quarta-feira, 20 de setembro de 2017

Neste domingo acontece a Caminhada na Natureza de Guarapuava – V Circuito Vale do Jordão.

(Fotos: Elói Mattos/Blog do Elói no circuito de 2013)

Neste domingo (24) acontece a Caminhada na Natureza de Guarapuava – V Circuito Vale do Jordão. As inscrições são gratuitas e podem ser realizadas pelo site da Prefeitura ou no www.ecobooking.com.br.

O esforço físico é considerado moderado e a distância total é de 13,5km. A caminhada acontecerá no dia 24 de setembro, com início às 7h, com café produzido pela Associação dos Produtores Rurais do Vale do Rio Jordão (Aprovale). O valor do café da manhã é de R$10 reais e terá café, leite, pão, manteiga, bolos e frutas. Já o almoço colonial, também feito pela equipe da Aprovale, começa às 11h30 e custa R$15 reais.

É recomendável que os participantes usem roupas confortáveis e tênis, levar água e usar filtro solar. Para mais informações sobre o trajeto e a Caminhada, basta entrar em contato com a Secretaria de Agricultura e Turismo, pelo telefone 3629-6112.




Fonte: www.guarapuava.pr.gov.br

Jovem é morto a tiros em Guarapuava


No dia 19 set. 17, por volta de 23h30min, uma equipe policial deslocou até a Rua Siqueira Campos, no Jardim das Américas, em apoio ao SAMU, onde uma pessoa teria sido atingida por disparos de arma de fogo. No local o médico do SAMU constatou que o homem alvejado (23) já se encontrava em óbito. 

Diante da confirmação do óbito a equipe fez o isolamento do local e acionou a Criminalística, Polícia Civil e IML. Arrolada como testemunha dos fatos a convivente da vítima, a qual relatou que uma pessoa chegou no local chamando a vítima pelo nome e ao sair para atender foi atingido por diversos tiros, que não sabe informar quem seria o autor dos disparos.

Fonte: 16ª BPM

Palmeirinha: Ameaça/lesão corporal - violência doméstica e familiar/sequestro e cárcere privado



Palmeirinha - Guarapuava: No dia 19 Set. 17, às 09h54min, policiais militares deslocaram até a Rua Cipriano Marcondes de Campos, Centro, onde prestaram atendimento a uma ocorrência de naturezas ameaça / lesão corporal - violência doméstica e familiar / sequestro e cárcere privado. 
A equipe recebeu uma ligação no SubDPM de Palmeirinha, de uma advogada, a qual relatou que havia uma cliente (30), moradora no distrito de Palmeirinha, que estava sendo mantida por seu marido em cárcere privado, relatou que essa sua cliente entrou com um processo de divórcio contra seu marido e que na noite de ontem o mesmo chegou bastante alterado em casa, que o mesmo foi utilizar drogas no interior da residência e neste momento foi repreendido, sendo solicitado para que não usasse a droga e que pegasse as suas roupas da casa e saísse, que após isso o autor (36) ficou bastante agressivo, falou que iria atear fogo na residência com todos dentro, que para isso pegou uma motosserra que estava na residência e retirou combustível da mesma e espalhou pelo interior da residência. 
Que o mesmo trancou a casa por dentro, não deixou ninguém sair e após isso fez uso de drogas no interior da residência e após isso dormiu, que somente hoje acordou e entrou em contato com a advogada para relatar os fatos e acionou a equipe PM. 
Com a equipe no local, foi entrado em contato com a vítima, a qual confirmou os fatos e mostrou onde se encontrava o autor dos fatos. Foi dada voz de abordagem ao mesmo e em busca pessoa nada de ilícito foi encontrado. 
Em buscas no interior da residência foi localizado um cachimbo para consumo de drogas, um motosserra sem procedência, do qual foi retirado o combustível para jogar na casa e também um facão, o qual era utilizado para intimidar a vítima. Foi notado que no interior da residência estava um cheiro muito forte de gasolina. Diante dos fatos, a equipe deu voz de prisão ao autor e conduziu o mesmo até a 14ª SDP, para as providências.

Fonte: 16° BPM

Com 38 equipes, Copa Indústria e Comércio de Futsal terá início neste sábado em Turvo


A abertura da Copa Indústria e Comércio de Futsal de Turvo será neste sábado (23), as 19h00, no Ginásio da Escola Frida. Segundo nos informou o diretor de esporte, Marcos Halma. Esse ano a competição terá um record de equipes participantes, com 38 equipes inscritas. 

A copa é promovida pela Secretaria de Indústria e Comércio, Secretaria de Educação, Cultura e Esportes e organizada pelo Departamento de Esportes. 

Programação deste sábado (23).

19h00: Desfile das equipes participantes. Hino Nacional, Estadual e Municipal.

Em seguida início da competição:

20:00 Mercado Dias x F.F.T/Biofarma - Fem. 

20:30 Pallettimber – A x Madeireira Santa Rita - Masc. – Livre

21:15 C-vale x Refrigeração Papaleguas - Livre

22:00 Açougue do Gilsinho x Mercado Ideal – Livre

Veja AQUI a programação dos jogos.


Setembro tem maior número de incêndios dos últimos 12 anos


Setembro registrou 1.282 focos de incêndio em todo o Paraná. É o maior número registrado neste mês nos últimos 12 anos, segundo dados do Corpo de Bombeiros e do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE). O órgão estadual atende uma ocorrência a cada 13 minutos, sendo a região de Maringá, no Noroeste do Estado, e Curitiba as localidades com maior número de casos.
Para Paulo Barbieri, meteorologista do Simepar, o número de queimadas cresce em setembro por causa do clima seco e sem chuvas. “Há um bloqueio atmosférico, uma massa de ar quente que está sob o Estado e não deixa as frentes frias chegarem até o solo”, conta. É algo típico da estação mais fria do ano, que é seca e não tem muitas ocorrências de chuva.
A cidade de Maringá registrou altos índices porque teve o setembro mais seco dos últimos 17 anos. “Essa situação, no entanto, pode mudar porque restam 11 dias para terminar o mês e há possibilidade de chuva nas próximas semanas”, salienta Barbieri.
DESCUIDO - Em alguns casos, o fogo é iniciado por descuido da própria população, conta a capitã do Corpo de Bombeiros, Rafaela Diotalevi. Segundo ela, nesta época do ano acontecem muitas ocorrências em terrenos baldios, principalmente na capital paranaense.
“As pessoas costumam jogar sacos de lixo nos terrenos e em alguns há cacos de vidro. O contato deles com o sol provoca novos incêndios, que poderiam ser evitados se houvesse mais cautela”, relata.
PREVENÇÃO – Para alertar sobre os riscos de incêndio, o Corpo de Bombeiros tem uma série de campanhas educativas para conscientizar a população. Além do vidro, jogar bitucas de cigarro no mato, acender fogueiras por brincadeira e soltar balões também podem ocasionar novos incêndios. O órgão também procura incentivar as pessoas a ligar imediatamente para o telefone 193 assim que presenciarem focos de incêndio.
Provocar incêndios em vegetação nativa sem a devida autorização é crime. O dono do terreno ou a pessoa responsável pelo manejo do fogo pode sofrer as sanções previstas na Lei de Crimes Ambientais e receber multas que variam de acordo com a área queimada.
Queimadas agrícolas devem ser feitas com cuidado
A queimada agrícola é um procedimento comum nesta época do ano, utilizada principalmente para a limpeza de áreas que serão usadas para o plantio de grãos.
Os agricultores, no entanto, além de autorização, precisam seguir as regras estipuladas pelo Instituto Ambiental do Paraná (IAP) e as recomendações da Emater.
“Um dos cuidados é fazer limpezas de faixas de dois a três metros de largura na área que vai ser queimada e respeitar os limites de áreas florestais e reservas de área permanente”, conta o engenheiro agrônomo Jorge Mazuchowski.
De acordo com o INPE, o risco de incêndio nesta época do ano é alto não só no Paraná, mas em todo o Brasil.
Fonte: AEN