sábado, 4 de abril de 2020

Decreto autoriza reabertura do comércio em Turvo


Na tarde desse sábado (04), com uma série de restrições e cuidados obrigatórios, o prefeito de Turvo, Jeronimo Gadens do Rosario autorizou por meio do decreto 35/2020, á abertura do comércio essenciais e não essenciais no Município de Turvo, a partir do dia 06 de abril.

Observando medidas para o enfrentamento da epidemia de infecção humana pelo novo coronavírus, o documento mantém o toque de recolher, proibindo a circulação do público nas ruas entre as 19h00 e 06h00 da manhã.

Veja no Decreto as medidas a serem tomadas CLICANDO AQUI

Pitanga - Boletim Oficial Covid-19


Supermercado Suprema de Turvo estará aberto neste domingo



Paraná tem 94 novos casos de coronavírus e mais dois óbitos


A Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) confirma mais dois óbitos por coronavírus no Paraná. Um homem de 80 anos de Cianorte foi confirmado com a Covid-19 na quinta-feira (2) e um homem de 65 anos de Quatiguá que teve a confirmação na terça-feira (31), ambos vieram a óbito neste sábado (4). Os dados do boletim também registram um aumento de 94 casos confirmados e o Estado soma agora 401 registros.

Os novos casos são pacientes que residem em Curitiba (38), Cascavel (14), Campo Largo (3), Lapa (1), Matinhos (1), Fazenda Rio Grande (1), Palmas (1), Pato Branco (1), Chopinzinho (1), Londrina (8), Palmeira (1), Castro (1), Ponta Grossa (1), São José dos Pinhais (1), Paranaguá (2), Foz do Iguaçu (2), Sarandi (1), Maringá (4), Colombo (3), Assis Chateaubriand (1), Campina Grande do Sul (1), Araruna (1), Campo Mourão (2), Pinhão (1), Guaraniaçu (2) e Ibema (1).

O Paraná tem atualmente 401 casos confirmados – destes, sete óbitos e seis pacientes que não residem no Estado –, 4.606 descartados e 195 em investigação. 

77 pacientes estão internados, 47 em Unidades de Terapia Intensiva (UTI) e 30 em leitos clínicos.

Um paciente de Quatro Barras foi transferido para o município de Curitiba visto que reside na capital paranaense.

RISCO - O Ministério da Saúde destacou em Boletim Epidemiológico (nº6) que “avalia o risco nacional como muito alto”. A avaliação considera que a pandemia de Covid-19 é dividida em quatro fases epidêmicas: transmissão localizada, aceleração descontrolada, desaceleração e controle, e que no momento o país se encontra na fase de transmissão localizada na maior parte do país.

Por isso, o risco é alto, ressalta a publicação do MS, que orienta as Unidades da Federação a implementarem medidas de distanciamento social ampliadas.

O informativo do MS salienta que “apoiar e proteger pessoas com mais de 60 anos é assunto de responsabilidade de todos, embora todas as faixas etárias corram o risco de contrair Covid-19, esse grupo enfrenta um risco significativo de desenvolver doenças graves”.

Também são condições clínicas de risco para o desenvolvimento de complicações: cardiopatas graves e portadores de insuficiência cardíaca, infartados, revascularizados, portadores de arritmias e hipertensão arterial sistêmica descompensada; pneumopatas, imunodeprimidos, doentes renais crônicos em estágio avançado, diabéticos e gestantes de alto risco.

Atualizado 15h40. 


Guarapuava - Boletim Oficial Covid-19


Comunicado da Multicar Veículos de Guarapuava


Na Multicar Veículos em Guarapuava, tem uma grande variedade de veículos esperando por você. Converse com o Rodrigo e faça um bom negócio. Financiamentos com as melhores taxas para você realizar o sonho de comprar ou trocar seu veículo.

A MULTICAR fica na Rua Paraná, nº 813 - Bairro dos Estados - Guarapuava - PR. Em frente o Posto Potencial (42) 3304-5570.

Clique aqui para ver o estoque da loja.




Filho mata a própria mãe em Ivaiporã


A Polícia Militar e a Polícia Civil foram acionadas por volta das 10h30 desse sábado (04), para atender a uma ocorrência de homicídio no distrito de Jacutinga, cerca de 12 quilômetros da sede do município de Ivaiporã. 

A vítima foi identificada como Diolizia Raimunda de Oliveira, viúva do popular João Careca, muito conhecido na localidade. O principal suspeito do crime é o filho da vítima, que segundo informações de moradores do distrito, sofreria de transtornos psicológicos.

Informações apuradas com moradores próximos dão conta que a mulher teria pego objeto e o filho teria saído correndo atrás dela, quando chegou em uma plantação de café, ele acertou uma pancada na mãe e, mesmo se apossando do objeto, ele teria dado mais golpes na mulher. 

Ainda segundo o relato, após matar a mãe, o suspeito teria pego um facão e ameaçado outras pessoa. Ele foi contido por populares até a chegada dos policiais do policiais.

Fonte: Jornal Paraná Centro

Auxílio Emergencial Covid-19