Coronel e depois viemos pra cá, onde estamos até agora, sem café, sem almoço e também sem jantar”, contou.

A mãe relata que tem algumas desconfianças da autoria e confia na justiça dos homens e na justiça divina. “Quem fez isso com meu filho, mais cedo ou mais tarde vai pagar. O que ele fez aqui vai pagar aqui mesmo. Esse que fez isso, não tem coração. Bicho que é bicho mata e come, eles podiam ter feito o mesmo se tinham raiva do meu filho, não precisa jogar ele desse jeito, ou matasse ele e não picasse”, desabafou.

Apesar das circunstâncias do crime, dona Emília disse que está tranquila, por que a agonia acabou e agora poderá sepultar o filho. A Polícia Civil de Chopinzinho segue com a investigação para apurar a autoria e a motivação do crime. O delegado Breno Machado de Paula pede auxílio da população para elucidar o caso. Se alguém tem alguma informação, pode denunciar através dos telefones 197, 3242 – 1446 ou 190. Todas as ligações serão mantidas em sigilo.

Imagens: Evandro Artuzi/Extra FM
Fonte: RBJ