quarta-feira, 19 de junho de 2019

Milho impulsiona estimativa de produção de grãos no Paraná



Produção de grãos da safra paranaense 2018/2019 deverá chegar a 37,6 milhões de toneladas, segundo relatório mensal divulgado nesta terça-feira (18) pelo Departamento de Economia Rural (Deral), da Secretaria de Estado da Agricultura e do Abastecimento. Esse volume é 6% maior na comparação com a safra 2017/2018 e representa um acréscimo de 467 mil toneladas à estimativa do mês de maio, impulsionado pela produção de milho, que tem apresentado um ciclo satisfatório no Estado. A área plantada deve somar 9,8 milhões de hectares, 1% a mais do que na safra anterior.

O avanço da colheita, especialmente do milho safrinha, que já ultrapassa 20% da área de 2,24 milhões de hectares, mostra um ganho de produtividade. “A produção de milho de segunda safra pode chegar a 13,5 milhões de toneladas, cerca de 400 mil a mais do previsto na estimativa anterior”, diz o chefe do Deral, Salatiel Turra.

Outro indicador é a

Homem bate na esposa e estupra o filho de 07 anos na Palmeirinha


Uma mulher, acompanhada de uma assistente social, procurou a Policia Militar no distrito de Palmeirinha e denunciou que o seu convivente, de 46 anos, havia estuprado o seu filho, de sete anos.

O estupro, segundo a denunciante, ocorreu na sexta feira (14 de junho). Após uma discussão e ela ter sido agredida, o seu convivente pegou o seu filho de sete anos, e o levou para os fundos da residência. Um outro filho do casal, de quatro anos, que presenciou o ato, veio comunicar que o seu irmão havia sofrido violência sexual. 

A mulher foi até o galpão e o autor fugiu ao vê-la. Segundo ela, havia sangue na cueca e na região anal do seu filho. Ela disse que sofre constantes ameaças de morte do seu marido e somente hoje denunciou o fato.

A Polícia Militar realizou patrulhamento e encontrou o suspeito em casa. Ele foi encaminhado com a denunciante as vítimas para a 14ªSDP, para as medidas cabíveis. Como não houve flagrante, o agressor não foi detido e está em liberdade.

Jovem dá a luz e enterra bebê em horta na propriedade rural de seus avós


Um casal de idosos encontrou na tarde da terça-feira (18) um bebê enterrado na horta de uma propriedade rural. Os idosos sentiram um forte cheiro e ao mexer na terra encontraram o bebê, que ainda estava na placenta. O caso ocorreu na cidade de Enéas Marques, no sudoeste do Paraná.

A neta da idosa foi conduzida à delegacia. A Polícia Militar esteve no local e acionou a Polícia Civil e o Instituto Médico Legal (IML) para os procedimentos. No local os peritos constataram que a criança, ainda com a placenta, havia sido enterrada há alguns dias.

A neta da idosa de 62, uma jovem de 25 anos era a mãe da criança. Conforme a idosa, a neta que mora com ela estava cuidando de uma pessoa idosa e há cerca de uma semana a jovem havia reclamado de dores, que ela considerou ser de cálculo renal. A idosa contou que a neta estava acima do peso, mas não desconfiou que ela estivesse grávida.

A jovem em relato aos policiais confessou que deu a luz no banheiro da casa, sem que avó soubesse que estava grávida. Segundo a jovem, o bebê nasceu morto e ela resolveu enterrar a criança nos fundos do terreno, sem contar para ninguém.

O corpo do bebê foi removido ao IML e a mulher foi conduzida a delegacia para as providências cabíveis. Exames devem apurar se a criança nasceu viva ou morta. A mulher poderá responder por infanticídio e ocultação de cadáver.

Fonte: Canal4

Menina de um ano morre e IML aponta agressão física como causa da morte


Uma menina de um ano e um mês morreu em Arapongas, no norte do Paraná, na noite de terça-feira (18). O Instituto Médico-Legal (IML) apontou, preliminarmente, agressão física como causa da morte.

Os pais da criança a levaram para um posto de saúde relatando que a menina passou mal depois de se engasgar com leite, de acordo com a Polícia Civil. Ela se chamava Sophia.

Na Unidade de Pronto Atendimento (UPA), foi verificada a morte de criança. Além disso, o médico identificou várias lesões pelo corpo. Então, o Conselho Tutelar, a Guarda Municipal e a polícia foram acionados.

Os pais e a avó materna da menina foram levados para a delegacia para prestar depoimento. Até a manhã desta quarta-feira (19), ninguém tinha sido liberado.

O pai, conforme a polícia, ficará detido porque havia um mandado de prisão em aberto contra ele por tráfico de drogas. Ele era considerado foragido.

Fonte: G1 - PR

Após ser agredida e ameaçada de morte, mulher toma revolver do marido e ele foge em Palmital


Na data de 18 de junho de 2019, por volta de 14h30min a equipe policial foi solicitada por uma senhora, a qual relatou que havia se desentendido com seu marido, o qual lhe ameaçou de morte e seu filho, sendo que a situação ocorreu dentro de sua casa desde o último domingo, que o autor já havia puxado a arma para solicitante e que a ameaça vem se alastrando até esta data, sendo que a vítima foi ameaçada de morte e o autor puxou um revólver e bateu no pescoço da vítima e que houve uma breve luta corporal sendo que a vítima conseguiu tomar a arma do denunciado, sendo que o mesmo fugiu logo em seguida. 

Esta equipe esteve no local e apreendeu um revólver da marca Taurus aparentemente de calibre 32 carregada com seis munições intactas, sendo conduzido juntamente com a vítima para a Delegacia para as providências cabíveis.

Homem baleado pela polícia após ameaça em boate de Pitanga


Por volta das 18h30min do dia 18 de junho de 2019 na Estrada do Cantu, zona rural recebida a informação que dois indivíduos em uma motocicleta de cor branca haviam chegado à boate e um deles, 18 anos levantou a blusa aparentando estar armado, pois foi visto a coronha de uma arma, o qual procurava pela feminina, 23 anos que seria sua mulher e teria o deixado. 

Segundo a solicitante, suas amigas disseram que ela não estava e os indivíduos saíram dizendo que iriam até a outra boate e a matar se a encontrasse. A equipe ROTAM deslocava para este segundo local quando nas proximidades numa estrada rural uma motocicleta vinha sentido contrário de imediato dado voz de abordagem ao condutor, porém ele não parou, manobrando a moto em direção ao policial, sendo realizado um disparo de arma de fogo em direção ao chão, os suspeitos se evadiram, sendo manobrado a viatura e seguido atrás, quando visualizado o motociclista indo na direção de uma pedreira. 

Quando a equipe fazia buscas recebeu a informação da central que havia um suspeito ferido por arma de fogo num sitio nas proximidades da boate. Localizado o ferido que havia sido atingido no calcanhar do pé direito sendo o autor das ameaças relatadas acima, acionado uma equipe do bombeiro socorrido e encaminhado ao hospital, o qual negou estar armado. 

Com apoio da RPA foi localizado o segundo suspeito sendo o adolescente, 16 anos, o qual foi conduzido à Delegacia e a motocicleta apreendida e recolhida ao pátio da 3ª Cia. 

adolescente relatou que foi convidado pelo autor para levá-lo até a boate para acertar uma desavença.


Incêndio em residencia pode ter sido criminoso em Santa Maria do Oeste


A PM atendeu uma solicitação a qual diziam que estava ocorrendo um incêndio às margens da rodovia PR. 456, em Santa Maria do Oeste, foi deslocado até o local, onde em contato com o dono da residência, o mesmo informou à equipe policial que seu enteado estaria na residência e que foi visto o seu enteado abandonando a residência, logo após começar o incêndio. 

Informou ainda que dias a trás seu enteado falava em colocar fogo em alguma casa. Em um primeiro momento foram efetuados patrulhamentos e buscas porem sem êxito em localizar o suspeito. 

Em contato com uma Senhora, a qual é convivente do acusado, a mesma disse que não sabe o motivo incêndio, porem não soube informar à equipe o porquê seu marido fugiu do local, sendo que só eles e o filho do casal estavam no local na hora do fato. 

Em continuação as diligências a equipe conversou com populares os quais repassaram informações que o autor teria provocado o incêndio na residência e deixado sua esposa e o filho do casal dentro da casa e se evadido do local, e que sua esposa teria conseguido tirar a criança e alguns pertences sozinha, a equipe também conversou com a mãe do mesmo, a qual relatou que seu filho teria ligado instantes antes ao incêndio avisando que o faria. 

Após algumas informações a equipe deslocou em uma residência próxima a um bar, no Bairro Santo Antônio, onde foi localizado o suspeito, sendo dado voz de prisão ao mesmo e encaminhado até a Delegacia local, durante o trajeto o mesmo ainda veio a ameaçar sua genitora, dizendo que uma hora ele sairia da cadeia.

Foto: Blog Central


Faleceu em Guarapuava, o turvense Julio Garcia de Quadros (Léco)



Faleceu na noite dessa terça-feira (19) o senhor Julio Garcia de Quadros, conhecido como Seu Leco, com 89 anos. Seu corpo está sendo velado na Capela Mortuária Pax Cristo Rei, em Guarapuava. O sepultamento será hoje ás 17h00. 

Seu Léco morou por muitos anos em Turvo, ele era irmão da dona Dinorá Garcia, mãe do Jonas da funerária.