terça-feira, 14 de julho de 2020


Pitanga tem novo caminhão de combate a incêndio


Na tarde do dia 14 de Julho, no município de Pitanga, o 2º SGB do 12º Grupamento de Bombeiros recebeu do Coronel Samuel Prestes, Comandante do Corpo de Bombeiros, um Caminhão de Combate a Incêndios tipo ABT que entrará em operação nos próximos dias.

A viatura que possui potência de 280 cavalos, vem equipada com um tanque com capacidade de 4.000l de água para atividades de combate a incêndios, além de um amplo espaço interno para uma melhor distribuição dos equipamentos de busca e salvamento, como as ferramentas de resgate veicular, facilitando assim o atendimento de ocorrências.

O caminhão recebido que custou aproximadamente R$ 530.000,00 vem para renovar a frota do município e melhorar as condições de trabalho dos bombeiros oferecendo mais segurança nos atendimentos, além de proporcionar uma resposta muita mais rápida aos moradores de Pitanga e municípios vizinhos.

Com esta entrega, o Major José Adriano Prado Spak, Comandante do 12º Grupamento de Bombeiros agradece todo apoio que tem recebido do Exmo Coronel Samuel Prestes, Comandante do Corpo de Bombeiros e do Ilmo Tenente Coronel Gelson Marcelo Jahnke, Comandante do 3º Comando Regional.

Durante a solenidade o Sr. Maicol Geison Callegari Barbosa, Prefeito de Pitanga, falou da importância da viatura para o município e destacou a dedicação e o profissionalismo demonstrado diariamente pelos bombeiros do 2º SGB, em prol da comunidade.

Na Multicar Veículos em Guarapuava, é o lugar certo para você comprar ou trocar seu veículo



Na Multicar Veículos tem uma grande variedade de veículos esperando por você. Converse com o Rodrigo e faça um bom negócio. Financiamentos com as melhores taxas para você realizar o sonho de comprar ou trocar seu veículo. 

A MULTICAR fica na Rua Paraná, nº 813 - Bairro dos Estados - Guarapuava - PR. Em frente o Posto Potencial (42) 3304-5570 - (42) 999244433.

Clique no link e confira o estoque da loja: www.multicarveiculos.com








Presos do Paraná já produziram 2 milhões de unidades de EPIs


Presos do sistema penal do Paraná têm trabalhado para colaborar com a produção de equipamentos de proteção individual (EPIs) contra o Covid-19. A confecção de máscaras, jalecos, uniformes, escafandros, toucas e outros itens dentro das unidades prisionais, que já passou de 2 milhões, é uma forma de reduzir a demanda de compra do Departamento Penitenciário (Depen) e demais instituições ligadas à Secretaria da Segurança Pública, assim como a de setores da saúde e de prefeituras.

Por meio de parcerias e convênios, as instituições interessadas, incluindo forças de segurança, como Polícia Miliar e Polícia Civil, Guardas Municipais e hospitais, fornecem o tecido e o Depen a mão de obra dos presos.

Diversas prefeituras e conselhos da comunidade também disponibilizaram máquinas de costura, o que tornou possível dar oportunidade de trabalho a mais presos.

PRODUÇÃO - Beneficiados com a redução de um dia de pena a cada três dias trabalhados, os presos já costuraram dois milhões de máscaras e quase 34 mil jalecos, além de cerca de 7,8 mil itens para hospitais, como lençóis, pijamas, escudos faciais, toucas e sapatos descartáveis. A produção foi iniciada em 23 de março em algumas regiões e intensificada a partir do dia 06 de abril.

“Aos poucos, conforme conseguíamos, aumentávamos a confecção e rapidamente pudemos disponibilizar máscaras internamente e ainda enviar parte da produção prefeituras e diversas casas de saúde do estado, como os Hospitais Universitários de Cascavel e de Londrina, que são referências no atendimento de casos de Covid-19 nas regiões”, destaca o secretário da Segurança Pública, Romulo Marinho Soares.

PRODUÇÃO DIÁRIA - Para evitar a proliferação do novo coronavírus no sistema prisional, servidores e detentos receberam uma média de três máscaras por pessoa. De início, o objetivo era produzir cerca de 10 mil unidades de produtos por dia em todo o estado, marca que foi atingida ainda no fim do mês de abril.

A confecção, tanto para a distribuição interna quanto para os convênios fechados, gira hoje em torno de 80 mil itens diários. “É uma marca muito expressiva, considerando que não tínhamos know-how de fabricação de máscaras”, diz o diretor-geral do Departamento Penitenciário, Francisco Caricati. Ele lembra que a fabricação foi iniciada diante da necessidade da sociedade e também de dotar os órgão de segurança e de saúde de EPIs.

“Chegar aos dois milhões de itens produzidos nos deixa muito felizes e cientes de que a estrutura criada no Departamento permitiu que, nesse momento de pandemia, pudéssemos ter uma solução viável para atender as demandas”, afirma Caricati.

ECONOMIA - Além de reduzir a pena do preso, a confecção de itens dentro do sistema prisonal gera economia para o Estado. “Fiz o cálculo com cinco produtos: água sanitária, desinfetante, sabão para piso, sabão para roupas e álcool em gel. Somente em junho, a economia permitida pela produção dentro do sistema foi de R$ 90 mil. Com as 115 mil máscaras, a economia é de cerca de R$ 80,5 mil”, destaca o chefe do Setor de Produção e Desenvolvimento (Seprod) do Depen, Boanerges Silvestre Boeno Filho.

De acordo com ele, a confecção dos itens também é uma importante forma de manter os presos em atividades laborais, uma vez que grande parte dos canteiros de trabalho foram suspensos. “Foi a saída que encontramos diante do desafio que era encontrar meios de abrir vagas de trabalho dentro dos presídios. Além disso, precisaríamos adquirir os equipamentos de alguma forma, para que mantivessem a segurança do sistema prisional no que se refere aos cuidados para evitar a proliferação do coronavírus no sistema prisional”, enfatiza Boanerges.

CONVÊNIOS - Já instaladas na Penitenciária Estadual de Francisco Beltrão (PEFB) e na Colônia Penal e Industrial de Maringá (CPIM), duas empresas mudaram o foco de confecção de calças jeans para máscaras.

“Após os presos já terem adquirido experiência com a produção de máscaras para o próprio Depen, estas duas indústrias, que haviam suspendido parte de suas produções, aproveitaram o momento para ampliar o leque de produtos e passaram a vender máscaras também”, contou o chefe do Seprod.

Diferente do que ocorre com a confecção geral, a produção destas empresas é totalmente repassada a elas. Em Francisco Beltrão, 40 presos implantados no canteiro da K&G Indústria e Comércio de Confecções têm confeccionado diariamente cerca de 40 mil máscaras. Já na CPIM, a produção diária da TA Indústria e Facção de Artigos para Vestuário, a qual também tem 40 presos colocados no canteiro de obras, gira em torno de 30 mil peças.

“Nestes canteiros, os equipamentos e matérias-primas são das empresas. De responsabilidade delas também está o pagamento da mão de obra dos detentos, que recebem 75% de um salário mínimo”, explica Boanerges Boeno.

Fonte: AEN

Guarapuava chega a 311 casos confirmados de coronavírus


Paraná tem mais 1.775 casos e 57 mortes pela Covid-19


A Secretaria de Estado da Saúde divulgou nesta terça-feira (14) 1.775 novas confirmações de Covid-19 e mais 57 mortes pela infecção causada pelo novo coronavírus. O Paraná soma 44.870 casos e 1.129 mortos em decorrência da doença.

INTERNADOS – Há 887 pacientes com diagnóstico confirmado de Covid-19 internados nesta terça. Destes, 731 estão em leitos SUS (264 em UTI e 467 em leitos clínicos/enfermaria) e 156 em leitos da rede particular (57 em UTI e 99 em leitos clínicos/enfermaria).

Há outros 1.057 pacientes internados, 529 em leitos UTI e 528 em enfermaria, que aguardam resultados de exames. Eles estão em leitos das redes pública e particular e são considerados casos suspeitos de infecção pelo vírus Sars-CoV-2.

ÓBITOS – A secretaria estadual informa a morte de mais 57 pacientes. Todos estavam internados. São 25 mulheres e 32 homens, com idades que variam de 40 a 99 anos.

Os óbitos ocorreram entre 17 de junho a 14 de julho. Os pacientes residiam em Curitiba (23), Cascavel (5), Piraquara (3), Goioerê (2), Londrina (2), Paranaguá (2). Houve ainda uma morte em cada um dos seguintes municípios: Arapongas, Bandeirantes, Barbosa Ferraz, Cambé, Cerro Azul, Colombo, Itambé, Mallet, Marilena, Marmeleiro, Matinhos, Ponta do Paraná, Rio Branco do Sul, Santa Helena, São João do Ivaí, São José dos Pinhais, Telêmaco Borba, Terra Boa, Tibagi e Toledo.

MUNICÍPIOS – Há 382 cidades paranaenses com ao menos um caso confirmado de Covid-19. Em 193 municípios há óbitos causados doença.

FORA DO PARANÁ – O monitoramento da secretaria estadual registra 493 casos de pessoas que não moram no Estado. Destas, 17 morreram.

AJUSTES:

Alteração de município: Dois casos confirmados na data em 2 de julho em Primeiro de Maio foram transferidos para Telêmaco Borba e Curitiba. Um caso confirmado na data de 3 de julho em Colombo foi transferido para Curitiba. Um caso confirmado em 4 de julho em Curitiba foi transferido para Piraquara.

Turvo - Boletim atualizado Covid-19



Pitanga chega a 85 casos confirmados de coronavírus



Leoni Soares Couto morre aos 53 anos vítima de infarto em Turvo



Faleceu na madrugada dessa terça-feira (14) Leoni Soares Couto, aos 53 anos vítima de um infarto. 

Seu corpo está sendo velado na capela mortuária. 

O sepultamento será nesta quarta-feira, ás 09h00. 

Dona Leoni era esposa do senhor Valdir Couto, conhecido como Graia da Cambucica. 

Informou Funerária Nossa Senhora Aparecida de Turvo.

Jovem morre em acidente na BR-373, em Prudentópolis



Na madrugada desta terça (14), por volta das 4h40min, um acidente do tipo capotamento na BR-373, causou o óbito de uma jovem moradora do município de Prudentópolis, o carro em que ela estava saiu da pista próximo à rotatória de acesso ao município e caiu em um barranco capotando diversas vezes até parar na marginal da BR-373, no perímetro urbano de Prudentópolis.

Com o impacto a condutora do veículo foi ejetada do mesmo, chegando a ser socorrida com vida, mas infelizmente não resistiu aos ferimentos causados pelo acidente e faleceu no hospital.

A Polícia e os Bombeiros Militares de Prudentópolis atenderam a ocorrência, porém por se tratar de rodovia federal a investigação do que teria causado o acidente fica à cargo da PRF.

A vítima Elizandra Ribeiro, de 27 anos, era maquiadora e dava aulas em uma escola técnica do município.

Fonte: Nossa Gente

Aproveite as Ofertas da Terça e Quarta Verde do Suprema Supermercado de Turvo


Motociclista fica ferido em acidente na PRC-466, em Turvo



Na noite dessa segunda-feira (13), aconteceu um acidente na PRC-466, em Turvo, na entrada do Parque Industrial em frente ao Mercado Coagrotur, envolvendo um caminhão de Sapiranga – RS e uma motocicleta com placas de Prudentópolis.

Do acidente resultou em ferimentos no motociclista que foi encaminhado ao Hospital de Bom Pastor.

A Polícia Militar e Polícia Rodoviária estiveram atendendo o acidente.

segunda-feira, 13 de julho de 2020

Paraná tem mais 1.040 casos e 44 mortes pela Covid-19


A Secretaria de Estado da Saúde divulgou nesta segunda-feira (13) 1.040 novas confirmações e 44 mortes pela infecção causada pelo novo coronavírus. O Paraná soma 43.095 casos e 1.072 mortos em decorrência da doença. Há ajustes nos casos confirmados detalhados ao final do texto.

INTERNADOS – 849 pacientes com diagnóstico confirmado de Covid-19 estão internados hoje. 693 pacientes estão em leitos SUS (259 em UTI e 434 em leitos clínicos/enfermaria) e 156 em leitos da rede particular (57 em UTI e 99 em leitos clínicos/enfermaria).

Há outros 1.053 pacientes internados, 519 em leitos UTI e 534 em enfermaria, que aguardam resultados de exames. Eles estão em leitos das redes pública e particular e são considerados casos suspeitos de infecção pelo vírus Sars-CoV-2.

ÓBITOS – A secretaria estadual informa a morte de mais 44 pacientes, todos estavam internados. São 18 mulheres e 26 homens, com idades que variam de 42 a 90 anos. Os óbitos ocorreram entre os dias 22 de junho a 13 de julho. Os pacientes que faleceram residiam em: Curitiba (17), Campo Largo (2), Maringá (3), Paranaguá (5), Pinhais (4), São Jose dos Pinhais (4), além de uma pessoa que residia em cada um dos seguintes municípios: Araucária, Colombo, Francisco Beltrão, General Carneiro, Itambé, Mandaguari, Paiçandu, Paula Freitas e São Pedro do Ivaí.

Municípios – 379 cidades paranaenses têm ao menos um caso confirmado pela Covid-19. Em 192 municípios há óbitos pela doença.

FORA DO PARANÁ – O monitoramento da Sesa registra 487 casos de residentes de fora. 17 pessoas foram a óbito.

AJUSTES:

Exclusão: Um caso confirmado na data de 25/6 em Cascavel foi excluído por duplicidade de notificação. Um caso confirmado na data de 22/6 em Maringá foi excluído por duplicidade de notificação. Um caso confirmado na data de 7/7 em Rondon foi excluído por duplicidade de notificação.

Guarapuava chega a 304 casos confirmados de coronavírus


Pitanga chega a 79 casos confirmados de coronavírus


TCE identifica possível dano de R$ 4,25 milhões em obras na PR-466, entre Guarapuava e Pitanga


Auditoria do Tribunal de Contas do Estado do Paraná apontou indícios de dano de R$ 4.246.057,58 nas obras de ampliação da capacidade de tráfego da rodovia PR-466, no trecho entre os municípios de Guarapuava e Pitanga. Por esse motivo, o Tribunal determinou, em medida cautelar, que o Departamento de Estradas de Rodagem do Estado do Paraná (DER-PR) retenha as garantias contratuais e eventuais pagamentos ainda devidos - que totalizem aquele valor - à empresa Dalba Engenharia e Empreendimentos Ltda., responsável pela obra.

A medida preventiva foi deferida pelo conselheiro Fernando Guimarães, em Tomada de Contas Extraordinária instaurada pela Coordenadoria de Auditorias do TCE-PR. O procedimento avaliou o trabalho realizado pela empreiteira na execução do Contrato nº 56/2018 (resultante à Concorrência nº 73/2017), que soma aproximadamente R$ 27 milhões. A obra na PR-466 é de responsabilidade da Superintendência Regional Campos Gerais do DER, com sede em Ponta Grossa. Já o trabalho da empreiteira é supervisionado pela empresa Engemin - Engenharia e Geologia Ltda., contratada pelo DER por cerca de R$ 8 milhões.

Na auditoria, a CAUD utilizou laudo técnico fornecido pela empresa especializada Concresolus Controle Tecnológico Ltda., contratada pelo TCE-PR para auxiliar na fiscalização de obras de pavimentação. A equipe da empresa avaliou em laboratório amostras de materiais para aferir a qualidade dos serviços realizados na PR-466, em relação aos seguintes parâmetros técnicos: espessura, aderência entre camadas, grau de compactação, percentual de vazios, teor de ligante, volume de vazios do agregado mineral (VAM), relação betume-vazios (RBV), resistência à tração por compressão diametral, granulometria e densidade máxima teórica.

Baixa durabilidade

O laudo técnico resultante dessa análise nas amostras coletadas apontou descumprimento de normas técnicas e de projeto em todos os aspectos analisados - situação que, na prática, pode reduzir a durabilidade do asfalto. A espessura do pavimento, por exemplo, ultrapassou variação de 10% (para mais ou para menos) em relação aos valores fixados no projeto, com base em normas técnicas emitidas pelo próprio DER.

Também foi evidenciado o descumprimento dos critérios técnicos para a granulometria: distribuição de pedras de diferentes tamanhos para possibilitar o menor volume de vazios possível no pavimento. Em nenhuma das amostras avaliadas, o grau mínimo de 97% na compactação exigido foi atendido pela empresa.

Nas amostras analisadas em laboratório, o teor de betume ficou abaixo do especificado no projeto. "Tal fato é grave, já que o cimento asfáltico de petróleo (CAP), que dá origem ao teor de betume, é o componente essencial e mais dispendioso do serviço de pavimentação, podendo a sua escassez na mistura levar a desagregações, trincamentos prematuros e desgastes excessivos", explicou a equipe técnica da CAUD no pedido de medida cautelar.

O valor do suposto dano ao cofre estadual foi calculado, basicamente, considerando os serviços que, em razão da ausência de compatibilidade com as normas técnicas ou com o contrato, deveriam ter sido rejeitados pelo DER. Os analistas de controle do TCE-PR também apontaram que a empresa Engemin falhou em sua obrigação contratual de fiscalizar a execução das obras pela empreiteira.

A medida cautelar foi deferida pelo conselheiro Fernando Guimarães na última quinta-feira (9 de julho), com a determinação de cumprimento imediato. Em 15 dias, DER-PR, Dalba Engenharia e Engemin devem apresentar defesa para os apontamentos da Tomada de Contas Extraordinária. Os efeitos da liminar perduram até que o Tribunal decida sobre o mérito do processo.

Fonte: TCE - PR

Governador entrega 1ª fase do Hospital Regional de Guarapuava


O governador Carlos Massa Ratinho Junior entregou nesta segunda-feira (13) a primeira fase das obras do Hospital Regional de Guarapuava, na Região Centro-Sul do Paraná. O complexo médico vai funcionar inicialmente para atendimento exclusivo de pacientes infectados pelo novo coronavírus.

Serão colocadas à disposição da população neste momento 20 unidades de terapia intensiva (UTIs) adulto e 60 leitos de enfermaria, também adulto, para atendimento via Sistema Único de Saúde (SUS).

O investimento total por parte do Governo do Estado é de R$ 115,4 milhões. A expectativa é que a nova estrutura seja integrada à Central de Leitos do Estado a partir desta sexta-feira (17), começando a receber os primeiros pacientes.

“É uma satisfação muito grande entregar essa obra, que vai beneficiar toda a Região Central do Paraná. Justamente em um momento em que precisamos turbinar a oferta de leitos para enfrentar essa pandemia”, afirmou Ratinho Junior. “Um esforço grande, com profissionais trabalhando 24 horas por dia para colocar a estrutura à disposição dos pacientes com coronavírus”, acrescentou.

A área de atendimento será completamente isolada para que as obras de implantação da segunda fase do Hospital Regional do Centro-Oeste, prevista para 2021, não sejam interrompidas. Quando concluídas, a capacidade total do centro médico será de 30 leitos de UTI adulto e 80 leitos de enfermaria clínica.

Após a pandemia, a estrutura de Guarapuava atuará como referência para Urgência e Emergência, com perfil direcionado à ortopedia e trauma, cirurgia geral e clínica médica, beneficiando 20 municípios da região. “É mais um passo na regionalização da saúde no Estado, levando atendimento de qualidade para perto dos municípios”, disse o governador.

RETOMADA – Secretário de Estado da Saúde, Beto Preto explicou que a construção do hospital foi retomada em 2019, no início da gestão Ratinho Junior, e acelerada neste ano por causa da pandemia da Covid-19. Inicialmente, o prazo previsto para entrega da obra era o primeiro trimestre de 2021.

Ele destacou que uma força-tarefa foi designada para entregar o hospital em tempo recorde. “É um dia histórico. Encontramos a obra com diversos problemas administrativos em 2019 e tivemos de superar a todos. A virtude desse governo é não deixar obra pelo caminho, independentemente de quem começou a executá-la. O esforço do Estado é grande, investimentos que permitem salvar vidas”, ressaltou Beto Preto.

Segundo ele, em 120 dias foram credenciados perto de 900 leitos de UTI adulto no Paraná para ajudar no combate ao Covid-19.

LEITOS – Até então, destacou o prefeito de Guarapuava, Cesar Silvestri Filho, os atendimentos relacionados à doença estavam concentrados no Hospital São Vicente, que é filantrópico. A estrutura dispõe de 10 leitos de UTI dedicados para casos de Covid-19. “A entrega desse hospital é um sonho realizado para a cidade de Guarapuava”, disse ele. “A oferta de UTI na cidade será multiplicada por três”, acrescentou o governador Ratinho Junior.

GESTÃO – O Hospital Erasto Gaertner, de Curitiba, é quem vai administrar a nova estrutura de Guarapuava pelos próximos seis meses. O investimento estimado para a manutenção dos leitos para Covid no período é de pouco mais de R$ 23,2 milhões. 139 profissionais foram contratados para atuar no centro médico. “Sexta-feira (17) o hospital abre as portas definitivamente para receber os primeiros pacientes”, afirmou Beto Preto.

ESTRUTURA – O projeto de construção do Hospital Regional de Guarapuava começou a sair do papel em 2015. Porém, logo a obra foi paralisada, sendo retomada apenas no primeiro semestre de 2019, já na gestão de Ratinho Junior.

No complexo de 17 mil metros quadrados de área foram investidos R$ 61,7 milhões apenas na construção da edificação, com recursos do Fundo Estadual da Saúde. Outros R$ 30,49 milhões foram usados na compra de equipamentos. Por fim, mais de R$ 23,28 milhões foram aplicados na abertura dos leitos Covid, totalizando R$ 115,4 milhões.

INFECÇÃO – De acordo com o mais recente boletim, divulgado pela Secretaria de Estado da Saúde no domingo (12), o Paraná tem confirmados 42.058 casos de coronavírus, com 1.028 mortes.

Em Guarapuava são 268 casos confirmados, 152 pacientes recuperados e três óbitos.

HOMENAGEM – O Hospital Regional de Guarapuava foi batizado com o nome do ex-deputado estadual Bernardo Ribas Carli, morto em um acidente aéreo em 2018 aos 32 anos.

MAIS HOSPITAIS – O Governo do Estado colocou em funcionamento nas últimas semanas outros dois hospitais regionais. Eles já estão operando em Ivaiporã, no Vale do Ivaí; e em Telêmaco Borba, nos Campos Gerais.

O Hospital Regional de Telêmaco Borba disponibilizou 40 novos leitos, sendo 10 de UTI e 30 de enfermaria. Já o de Ivaiporã acrescentou até 20 leitos de UTI e até 60 leitos de enfermaria.

PRESENÇAS – Participaram da solenidade os secretários Guto Silva (Casa Civil) e Márcio Nunes (Desenvolvimento Sustentável e Turismo); o diretor-geral da Paraná Edificações, Lucas Pigatto; o diretor-presidente da Esporte Paraná, Helio Wirbiski; os deputados estaduais Artagão Júnior, Alexandre Curi e Cristina Silvestri.


Fonte: AEN

47 testes dão negativos para Covid-19 em Turvo

LACEN libera resultado dos testes PCR em indivíduos que tiveram contato com paciente contaminado


Na tarde de ontem (12) o Laboratório Central do Estado do Paraná liberou os 47 resultados das pessoas que tiveram contato com o paciente contaminado por Covid-19. 

Todos testaram negativos para a doença, entretanto, a Secretaria de Saúde pede encarecidamente para que a população turvense dê continuidade às medidas de prevenção e ao protocolo de saúde. 

Uso de máscaras, higienização das mãos, ambientes, e a não aglomeração de pessoas. 

O paciente permanece em isolamento social.


Veja no vídeo abaixo a fala prefeito Jeronimo e da Secretária de Saúde:


Fonte: Prefeitura de Turvo

Veículo é incendiado em Pitanga


Por volta das 00h10min do dia 13 de julho de 2020, prestado apoio à equipe do corpo de bombeiros, que estavam efetuando o combate a incêndio em um veículo, em via pública. 

Na Rua Real, Alto da Colina, foi entrado em contato com o proprietário do veículo Ford Belina, o senhor, 34 anos, qual relatou a equipe policial que teria ouvido um barulho de um estouro do lado de fora de casa, momento este que avistou seu carro em chamas, e que possivelmente alguém teria ateado fogo no veículo e se evadido em seguida, não tendo nenhum suspeito. 

A equipe ficou no local do fato até o corpo de bombeiros eliminar o foco do fogo no veículo, sendo orientado o proprietário quanto aos procedimentos pertinentes.

Faleceu em Turvo, Marlene Kozur Jomes


Faleceu nesta segunda-feira (13) Marlene Kozur Jomes, com 61 anos. 
Seu corpo será velado na capela mortuária, a partir das 09h30. 
O sepultamento será ás 17h00, no cemitério da Cachoeira dos Turcos. 

Dona Marlene é mãe do (Nego da Dodge, motorista da prefeitura)

Informou Funerária Nossa Senhora Aparecida de Turvo.

domingo, 12 de julho de 2020

Paraná tem mais 1.729 casos e 30 mortes pela Covid-19


A Secretaria de Estado da Saúde divulgou neste domingo (12) 1.729 novas confirmações e 30 mortes pela infecção causada pelo novo coronavírus. O Paraná soma 42.058 casos e 1.028 mortos em decorrência da doença. Há ajustes nos casos confirmados detalhados ao final do texto.

INTERNADOS – 838 pacientes com diagnóstico confirmado de Covid-19 estão internados hoje. 682 pacientes estão em leitos SUS (255 em UTI e 427 em leitos clínicos/enfermaria) e 156 em leitos da rede particular (57 em UTI e 99 em leitos clínicos/enfermaria).

Há outros 820 pacientes internados, 406 em leitos UTI e 414 em enfermaria, que aguardam resultados de exames. Eles estão em leitos das redes pública e particular e são considerados casos suspeitos de infecção pelo vírus Sars-CoV-2.

ÓBITOS – A Sesa informa a morte de mais 30 pacientes, todos estavam internados. São 13 mulheres e 17 homens, com idades que variam de 10 a 84 anos. Os óbitos ocorreram entre os dias 5 a 12 de julho. Os pacientes que faleceram residiam em: Colombo (2), Curitiba (17), além de uma pessoa que residia em cada um dos seguintes municípios: Cascavel, Clevelândia, Nova Prata do Iguaçu, Palotina, Perola D’Oeste, Piraquara, Ribeirão Claro, Salto do Lontra, Santo Antonio do Sudoeste, Sapopema e Telêmaco Borba.

MUNICÍPIOS – 379 cidades paranaenses têm ao menos um caso confirmado pela Covid-19. Em 190 municípios há óbitos pela doença.

FORA DO PARANÁ – O monitoramento da Sesa registra 479 casos de residentes de fora. 17 pessoas foram a óbito.

AJUSTES: Um caso confirmado na data de 3/7 de Chavantes/SP a foi transferido para Curitiba.

Um caso e óbito confirmado em Sarandi na data de 7/7 foi retirado do boletim. Após investigação epidemiológica ficou confirmado como óbito por outras causas.

Guarapuava chega a 303 casos confirmados de coronavírus


Após matar o pai a facadas, filho foge e morre em acidente na BR-163


Um tragédia foi registrada no início da tarde este domingo (12), no município de Bom Jesus do Sul. Segundo informações, o filho teria matado o pai a facadas e roubado a camioneta do mesmo.

Em fuga pela BR-163, teria colidido há cerca de três quilômetros de Pranchita, com um caminhão com placas de Julio de Castilhos – RS, que seguia sentido contrário. Segundo informações de testemunhas que vinham logo atras, ele teria jogado o veículo em baixo do caminhão.

Com o impacto, o homem acabou perdendo a vida no local. A polícia militar e o corpo de bombeiros foram acionados para atender a ocorrência. Uma ambulância também foi chamada para socorrer o motorista do caminhão, cujo estado e saúde segundo informações, é grave.

Em breve mais informações quanto a identidade dos envolvidos e a motivação do crime.


Fotos: Maikiel Silva/Rede Massa SBT
Fonte: RBJ

Operação Combate II, em Turvo


Neste sábado (11) durante Operação Combate II, a equipe da Polícia Militar de Turvo juntamente com a equipe da Vigilância Sanitária, realizou a verificação de estabelecimentos (bares) a fim de fiscalizar as medidas de prevenção contra o COVID-19, regularidade de alvarás e consequentemente feito patrulhamento nas localidades de Faxinal da Boa Vista, Passa Quatro e Área Urbana. 

RESULTADOS DA OPERAÇÃO: 

- 04 Estabelecimentos (bares) abordados; 

- 03 Estabelecimentos (bares) notificados; 

- 02 Veículos vistoriados; 

- 22 Pessoas revistadas.

Nelson Meurer faleceu em decorrência do coronavírus


O ex-deputado federal e ex-prefeito de Francisco Beltrão faleceu na manhã de hoje, 12, na Policlínica São Vicente de Paula.

Ele testou positivo para coronavírus e estava internado desde terça-feira, 7. Na quarta-feira, 8, veio a confirmação da doença, que acabou evoluindo de forma negativa neste final de semana.

Com 77 anos, o ex-deputado estava preso desde outubro de 2019 na Penitenciaria Estadual de Francisco Beltrão. Ele foi condenado a 13 anos e nove meses por corrupção passiva e lavagem de dinheiro e foi o primeiro preso na Operação Lava Jato.

Sua defesa tentou, em abril, a progressão de pena para a prisão domiciliar justamente pelo ex-deputado ser grupo de risco para o coronavírus, entretanto, o ministro do Supremo Tribunal Federal, Luiz Edson Fachin, negou o pedido.

Com a confirmação da doença, a defesa novamente havia entrado com pedidos para que o deputado fosse para sua casa. Meurer tinha diabetes e cardiopatias, agravantes para o coronavírus.

Residência é destruída por incêndio no interior de Turvo


Por volta das 23h30 desse sábado (11), a equipe policial foi chamada para atender uma ocorrência de incêndio em residência na localidade de Faxinal de Cima, em Faxinal da Boa Vista, onde a solicitante relatou que seu marido, encontrava-se embriagado e que em determinado momento começou a ficar agressivo, agredindo a mesma, saindo da residência prometendo voltar e atear fogo na casa. 

Diante disto a solicitante saiu com seus filhos e foi para a casa da cunhada, sendo que posteriormente viu sua residência em chamas. 

Diante da situação foi realizado patrulhamento nos arredores, porém não foi localizado o autor. A solicitante se negou a acionar os Bombeiros, pois a residência já havia sido totalmente destruída pelo fogo.

Fonte: PM

Reprodução autorizada mediante da citação da fonte Blog do Elói.

Durante ação para dispensar aglomeração, dois reagem e são baleados pela PM na Palmeirinha


Por volta das 23h49min do dia 11 de julho de 2020, na Rua João de Deus Biscaia Distrito de Palmeirinha, a equipe PM deslocou ao referido endereço, onde segundo o solicitante relatou à atendente do telefone de emergência, na referida residência estava ocorrendo uma festa, com som excessivamente alto e consumo de bebidas alcoólicas, em flagrante desobediência às medidas de prevenção ao combate ao covid-19 e perturbando o sossego dos moradores.

Ao chegar no local, havia uma aglomeração com aproximadamente 20 pessoas, sendo verificado som excessivamente alto originado do porta malas de um veículo peugeot/207, estacionado, orientado o proprietário quanto ao descumprimento de medida sanitária relativo ao coronavírus conforme decretos municipal e estadual, bem como da perturbação do sossego. o proprietário solicitou que os convidados se retirassem, porém começou a questionar e discutir com a equipe, quando alguns dos presentes iniciaram uma discussão entre si, saindo e retornaram dizendo: “não iremos sair, aqui porco não manda”, investindo contra a equipe policial, com pedaços de madeiras, pedras e um deles com uma faca, sendo advertidos a se afastarem pois se necessário a equipe policial usaria força, não sendo acatado, e continuaram investindo rumo à equipe policial, a qual se defendia primeiramente com uso de tonfas, e na sequencia teve que realizar disparos de arma de fogo em direção ao solo, na tentativa de impedir a ação dos mesmos, porém sem sucesso, pois um deles, posteriormente identificado por um homem, 20 anos de posse de uma faca avançou no policial, seguido pelos demais, ao que o referido policial, para resguardar sua integridade efetuou um disparo de arma de fogo, atingindo-o na perna direita. 

Outras pessoas investiram no outro policial, tentando tomar-lhe a arma, e o adolescente, 16 anos, pegou uma pedra para acertar na cabeça do policial, acertando-lhe o braço, obrigando ao mesmo a também, no intuito de resguardar sua segurança e a segurança do seu companheiro, devido à superioridade numérica das pessoas no local e seus ânimos em agredir a equipe policial, efetuar um disparo de arma de fogo, atingindo o indivíduo na perna esquerda. 

De imediato foi solicitado socorro médico, comparecendo no local uma equipe do samu, os quais prestaram atendimentos e conduziram os feridos ao Hospital Santa Tereza para realizar exames e posterior atendimento hospitalar. 

Solicitado apoio de outras viaturas, sendo que as pessoas presentes, ao perceberem a aproximação das demais equipes policias, se evadiram, não sendo possível a abordagem e suas identificações. Os demais indivíduos foram conduzidos ao cartório do 16º BPM para confecção de termo circunstanciado, onde foram liberados após os procedimentos. 

O equipamento de som que estava sendo utilizado foi apreendido e entregue no cartório tc do 16º BPM. Já no cartório de termo circunstanciado, o autor começou a passar mal, com dificuldade para respirar, sendo acionada uma equipe Samu para lhe prestar atendimento médico, os quais após atendimento liberaram o mesmo. 

A mãe do adolescente e do maior, acompanhou todo procedimento, haja vista os mesmos encontra-se hospitalizados, inclusive sendo cientificada da responsabilidade de apresentar seus filhos em audiência na data agendada.

Fonte: PM

sábado, 11 de julho de 2020

Município de Mato Rico registra primeiro caso de Coronavírus




Pitanga chega a 72 casos confirmados de coronavírus


Guarapuava chega a 292 casos confirmados de coronavírus



Pitanga não confirma óbito por Covid-19


Na tarde dessa sexta-feira (10) faleceu em Guarapuava, o ex-vereador Lineu Kloster, com 70 anos. O Blog do Elói divulgou que a causa da morte foi por Covid-19. 

No entanto, o irmão do senhor Lineu, Eliseu Kloster esclarece que no dia de transferência do Sr Lineu Kloster para Guarapuava, em Pitanga, a Secretaria de Saúde fez coleta para o exame de covid-19 e posteriormente o LACEM, confirmou negativo. 

Portanto, Pitanga não confirma óbito por covid-19. “Se contraiu a doença foi em Guarapuava, no hospital. Ademais, vamos investigar esse segundo exame, que postou positivo que não temos acesso”, Completou Eliseu. 

A prefeitura também divulgou nota de esclarecimento sobre o caso:


Paraná se aproxima de mil mortes pelo coronavírus


A Secretaria de Estado da Saúde divulgou neste sábado (11) 1.265 novas confirmações e 38 mortes pela infecção causada pelo novo coronavírus. O Paraná soma 40.329 casos e 999 mortos em decorrência da doença. Há ajustes nos casos confirmados detalhados ao final do texto.

INTERNADOS – 847 pacientes com diagnóstico confirmado de Covid-19 estão internados hoje. 691 pacientes estão em leitos SUS (262 em UTI e 429 em leitos clínicos/enfermaria) e 156 em leitos da rede particular (57 em UTI e 99 em leitos clínicos/enfermaria).

Há outros 1.047 pacientes internados, 511 em leitos UTI e 536 em enfermaria, que aguardam resultados de exames. Eles estão em leitos das redes pública e particular e são considerados casos suspeitos de infecção pelo vírus Sars-CoV-2.

ÓBITOS – A Sesa informa a morte de mais 38 pacientes, todos estavam internados. São 14 mulheres e 24 homens, com idades que variam de 35 a 89 anos. Os óbitos ocorreram entre os dias 25 de junho a 11 de julho. Os pacientes que faleceram residiam em: Cascavel (2), Curitiba (18), Londrina (2), além de uma pessoa que residia em cada um dos seguintes municípios: Almirante Tamandaré, Califórnia, Cambé, Campo Largo, Colombo, Congonhinhas, Engenheiro Beltrão, Fazenda Rio Grande, Itaperuçu, Jacarezinho, Maringá, Ponta Grossa, Telêmaco Borba, Terra Boa, Tibagi e Toledo.

MUNICÍPIOS – 378 cidades paranaenses têm ao menos um caso confirmado pela Covid-19. Em 185 municípios há óbitos pela doença.

FORA DO PARANÁ – O monitoramento da Sesa registra 468 casos de residentes de fora. 17 pessoas foram a óbito.

AJUSTES: Um caso confirmado na data de 9/7 em Cidade Gaúcha foi transferido para Cianorte. Um caso confirmado na data de 9/7 em São João do Triunfo foi transferido para São Mateus do Sul. Um caso confirmado na data de 22/6 em Curitiba foi transferido para Almirante Tamandaré. Um caso confirmado na data de 1/7 em Adrianópolis foi transferido para Cerro Azul.

Neste domingo tem Churrasco Beneficente na Igreja Assembleia de Deus de Turvo


Neste domingo (11), a Igreja Evangélica Assembleia de Deus de Turvo, estará preparando um delicioso Churrasco Beneficente, acompanhado de uma porção de maionese.

Você retirar a partir das 10h00, na Rua Eucalina Nunes, N° 278.

Que Deus vos abençoe.


VÍDEO:

Boa Ventura de São Roque - Cidadão faz denúncia ao TCE e evita que obra pública fosse construída em área particular


A fiscalização preventiva realizada pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE-PR), aliada ao controle social, fez com que a Prefeitura de Boa Ventura de São Roque evitasse construir uma escola sobre um terreno particular nesse município da Região Central do Paraná, o que poderia resultar em problemas futuros à administração pública.

Alertado pela área técnica da Corte via Canal de Comunicação do TCE-PR (CACO) sobre a iminente irregularidade, conforme apontamento feito por cidadão à Ouvidoria do Tribunal, o gestor informou que efetuou a contratação da obra, resultante de processo de Tomada de Preços, pressupondo que o município já detinha a propriedade do imóvel, uma vez que havia, no mesmo local, uma edificação que abrigava uma escola desde a década de 1960.

Ainda conforme a prefeitura, ao tomar conhecimento do problema, a administração adotou todas as medidas preliminares necessárias para a regularização do terreno, visto que existe interesse do atual proprietário em transferir definitivamente o imóvel ao município por meio de permuta. Agora, um projeto de lei será encaminhado pelo Poder Executivo à Câmara de Vereadores local para autorizar a transferência da área e permitir, em seguida, que seja emitida ordem de serviço para dar início à construção.

Mesmo assim, o município foi advertido a comprovar, perante o TCE-PR, a mudança de titularidade do imóvel, a fim de validar a execução da obra. Para o ouvidor do Tribunal, Patrick Machado, o caso evidencia a importância do controle social. "Quando se dá o devido valor a cada manifestação apresentada pelos cidadãos, quem ganha é a administração pública", afirmou.

Oportunidade de correção

O TCE-PR dispõe de meios para conceder a seus jurisdicionados a oportunidade de corrigir falhas verificadas pelo órgão em sua atividade de fiscalização preventiva, sem que seja necessária a abertura de processo administrativo, cujo trâmite é mais demorado e custoso.

Quando os administradores não corrigem as falhas apontadas, ficam sujeitos a Tomada de Contas Extraordinária. Nesse caso, a Lei Orgânica do TCE-PR (Lei Complementar Estadual nº 113/2005) prevê a aplicação de multas administrativas, fixas e proporcionais ao valor do dano ao patrimônio público, devolução dos recursos e outras sanções.

Ouvidoria

Principal canal de comunicação do Tribunal com o cidadão paranaense, a Ouvidoria avalia todos os atendimentos que são registrados e, quando necessário, os encaminha à unidade técnica correspondente àquela reclamação, para análise e manifestação, como ocorreu no caso de Boa Ventura de São Roque.

Devido às medidas de distanciamento social indicadas para a prevenção da Covid-19, com a adoção do trabalho remoto pelo TCE-PR, atualmente os contatos com a Ouvidoria devem ser feitos pela internet, via portal do TCE-PR.

Fonte: TCE/PR