sábado, 25 de janeiro de 2014

Ladrão morre afogado depois de furtar carro no Paraná, diz polícia

Carro foi furtado neste sábado (25) em Irati para ser vendido em Rebouças.
Receptador do carro, que dirigia o veículo durante acidente, foi preso.

Carro caiu em um tanque de peixe na localidade de Faxinal dos Vieira, em Rebouças, no Paraná, na madrugada deste sábado (25) (Foto: Divulgação/PM de Irati)
Um ladrão morreu afogado depois de furtar um carro em Irati, na região central do Paraná, na madrugada deste sábado (25). De acordo com a Polícia Militar (PM), ele e outro rapaz furtaram o veículo da garagem de uma residência para ser vendido em Rebouças, na região dos Campos Gerais. Assim que chegaram ao município, o receptador e um dos ladrões saíram para testar o carro, mas acabaram perdendo o controle e caíram em um tanque de peixes na localidade de Faxinal dos Vieira.
Segundo a PM, o ladrão, de 24 anos, era passageiro do veículo, mas não conseguiu sair e morreu afogado. O receptador, de 20 anos, que dirigia o carro no momento, saiu ileso e ligou para a polícia para informar sobre o acidente. Depois, o motorista foi preso e levado para a delegacia deRebouças. Já o outro ladrão, que colaborou com o furto do carro em Irati, fugiu e não foi localizado pela polícia.
Carro foi furtado na garagem de uma residência em Irati, na região central do Paraná (Foto: Divulgação/PM de Irati)Carro foi furtado na garagem de uma residência em Irati, na região central do Paraná (Foto: Divulgação/PM de Irati)
Fonte: http://g1.globo.com/pr

ESTIVEMOS NOS MUNICÍPIO DE IBEMA, E GUARANIAÇU - PR










ESTIVEMOS NA SEXTA (24) NOS MUNICÍPIO DE IBEMA - PR E EM GUARANIAÇU - PR,
E POR ONDE ANDAMOS SEMPRE FAZEMOS NOVAS PARCERIAS, COM AMIGOS DA IMPRENSA DA REGIÃO, E SEMPRE POR ONDE PASSAMOS SOMOS BEM RECEBIDOS, QUERO DEIXAR AQUI O MEU ABRAÇO AO RADIALISTA, ODAIR JOSÉ,  DA RÁDIO SUPER RG AM 1070, DE GUARANIAÇU.

25 ANOS DE CASAMENTO BODAS DE PRATA.



ESTIVEMOS NA SEXTA (24) NO MUNICÍPIO DE IBEMA - PR, EU ELÓI E MEU IRMÃO EVERALDO, E NÃO PODIA DEIXAR DE REGISTRAR, ESTE MOMENTO TÃO ESPECIAL, DOS 25 ANOS DE CASAMENTO, BODAS DE PRATA, MEU PRIMO JOSÉ MATTOS E NOEMI.

FOI REALIZADO UM CULTO NA IGREJA ASSEMBLÉIA DE DEUS, E LOGO APÓS JOSÉ CONVIDOU SEUS PARENTES E AMIGOS PARA A FESTA DO SEU CASAMENTO, QUEREMOS AGRADECER PELO CONVITE, E DESEJAMOS QUE DEUS ESTEJA SEMPRE ABENÇOANDO A VIDA DESTE CASAL.

SP:Primeiro pagamento leva euforia a viciados

Laura Maia de Castro - O Estado de S.Paulo
Os beneficiários do programa Braços Abertos receberam ontem o primeiro pagamento referente a oito dias de trabalho. De acordo com a Prefeitura, cada um dos 302 participantes ganhou R$ 120 (R$ 15 por dia). O clima entre quem saía do Instituto Dom Bosco, no Bom Retiro, era de euforia. As notas eram balançadas no ar e os dependentes contavam o que queriam fazer com o dinheiro. Houve quem prometesse visitas à família e ao dentista. Mas alguns ainda falavam em comprar pedras de crack.
A primeira coisa que Maria Estela, de 38 anos, disse que faria com o salário era comer e beber um refrigerante. "O que quero mesmo é tomar um guaraná."
Márcio Alan, de 42 anos, não trabalhava desde que chegou à Cracolândia, há oito anos. Ele saiu do instituto brincando: "Táxi!", gritava. "R$ 60 serão para pagar tratamento de dente, mas também quero comprar bermuda e sandália". Segundo Alan, ele está ainda mais motivado para trabalhar.
Houve participantes que admitiram que parte do dinheiro iria para as drogas. "Vou comprar um condicionador, um desodorante e um vestido que custa R$ 10 lindo que vi numa loja. Mas não vou mentir que algum dinheiro do que sobrar vou usar para comprar uma pedra das boas", disse uma grávida de 3 meses. Segundo a Prefeitura, outros 14 participantes não compareceram ao local do pagamento e só vão receber na próxima semana.
No dia seguinte ao confronto, não havia tensão visível na área. O ônibus da polícia que fazia o monitoramento de imagens não ficou nem posicionado na esquina da Alameda Barão de Piracicaba.
Fonte: http://www.estadao.com.br/

Vereadores dão parecer contrário a cassação de prefeito..

Vereadores investigavam denúncia de que prefeito desviou dinheiro público.
Denúncias contra prefeito de Rolândia, Johnny Lehmann, serão arquivadas.

O prefeito de Rolândia, no norte do Paraná, Johnny Lehmann (PTB) foi considerado inocente pela Câmara dos Vereadores na denúncia que investigava irregularidades em repasses de dinheiro público para o Hospital São Rafael e na contratação de funcionários para o Programa Saúde da Família e para o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Os vereadores se reuniram nesta sexta-feira (24) e, por quatro votos contrários a cassação do mandato, o prefeito permanece no cargo.
Lehmann era investigado por ter cometido irregularidades na elaboração de convênios entre a prefeitura e o Hospital São Rafael, além de ter contratado funcionários de forma irregular. Os problemas foram denunciados em setembro de 2013 e, na época, o desvio de dinheiro público foi comprovado. No entanto, a comissão que investigava as denúncias, composta por três vereadores, não conseguiu comprovar nenhuma irregularidade.
Na sessão desta sexta-feira (24), nove vereadores estiveram presentes para julgar o relatório elaborado pela comissão. Cinco deles votaram a favor da cassação e quatro votaram contra. Pelo regimento interno da casa, o prefeito só perderia o mandato se dois terços dos vereadores votassem favoráveis a cassação, ou seja, sete vereadores.  O vereador, Enéas Galvão (PSDB), faltou à sessão após protocolar um atestado médico na quinta-feira (23).
As denúncias contra Johnny Lehmann (PTB) foram arquivadas e ele continua administrando o município.
Histórico de cassações
Em 2013, Lehmann teve o mandato cassado por duas vezes pelo Tribunal Regional Eleitoral do Paraná (TRE-PR). Conforme o Tribunal, o político utilizou indevidamente os meios de comunicação para se promover durante a eleição de 2012. O prefeito recorreu de todas as decisões e aguarda no cargo até o julgamento no Tribunal Superior Eleitoral (TSE).
Fonte:http://g1.globo.com/