segunda-feira, 12 de março de 2018

1º Jantar Típico Ucraniano, foi realizado com sucesso em Turvo


A comunidade Ucraniana de Turvo promoveu no último sábado (10), o 1º Jantar Típico Ucraniano no Salão Paroquial da Igreja Católica em Turvo. 

O evento foi um sucesso, além da comida típica Ucraniana, teve apresentação com Grupo Folclórico Ucraniano Vesselka de Prudentópolis, que encantou o público presente.

A diretoria da comunidade agradece a todas as pessoas que prestigiaram o jantar, também aos patrocinadores, bem como todas as pessoas envolvidas, para que o evento fosse um sucesso.

O lucro do jantar será utilizado para a construção da nova igreja da comunidade que está sendo construída.









Definido os semifinalistas do Campeonato Regional de Futsal da Piquiri Papéis


No último sábado e domingo, aconteceu a 6ª rodada do Campeonato Regional de Futsal no ginásio de esportes da empresa Piquiri Papéis em Campina do Simão – PR. Na categoria livre masculino, são 16 equipes participando, 08 feminino e 06 no veteranos masculino. Sendo elas de 13 municípios da região. A premiação das três categorias é de R$ 12.000,00.

Resultados das quartas de finais  na categoria livre: 

Só Parceiros/Pedra Brilhante/Guarapuava 04 x 02 Laticínios Ziemerlac

Redepel/Farmavida/F. Vidros 02 x 02 Hotel Campeão/Guarapuava. Na prorrogação, Hotel Campeão levou a melhor e venceu por 01 x 00.

Candói Futsal 05 x 02 Marafon Auto Peças/Pitanga

Lojão do Braz Santa Maria 02 x 03 Piquiri Papéis 

Classificados para a semifinal:

Só Parceiros/Pedra Brilhante/Guarapuava 

Hotel Campeão/Guarapuava

Candói Futsal 

Piquiri Papéis 

Resultados do Veteranos:

Cândido de Abreu 04 x 03 Lojão do Braz Santa Maria

Adriano Tintas/Rei do Choop/Pitanga 04 x 02 Realmatismo/Agronova Palmital

Veterano: Art Luz 06 x 04 Piquiri Papéis

Com informações de Cristiano Oliveira

Apoio: Vereador João Luis Rosa



PRF apreende fuzil, duas pistolas e mais de 700 munições na BR-77

VÍDEO:


A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu um fuzil calibre 556 e duas pistolas calibre 9 milímetros na tarde desta segunda-feira (12) em Catanduvas, na região oeste do Paraná.

Além das armas, os agentes da PRF apreenderam 773 munições. Todos os itens apreendidos são de uso restrito das forças de segurança pública.

As armas e munições eram transportadas em um compartimento oculto, dentro do painel de instrumentos de um automóvel Volkswagen Fox, abordado na BR-277.

O motorista, com 24 anos de idade, foi preso em flagrante. Aos policiais rodoviários federais, ele disse que buscou a carga ilícita em Medianeira e que pretendia levá-la até Curitiba.

Da marca Glock, as duas pistolas têm seletor de rajada, mira a laser e quatro carregadores para até 60 munições. Já o fuzil estava equipado com cinco carregadores.

Do total de 773 munições apreendidas, 506 unidades são para fuzil calibre 556; 169, de calibre .40; e 98, de calibre 9 milímetros.

A PRF encaminhou a ocorrência para a Delegacia da Polícia Federal em Cascavel.

Fonte: PRF




Nova fábrica do Estado vai produzir medicamentos para o SUS



O Instituto de Tecnologia do Paraná (Tecpar) investirá R$ 82 milhões para a construção de um Centro de Desenvolvimento e Produção de Medicamentos Biológicos em Maringá. A unidade vai produzir medicamentos para o sistema público, principalmente os utilizados no tratamento de câncer e de artrite reumatoide.

Essa é primeira planta industrial do Tecpar fora de Curitiba e os recursos para a obra são do Ministério da Saúde. O convênio para a liberação do valor foi assinado nesta sexta-feira (09/03) em solenidade que reuniu o governador Beto Richa e a vice-governadora Cida Borghetti, o ministro da Saúde, Ricardo Barros, o prefeito de Maringá, Ulisses Maia, e o secretário estadual de Ciência e Tecnologia e Ensino Superior, João Carlos Gomes.

“O investimento representa mais um avanço para a área de pesquisa em saúde, e consolida o Tecpar como uma das principais instituições do país nesta área”, disse Richa, destacando que o instituto vai produzir medicamentos que atualmente são importados pelo Brasil.

Ricardo Barros reforçou que o Tecpar irá produzir com qualidade os medicamentos que hoje são trazidos do exterior e que isso trará mais economia ao Sistema Único de Saúde (SUS). Ele também destacou a importância do projeto para a região. “Estamos investindo na consolidação do polo de medicamentos de Maringá”, afirmou o ministro.

PRAZO - Barros destacou que o prazo para a conclusão da obra é de dois anos, contados a partir da licitação, e que quando a planta estiver concluída o Ministério da Saúde repassará outros R$ 80 milhões para aquisição de equipamentos. A unidade será instalada em um terreno transferido pela prefeitura de Maringá ao Tecpar.

O instituto já atua na cidade há mais de trinta anos com um laboratório de análises e certificações para a indústria alimentícia, porém esta será a primeira unidade completa na cidade. “Esta parceria demonstra a competência do Tecpar no Paraná e no Brasil”, afirmou o secretário estadual da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, João Carlos Gomes.

TRANSFERÊNCIA - A parceria entre Tecpar e Ministério da Saúde para produção destes medicamentos teve início no ano passado com a assinatura de um termo de compromisso para o fornecimento de seis medicamentos usados no tratamento de câncer e de artrite reumatoide.

Com a formalização da parceria, a empresa detentora da patente dos medicamentos faz a transferência tecnológica ao Tecpar para que o instituto produza os medicamentos para o SUS. “O centro se constitui em uma nova plataforma tecnológica de produtos biológicos. O SUS passará a ser abastecido com produtos estratégicos por um laboratório público. Já a cidade se tornará um polo farmacêutico, com atração de empregos qualificados”, afirmou o presidente do Tecpar, Júlio Felix.

Félix ressaltou que a entrega dos produtos ao SUS começa ainda neste mês porque o modelo legal da relação permite que no primeiro ano o instituto importe o produto do transferidor de tecnologia. “Atuamos com tecnologia de última geração nessa área de saúde, com alto valor agregado. Estamos internalizando a produção no Brasil”, afirmou Felix.

O prefeito de Maringá, Ulisses Maia, disse que o instituto trará mais desenvolvimento econômico para a cidade. “Serão gerados mais de 150 empregos em Maringá”, disse.

NOVAS PLANTAS - A unidade de fill and finish em Maringá contará, em um primeiro momento, com uma fábrica de finalização de medicamentos biológicos, um centro de distribuição e o laboratório de Controle da Qualidade. Essa unidade, financiada pelo Ministério da Saúde, tem como objetivo realizar a formulação, envase, embalagem e armazenamento de medicamentos produzidos pelo instituto. Nos próximos anos, novas plantas biológicas serão instaladas no local.

TRÊS PLATAFORMAS - Com fábrica de Maringá, o instituto passa a contar com três plataformas tecnológicas na área da saúde. As outras duas estão em Curitiba, onde está o Centro de Desenvolvimento e Produção de Medicamentos Imunológicos, no câmpus CIC; e em Ponta Grossa, que abriga o Centro de Desenvolvimento e Produção de Medicamentos Sintéticos, localizado no câmpus da Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG).

PRESENÇAS- Também participaram da solenidade o deputado federal Edmar Arruda; os deputados estaduais Paulo Litro e Evandro Junior; a chefe do Estado-Maior da PM, coronel Aldilene da Rosa; e o presidente da Associação Comercial de Maringá, José Carlos Valêncio.

Fonte: AEN