sexta-feira, 6 de setembro de 2019

Ocorrências policiais em Pitanga e Laranjal



PITANGA - ESTELIONATO: No dia 05 de setembro de 2019, relatou que a solicitante que teve seu cartão de credito clonado e que realizaram uma compra utilizando o referido cartão, sendo que o endereço para entrega constava era outro município. Sem mais informações foi orientada.

PITANGA - FURTO QUALIFICADO: Nesta data, relatou o solicitante que adentraram na fazenda de seu patrão, na localidade do Rio do Meio e mataram um carneiro de aproximadamente 12 kg e em seguida, subtraíram do local. Diante dos fatos a equipe deslocou ate o local e realizou patrulhamento nas imediações não logrando êxito na localização de suspeitos.

PITANGA - ROUBO: No dia 05 de setembro de 2019, às 22h30min a equipe policial militar deslocou até a Rua Matilde Martins Orane, onde segundo solicitação havia um homem agredindo uma mulher em via publica. No local foi visualizado um individuo sendo este abordado, no momento da busca pessoal, chegou até a equipe a suposta vítima, 48 anos, a qual relatou que o individuo abordado havia roubado ela mediante agressão física, sendo que a derrubou e tentou asfixiá-la apertando seu pescoço, deixando algumas escoriações. Relatou ainda que ele subtraiu do interior de sua bolsa um aparelho de celular marca Samsung de cor cinza, sendo que foi localizado no bolso direito dele o objeto roubado. Diante dos fatos foi dada voz de prisão a ele e conduzido até a 45ª DRP juntamente com a vítima e o objeto roubado para os procedimentos cabíveis.

LARANJAL LESÃO CORPORAL: Nesta data por volta das 18h a equipe foi acionada pela Enfermeira de plantão do posto de saúde de Laranjal, que informou ter dado entrada uma mulher vitima de agressão. Já no posto de saúde a equipe em contato com a vítima, a qual relatou que seu marido, pediu a ela que entregasse sua Filha de dez meses de vida a ele e em seguida passou a agredir a vítima com socos na região da face. Na sequência pegou uma faca e disse que iria matá-la, momento este que ela correu para a estrada que passa próximo a sua residência para pedir ajuda e embarcou em um carro e deslocou até o posto de saúde. A Equipe do Conselho Tutelar se fez presente e deslocaram até a residência para pegar a criança e levar até a vítima. A equipe policial deslocou até a residência em apoio ao Conselho quando ainda na estrada avistou o agressor bloqueando a passagem do carro do conselho tutelar impedindo que eles levassem a criança até sua mãe, visivelmente embriagado, a equipe deu voz de prisão ao mesmo. Durante seu encaminhamento ele disse que sua mulher ameaçava matar sua filha, chorou muito e dizia estar preocupado que não queria que a criança fosse entregue a mãe com medo de ela cometer algo contra a criança. A equipe juntamente com o conselho tutelar e todos envolvidos deslocou até a delegacia de policia civil de Palmital para os procedimentos cabíveis.

Fonte: PM

Nenhum comentário:

Postar um comentário