segunda-feira, 27 de fevereiro de 2017

Bebê recém-nascido é encontrado dentro de saco plástico em Paranavaí

Do  G1 PR

Uma criança recém-nascida foi encontrada dentro de um saco plástico na frente da casa de um morador de Paranavaí, no noroeste do Paraná, na madrugada desta segunda-feira (27). De acordo com o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), o bebê é uma menina e ainda estava com o cordão umbilical.

O morador do bairro Vila Operária, Alex Sandro Souza, de 24 anos, foi quem encontrou a criança. Ele relata que estava na garagem de casa tomando tererê com alguns amigos quando ouviu o choro de um bebê. Ao sair para fora da casa, encontrou um saco plástico preto se mexendo.

“Escutei um barulho diferente e comentei com os meus amigos se eles também estavam escutando o mesmo som. No primeiro momento, acreditamos que era um gato, mas fui lá fora ver e encontrei o saco plástico. Quando o abri o pacote encontrei o bebê”, relata.

Alex pegou a criança no colo e levou até a mãe que estava dentro de casa. “A primeira sensação foi de medo e susto, não esperava que algo desse tipo acontecesse comigo. Fiquei preocupado com a criança porque tinha sangue no corpinho e na cabeça dela, só estava enrolada em uma fraldinha que também estava com sangue. Minha mãe pegou um lençol, a enrolamos e chamamos a polícia”, detalhou.

A família ainda deu um pouco de leite para a menina recém-nascida. “A criança estava mordendo a fraldinha, estava com fome. Então, a minha irmã, que mora na casa ao lado da nossa, deu um pouquinho de leite para a bebê. Como a minha irmã tem filho pequeno, o leite era próprio para bebê", disse Alex Souza.

Assim que a PM foi informada sobre a situação, os policiais acionaram o atendimento do Samu. A técnica do Samu Daniele de Souza foi quem realizou o primeiro atendimento. A socorrista conta que a criança estava saudável e sem nenhuma dificuldade para respirar.

“Quando nós chegamos, o morador que encontrou a menina já havia a enrolado em um lençol. Tirei a fralda com sangue e a enrolei em uma manta térmica para esquentá-la. O bebê estava coradinho, um pouco hipoativo, mas bem. O que chamou bastante a nossa atenção é que ela ainda estava com o cordão umbilical. A criança foi abandonada momentos depois do parto ”, relatou a socorrista. 

A menina foi levada ao hospital Santa Casa de Paranavaí. Na manhã desta segunda-feira (27), a instituição informou que a criança está internada na maternidade recebendo todos os cuidados necessários. O caso agora ficará aos cuidados do Conselho Tutelar de Paranavaí.

Alex Souza disse que a família tem interesse em adotar o bebê. “Vamos conversar com o Conselho Tutelar e com a Secretaria de Assistência Social para saber o que precisamos fazer para adotá-la. Parece que foi Deus quem mandou essa criança para a nossa família. Se eu e meus amigos não estivéssemos na garagem, a criança poderia ter sofrido com o frio ou até poderia ter sido mordida por um cachorro de rua. Foi um milagre”, concluiu.

Fonte: G1-PR

Criança encontra os pais mortos na cama em Planalto



A Policia Militar de Planalto foi acionado por volta de 9h40 da manhã desta segunda-feira (27/20 até o distrito de Centro Novo, interior daquele município, onde teria ocorrido um homicídio seguido de suicídio.

De Imediato a equipe policial militar composta pelos soldados Zimmer e Vieira deslocou-se para o local, e no interior de uma residência, no quarto do casal, mortos em cima da cama: Valdir Dickel, 35 anos de idade; e, Antonia Dias, 31.

Segundo diz o relatório da Policia Militar, ambos tinham ferimentos na cabeça; entre os corpos foi achada uma espingarda calibre 32.

Segundo contou dona Liria Dias, mãe de Antonia, o casal tinha dois filhos: um menino de doze (12) anos de idade, e uma menina de nove (9). O menino passou a noite da na casa dos avós que moram na mesma comunidade. E foi o menino quem encontrou os pais mortos na cama.

Quando amanheceu, o menino em companhia do avô foi para casa tratar os animais; quando viu a porta aberta, entrou, não viu ninguém, correu pro quarto e encontrou aquela cena horrível. Imediatamente voltou para fora da casa e chamou o avô para ver o que tinha acontecido.

A menina, segundo a avó, estava passeando na casa de parentes, em Pérola D'oeste. 

Depois do trabalho da criminalística, os corpos foram recolhidos ao IML de Francisco Beltrão. A policia civil investigará o caso. 

A principio, a cena encontrada faz crer que Valdir matou a mulher e depois se matou. Mas, somente as investigações com o laudo da criminalística é que irão confirmar ou não isso.

Fonte: Adelino Guimarães/Rádio Voz 
Fotos: Ivânia e Derli Viana/Diário da Informação


Ocorrências policiais em Pitanga e Boa Ventura


PITANGA:
INFRAÇÃO DE TRÂNSITO: No dia 26 de fevereiro de 2017, a equipe PM realizou a abordagem a motocicleta Honda cg 150 Titan KS a qual era conduzida por um masculino sem CNH. Feito consultas via SESP intranet, foi constatado que o veiculo estava com a documentação em atraso e que seu condutor não possuía habilitação. Diante dos fatos o veiculo foi recolhido ao pátio da 3ªCia e lavrado as notificações pertinentes. Orientado as partes.
AMEAÇA: No dia 26 de fevereiro de 2017, a equipe PM deslocou no Parque Industrial, onde em contato com o solicitante relatou que seu vizinho nesta data veio até sua residência e lhe proferiu ameaças. A vítima não demonstrou interesse em representação, a equipe orientou as partes.
FURTO QUALIFICADO: No dia 26 de fevereiro de 2017, atendendo solicitação a equipe de serviço deslocou até a Rua Conselheiro Zacarias, Centro, no local relatou o solicitante que ao retornar em sua residência encontrou a janela da frente de sua casa arrombada, ao entrar na residência constatou que do interior da mesma foi subtraído um Notebook Samsung, um celular preto de botões com adesivo da casa rural não sabendo informar a marca do mesmo, dois portas moedas do Sicredi sendo que ambos estavam cheios de moedas e também notou falta de uma mochila rosa com cinza. As equipes de serviço efetuaram patrulhamento nas proximidades da ocorrência, porém não foi logrado êxito em encontrar os autores, diante dos fatos foi lavrado boletim de ocorrência e orientado o mesmo quanto aos procedimentos cabíveis.
AMEAÇA/ VIOLAÇÃO DE DOMICILIO: No dia 26 de fevereiro de 2017 a equipe deslocou até a área Rural de Rio Batista atendendo solicitação de uma mulher, a qual relatou que ao fechar a porta de sua residência dois homens encapuzados forçaram a porta a empurrando para dentro da casa, e de posse de uma faca vieram a ameaça-la de morte. A equipe realizou patrulhamento no local, porém não logrou êxito em localizar os autores. Diante dos fatos foi orientada a mesma quanto aos procedimentos cabíveis.
RECEPTAÇÃO: No dia 27 de fevereiro de 2017, após solicitação de um masculino, este veio a relatar que dias atrás estava no Parque do Lago acompanhado de uma adolescente e que posteriormente ao dar-lhe uma carona para casa sentiu falta de seu celular Samsung Smartphone J1 DUOS, sendo que confeccionou BO a respeito de perda. Na data de hoje encontrou a adolescente num Bar no Centro e viu que a mesma estava com um celular igual ao seu e acionou a equipe. Foi deslocado ao local, realizado abordagem e verificado que o celular se tratava do mesmo relatado pela vitima inclusive tendo o mesmo IMEI. Segundo a adolescente a mesma comprou o celular por R$280,00 reais. Ambas as partes foram conduzidas a 45ªDRP juntamente com o celular. O Conselho Tutelar se fez presente e acompanhou a ocorrência.
PERTURBAÇÃO DO TRABALHO OU SOSSEGO ALHEIO/ DANO EM COISA: No dia 26 de fevereiro de 2017 a equipe deslocou até a Rua Ébano Pereira, Centro, onde havia várias ligações na central 190 que relatavam que no local havia várias pessoas fazendo uso de som alto e algazarra e corriam pela varanda dos demais apartamentos, perturbando o sossego alheio. No local a equipe constatou o fato e entrou em contato com a solicitante, a qual informou que conversou com a responsável pela residência, porém a mesma não baixou o volume e continuou com a festa, também informou que algumas pessoas que saíram do local da festa e subiram sobre o teto do carro de seu namorado um Uno prata. A equipe entrou em contato com a responsável pela festa e diante dos fatos foi recolhido uma caixa de som preta Multilaser e uma corneta Buster preta e encaminhado ambas as partes para a 3ª Cia a fim de lavrar o termo circunstanciado.
LESÃO CORPORAL: No dia 26 de fevereiro de 2017 atendendo solicitação a equipe deslocou até Rua Padre Agostinho onde supostamente havia uma mulher alcoolizada em via publica a qual estava gritando e caída sobre a calçada de uma residência, no local a equipe constatou o fato, sendo que a mesma estava com visíveis sinais de embriagues e tinha varias lesões em seu rosto, a mesma relatou que no caminho para sua casa seu acompanhante veio a bater em sua face com uma pedra e desferiu contra a mesma vários socos e chutes. Foi efetuado patrulhamento no local a procura do autor das lesões, porém sem êxito. Diante dos fatos foi encaminhado a vitima para o Hospital São Vicente de Paulo para receber atendimento médico e orientado a mesma quanto aos procedimentos cabíveis.

BOA VENTURA DE SÃO ROQUE
LESÃO CORPORAL / VIOLÊNCIA DOMÉSTICA: No dia 26 de Fevereiro de 2017, durante patrulhamento, a equipe PM foi acionada por uma mulher, a qual relatou que seu ex-convivente, veio até a sua residência e veio a empurrar e desferir um tapa no rosto da solicitante. Diante do fato a equipe deslocou até o local, onde foi localizado o autor ainda em frente ao endereço da solicitante. Sendo dada voz de prisão e encaminhado até a 45ª DRP para as providencias de polícia judiciária.
VIAS DE FATO / TERMO CIRCUNSTANCIADO: No dia 26 de Fevereiro de 2017, a equipe PM foi solicitada por uma mulher, a qual relatou que foi até a residência de seu ex-marido para deixar os filhos com o mesmo, que chegando ao local sua ex-sogra começou a discutir com a mesma, lhe ameaçando e acabaram entrando em vias de fato, sendo que ambas apresentam sinais de agressão. Diante do fato, ambas as partes foram encaminhadas ao Destacamento PM para lavratura de termo circunstanciado.
LESÃO CORPORAL / VIOLÊNCIA DOMÉSTICA: No dia 26 de Fevereiro de 2017, após solicitação via fone, a equipe PM deslocou até a localidade Barro Preto, onde uma mulher relatou que seu convivente, veio a lhe agredir com um pedaço de madeira, desferindo um golpe em sua cabeça, ainda ameaçando atear fogo à mesma, dizendo que se a vítima acionasse a Policia este iria lhe matar. Diante do fato a equipe efetuou patrulhamento nas estradas rurais e localidades vizinhas, não sendo obtido êxito na localização do autor. Ficando a vítima orientada quanto aos procedimentos.
Do Blog Central