sábado, 7 de outubro de 2017

PRF apreende dez pistolas, 352 munições e 11 miras laser no Paraná

Arsenal estava em fundo falso de um carro, abordado na BR-277, em Santa Terezinha de Itaipu (PR); motorista foi preso.


Vídeo:

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu dez pistolas calibre 9 milímetros na manhã deste sábado (7) em Santa Terezinha de Itaipu, na região oeste do Paraná.

As armas estavam em um fundo falso de um automóvel Volkswagen Gol, que transitava pela BR-277.

Além das armas, foram encontradas 352 munições de mesmo calibre, 34 carregadores e 11 miras holográficas.

O motorista, de 20 anos de idade, foi preso em flagrante por tráfico internacional de armas de fogo.

O fundo falso estava localizado sob o banco traseiro e nas laterais do veículo.

Nove pistolas são da marca Smith & Wesson, fabricada nos EUA, e uma da marca brasileira Taurus. Todas estão com os números de série suprimidos.

Com residência em Tijucas (SC), o preso não revelou aos agentes da PRF qual seria o destino do arsenal.

A PRF encaminhou a ocorrência para a Delegacia da Polícia Federal em Foz do Iguaçu.

O crime de importar ilegalmente armas de fogo, acessórios ou munições tem pena prevista de quatro a oito anos de prisão, prazo que aumenta em 50% se os itens forem de uso restrito, caso do calibre 9 milímetros, por exemplo.

Fonte: www.prf.gov.br 



Assaltantes atacam batalhão da PM e explodem agência bancária



Um grupo de assaltantes atacou o batalhão da Polícia Militar (PM) de Rio Branco do Sul, na Região Metropolitana de Curitiba, e depois explodiu uma agência bancária, no Centro da cidade, na madrugada deste sábado (7), por volta de 3h30.

O impacto da explosão e tiros de fuzil também atingiram casas vizinhas à agência, conforme relato de moradores. A polícia ainda não tem informações sobre a quantia de dinheiro levada pelo grupo.

Conforme a PM, primeiro os assaltantes queimaram um carro em frente à sede da PM e colocaram miguelitos – peças feitas com pregos para furar pneus – no portão de entrada de veículos.

Na sequência, segundo a polícia, o grupo explodiu a agência, que ficou completamente destruída, na intenção de abrir o cofre.

A explosão também atingiu a caixa d'água de uma residência ao lado, que foi inundada, além de causar estragos nas paredes. Moradores relataram que os assaltantes chegaram atirando na agência.

Na manhã deste sábado, a polícia prendeu um suspeito de participação no crime, em Curitiba. De acordo com a PM, ele estava em um veículo roubado. Com o homem, foram apreendidos fuzis, carregadores e coletes a prova de balas.

Fonte: G1 - PR

Chuvas com ventos fortes causam destelhamentos e derrubam árvores e postes no Paraná

Em Iretama, no centro-oeste do estado, o ginásio 
de uma escola foi destruído pelo vento; 
duas pessoas ficaram feridas (Foto: Reprodução/RPC)

As chuvas, ventos fortes e granizo causaram estragos em várias cidades do Paraná entre sexta-feira (6) e a manhã deste sábado (7), deixando casas destelhadas e árvores e postes caídos. Segundo relatório da Defesa Civil do Paraná, três cidades já haviam comunicado oficialmente ocorrências relacionadas às chuvas até as 10h deste sábado: Colombo, Jardim Alegre e Ponta Grossa. Duas pessoas ficaram feridas em Iretama, no centro-oeste.


Região Metropolitana de Curitiba

Em Colombo, na Região Metropolitana de Curitiba, 60 casas foram atingidas por chuva de granizo e vendaval, por volta das 20h de sexta. A Defesa Civil do município informou que a maioria das casas danificadas (25) ficam no bairro Monte Castelo. Os bairros Osasco e Campo Pequeno também sofreram com o temporal.

O número de pessoas prejudicadas chega a 120, conforme relatório da Defesa Civil Estadual.

Campos Gerais e Sul

Em Ponta Grossa, nos Campos Gerais do Paraná, duas casas foram destelhadas no Jardim Buenos Aires. Também houve queda de postes na cidade. O levantamento da Defesa Civil do Paraná aponta que 100 pessoas foram prejudicadas.

A Defesa Civil Municipal ainda contabilizava os estragos na manhã deste sábado, mas informou que mais de 20 árvores caíram na Rua Betunel, no Bairro Cará-Cará. Equipes da Defesa Civil e da Secretaria Municipal de Obras e Serviços Públicos trabalham para realizar a limpeza e desobstrução das ruas.

Na mesma região, algumas árvores caíram sobre a rede elétrica, quebrando dois postes. Na sexta, mais de 5 mil pessoas chegaram a ficar sem energia na cidade. Na manhã deste sábado, equipes da Copel realizavam a manutenção e, por volta das 11h, 570 unidades consumidoras continuavam sem energia. A previsão é de que o serviço seja totalmente restabelecido até as 13h.

No Aeroporto Santana, que opera voos de segunda a sexta-feira, o forro cedeu e caiu em alguns setores. As portas de aço da entrada do galpão da unidade do Corpo de Bombeiros que fica no aeroporto também caiu.

A Secretaria de Obras informou que trabalha para que esteja tudo normalizado para o retorno do atendimento na segunda-feira (9).

Norte e Noroeste

Jardim Alegre, no norte do estado, teve seis residências e dois barracões destelhados por um vendaval que atingiu a cidade por volta das 16h de sexta-feira. Segundo moradores, também caiu granizo durante o temporal.

A Defesa Civil informou que também houve registro de queda de árvores, mas nenhuma sobre via pública ou residência. Aproximadamente 30 pessoas sofreram prejuízos com o vendaval.


O temporal também causou estragos em Iretama, no centro-oeste. Os ventos destruíram a quadra de esportes do Colégio Estadual Aníbal Khury. O telhado, a estrutura de ferro e o muro desabaram. Casas próximas foram atingidas. Duas pessoas ficaram feridas, entre elas, o diretor do colégio.


Em Ibiporã, no norte, uma casa foi destruída pelo fogo no início da madrugada deste sábado (7). A principal suspeita do Corpo de Bombeiros é de que o fogo tenha sido causado por um raio que atingiu a residência.

Em Londrina, na mesma região, parte da Rua Bento Munhoz da Rocha Neto, ao lado do Aterro do Lago Igapó, estava alagada no início na manhã deste sábado. Segundo o Simepar, a cidade registrou 23,2 milímetros de chuva da 0h até as 9h deste sábado. Foi mais chuva do que o mês de setembro inteiro, quando choveu apenas 13 milímetros na cidade.

O vento forte também em Astorga, no norte. Um barracão foi destelhado no Distrito Industrial. Telhas de alumínio foram parar a 1 km do local. Alguns postes também foram quebrados com a força do vento.

Oeste e Sudoeste

Na tarde de sexta, o vento forte que atingiu Saudade do Iguaçu, no sudoeste, destelhou 20 casas no bairro Nova Vida. Após levantamento da Defesa Civil Municipal, a prefeitura forneceu lonas e telhas para as casas atingidas. Segundo a administração municipal, todas as casas já haviam sido consertadas na manhã deste sábado (7). Veja mais...

Fonte: G1 - PR

Mulher morre após carro atingir cavalo na BR-153


Uma moradora de Rio Azul morreu após acidente na BR-153, em Irati, na noite de sexta-feira, 6. A vítima fatal, Marciele Gomes da Silva, de 28 anos, era uma das ocupantes de um veículo Fiat Uno Mille, com placas de Rio Azul, que atingiu um cavalo e depois tombou no km 338 +700 metros da rodovia.

Marciele chegou a ser socorrida, mas morreu ao dar entrada na Santa Casa de Irati. Mais quatro pessoas estavam no carro e ficaram feridas. O marido de Marciele, Adenilson Raimundo Lourenço, conhecido pelo apelido de “São Jorge”, de 34 anos, sofreu ferimentos leves. O filho do casal, de 7 meses, teve lesões graves. José Divair de Miranda, conhecido por “Divo”, 36 anos, também sofreu ferimentos leves. Divo é irmão de Adenilson e cunhado de Marciele. A outra vítima foi Maristela Knopik, 26 anos, que é irmã de Marciele. Todos são moradores de Rio Azul. As vítimas foram socorridas pela equipe do Corpo de Bombeiros de Irati. A Polícia Rodoviária Federal (PRF) também prestou atendimento no local do acidente. Divo e Adenilson estão internados na Santa Casa de Irati. Já Maristela e a criança foram transferidos para hospitais da região.

O acidente foi registrado por volta das 20h45, nas proximidades de uma madeireira, na entrada do bairro Engenheiro Gutierrez.

Jogos da Copa Amcespar de Futsal são cancelados

Marciele e Maristela jogavam futsal e representaram o município de Rio Azul em algumas competições. Por esse motivo, a coordenação da Copa Amcespar de Futsal atendeu o pedido da secretaria de Esporte, Turismo e Cultura de Rio Azul para adiar as partidas envolvendo Rio Azul e Guamiranga, que seriam realizadas na noite deste sábado, 7, no ginásio Albino Ianoski (Albinão), em Rio Azul. A partida do feminino estava prevista para começar às 19h30. Já o confronto do masculino aconteceria às 20h30. “A Secretaria Municipal de Esporte, Turismo e Cultura informa que os jogos da Amcespar que seriam realizados hoje [sábado, 7] no ginásio Albinão entre Rio Azul e Guamiranga foram cancelados em razão da trágica perda da atleta Marciele Gomes que sempre representou nosso município com muita garra e dedicação trabalhando para elevar o nome de nosso município em toda região. Estamos consternados com esta terrível perda e declaramos o nosso mais sincero sentimento de pesar aos familiares e amigos”, declarou o secretário de Esporte, Turismo e Cultura de Rio Azul, Osvaldo Kosciuk Junior, em publicação nas redes sociais.

Fonte: Rádio Najuá