quinta-feira, 11 de outubro de 2018

Festa da Paróquia Nossa Senhora Aparecida será nesta sexta-feira em Turvo


08:30h - Carreata e bênção dos veículos.
10:30h - Santa Missa.
12:00h - Almoço com delicioso churrasco, saladas e bebidas.
14:00h - Tarde dançante com animação do grupo "Os Ventanas"
Binguinhos, pescaria e cama elástica para as. crianças.

16:00h - Show de Prêmios com prêmio principal de R$ 10.000,00.



IAP atende recomendação do MP e antecipa período de defeso no Rio Ivaí


O Instituto Ambiental do Paraná (IAP) publicou no início deste mês portaria que determina a proibição, durante todo o mês de outubro, da pesca de quatro espécies de peixes encontradas na Bacia do Rio Ivaí, a segunda maior do estado. O ato antecipa o período de proibição (defeso), que começaria no início de novembro, e foi publicado em atendimento à recomendação administrativa expedida pelo Ministério Público do Paraná.

Procedimento instaurado pela Regional de Campo Mourão do Grupo de Atuação Especializada em Meio Ambiente, Habitação e Urbanismo (Gaema) demonstrou a ocorrência de antecipação da piracema (movimento migratório dos peixes para fins de reprodução), o que motivou o alerta ao órgão ambiental acerca dos riscos da pesca dos animais. A suspensão atinge as espécies dourado, pacu, pintado e jaú.

A recomendação do MPPR também considerou estudo feito pela Universidade Estadual de Maringá que recomendou a suspensão da pesca no período. Na portaria, o IAP destaca que novos estudos técnicos poderão motivar a revisão do prazo de interdição da pesca. O período de defeso dura até fevereiro do próximo ano.

Fonte: www.mppr.mp.br

Chuvas atrasam o trabalho da equipe de obras em Turvo


Equipe que atendia as demandas da comunidade de Arroio Fundo, com a readequação das estradas tiveram seus serviços suspensos.

O Programa Porteira a dentro atenderá duas frentes, Rio do Salto e Rio Bonito após as chuvas.

"Pedimos aos moradores que aguardem, assim que o tempo melhorar retornaremos as atividades normalmente".

Fonte: Prefeitura de Turvo

Bebê de três meses é o mais jovem doador de órgãos do Paraná


Em meio à dor de perder o filho único, a família de um bebê de três meses de idade resolveu dar esperança de vida a outra criança através da doação de órgãos. O bebê tornou-se o doador mais jovem do Hospital Universitário do Oeste do Paraná (HUOP), onde a cirurgia de captação foi realizada. Os rins do bebê foram encaminhados para o Rio Grande do Sul, para serem transplantados em uma menina de 2 anos de idade.

A Comissão Intra-Hospitalar de Doação de Órgãos e Tecidos para Transplante do HU acompanhou todo o processo de doação, desde a realização do diagnóstico de morte encefálica, conversa com a família do doador e captação dos órgãos. Segundo os médicos que atenderam o caso, o bebê teve morte encefálica por conta de uma parada cardíaca causada por perda acentuada de líquidos.

O secretário de Estado da Saúde, Antônio Carlos Nardi, lembra que toda doação de órgãos precisa ser autorizada pela família, por isso, a sensibilidade das equipes de saúde se torna crucial. “A conversa da família com a equipe de saúde sobre a possibilidade de doação acontece num momento de dor extrema. Mas nossos médicos e enfermeiros do Sistema Estadual de Transplantes têm tido o preparo e empatia necessários para explicar a possibilidade de salvar vidas por meio da doação”, diz Nardi.

COMPREENSÃO - Em entrevista à imprensa, a mãe do bebê doador, Cíntia da Silva, disse que a decisão de doar os órgãos do filho foi motivada pelo desejo de ajudar mães que passam pela dor de ver um filho sofrendo. Segundo ela, o ato de tornar-se mãe a fez ter uma compreensão melhor da vida e do mundo. “A gente sente a dor de outra mãezinha que está esperando uma ligação [da Central de Transplantes] para poder ajudar a criança. No caso do meu filho não tinha mais o que ser feito, mas por que eu não poderia ajudar outra mãe que está sofrendo?”, disse.

SOLIDARIEDADE – O Paraná é o Estado brasileiro com maior índice de doações de órgãos por milhão de população. Enquanto a média nacional é de 17,5 doações por milhão de habitantes, no Paraná esse índice chegou a 49,2 em 2018. De janeiro a setembro deste ano, 468 famílias autorizaram a doação de órgãos de seus familiares e 418 destes resultaram em doações efetivas. Como cada doação pode beneficiar mais de um paciente, o número de transplantes realizados no Estado é bem maior, chegando a 722. Além desses, foram realizados ainda 636 transplantes de córneas no Paraná.

“O Paraná é exemplo para o Brasil e para o mundo em doação de órgãos. Nossa população é solidária, cada vez mais consciente da importância da doação, e contamos com um Governo sensível, humano, que tem investido para que o Sistema Estadual de Transplantes esteja cada vez melhor estruturado”, finaliza o secretário.

CAMPANHA – Para ser doador de órgãos não é necessário deixar nada por escrito, mas sim avisar seus familiares sobre o desejo de doar. “No momento da morte, são os familiares que autorizam ou não a doação. Por isso divulgamos sempre a campanha Doação de Órgãos, Fale sobre isso, um alerta para que o assunto seja discutido em família, o que vai facilitar a decisão quando for necessário”, explica a coordenadora da Central Estadual de Transplantes, Arlene Badoch.

Fonte: AEN

Vacinação em dia é obrigatória para efetivar matrícula


A Secretaria de Estado da Educação definiu o cronograma de matrículas na rede estadual para o próximo ano letivo. A novidade é a apresentação obrigatória de original e cópia da Declaração de Vacinação, documento que será emitido por profissional de saúde, da rede pública ou privada, atestando que o aluno está em dia com todas as vacinas consideradas obrigatórias.
A regra é válida para estudantes menores de 18 anos, das redes pública e privada, e entrou em vigor após a aprovação da Lei Estadual 19.534/18, que trata do tema.
Segundo o secretário de Estado da Saúde, Antônio Carlos Nardi, a lei garante a imunização, principalmente das crianças, que necessitam ser levadas pelos pais ou responsáveis para serem vacinadas. “A vacinação é fundamental no combate às doenças. Ao longo da história, as vacinas já ajudaram a reduzir a incidência da poliomielite, sarampo e tétano. Não podemos esperar a população adoecer para agirmos”, afirma Nardi.
MATRÍCULA - As matrículas iniciais devem ser feitas de 3 a 7 de dezembro. Pais e/ou responsáveis legais dos estudantes que vão ingressar no 6º ano do ensino fundamental ou na 1ª série do ensino médio precisam comparecer às escolas estaduais para as quais os alunos foram direcionados.
É necessário apresentar também original e cópia de documento de identificação: certidão de nascimento, ou RG, ou certidão de casamento (o RG é obrigatório para alunos maiores de 16 anos); fatura da concessionária de energia elétrica atualizada, de no máximo três meses; além de informar um número de telefone para contato.
A ausência da Declaração de Vacinação não impossibilita a matrícula ou rematrícula, mas os pais ou responsáveis devem regularizar a situação em um prazo de 30 dias. Caso contrário, a escola é obrigada por lei a comunicar a situação ao Conselho Tutelar.
REMATRÍCULA - Os pais de estudantes que já estão matriculados na rede estadual e que vão para o 7º, 8º ou 9º ano do ensino fundamental, ou para o 2ª ou 3ª ano do ensino médio, devem ir até a escola para assinar a rematrícula no período de 19 a 30 de novembro. Os documentos obrigatórios neste caso são a fatura recente da concessionária de energia elétrica, RG do aluno maior de 16 anos e a Declaração de Vacinação.
CADASTRO DE ESPERA DE VAGAS – Para estudantes que vêm de outro país ou de outro estado, trocando de cidade, deixando a rede privada para ingressar na rede estadual, ou que apenas desejam mudar de escola, os pais ou responsáveis legais devem ir diretamente até a instituição de ensino em que estão interessados a partir de 10 de dezembro para inscrição no Cadastro de Espera de Vaga Escolar (Ceve).
É necessário levar original e cópia de documento de identificação do aluno (Certidão de Nascimento ou RG), fatura recente da concessionária de energia elétrica, Declaração de Vacinação e Declaração de Escolaridade emitida pela escola de origem ou histórico escolar.
O chamamento para matrícula dos alunos que aguardam vaga e estão cadastrados no Ceve começa em janeiro, e é feito de acordo com critérios definidos pela Secretaria da Educação, mas com ordem de prioridade própria para cada escola. Se não houver vagas disponíveis no local, os estudantes são direcionados para a unidade mais próxima com possibilidade para atendê-los.
Todas as informações sobre as matrículas para 2019 estão disponíveis na Instrução Normativa n.º 12/2018 – Seed/Sued.
Informações sobre a Declaração de Vacinação estão disponíveis na Instrução Normativa Conjunta n.º 01/2018 – Seed/Sesa.
CRONOGRAMA COMPLETO
Rematrículas
7º a 9º ano do ensino fundamental
2ª e 3ª série do ensino médio
De 19 a 30 de novembro

Matrículas Iniciais
6ª ano do ensino fundamental e 1ª série do ensino médio
De 03 a 07 de dezembro

Cadastro de Espera de Vaga Escolar (Ceve)
A partir de 10 de dezembro
Chamamento para matrículas a partir de janeiro de 2019

Fonte: AEN

Ocorrências policiais em Pitanga, Mato Rico, Manoel Ribas e Santa Maria do Oeste



PITANGALESÃO CORPORAL - VIOLÊNCIA DOMESTICA: No dia 10 de outubro de 2018, entrou em contato a solicitante relatando ter sido agredida por seu marido. A equipe deslocou até a Rua Santa Maria, onde a vítima relatou ter se desentendido com seu convivente sendo que o mesmo estaria embriagado vindo a ameaça-la de morte, derrubando-a no chão e desferindo socos e pontapés contra a mesma. Empreendendo fuga tomando rumo ignorado, realizado patrulhamento porem sem êxito na localização dele. Orientada a vítima para os procedimentos 


MATO RICOFURTO QUALIFICADO: No dia 10 de outubro de 2018 as 11h00min compareceram no DPM de Mato Rico o solicitante relatando que eles têm um contrato de arrendamento de uma Fazenda, e na propriedade tem 91 cabeças de gado. Que em data de 05 de outubro um masculino furtou da propriedade 02 cabeças de gado com a marca AC no lado direito e que o possível destino seria para a cidade de Colorado-PR. Diante dos fatos a equipe orientou as vítimas quantos os procedimentos cabíveis. 


SANTA MARIA DO OESTEFURTO QUALIFICADO: Nesta data, por volta das 14h10min, compareceu ao destacamento policial o solicitante relatando que foi furtado um revolver de sua propriedade, devidamente registrado. Sendo um revolver marca Taurus, calibre .38, com capacidade para 6 disparos. Relata também que o armamento estava guardado em uma caixa de sapato dentro de um armário e acoplado há um coldre e estava carregado com seis cartuchos e com mais seis cartuchos que estavam em um baleiro no próprio coldre. Relata ainda que foi furtada uma pulseira de ouro que estava no mesmo armário. 

SANTA MARIA DO OESTE - FURTO QUALIFICADO: No dia 10 de outubro de 2018, por volta das 09h30min, entrou em contato nesse destacamento de policia militar a solicitante relatando que precisou ausentar-se no período da noite e que ao retornar pela manha percebeu que sua residência havia sido arrombada, sendo que notou falta de alguns objetos, como: TV, receptor de antena parabólica, ferro de passar roupa, duas facas de cozinha, um botijão de gás, um chinelo e um molho de chave e também uma pequena quantia de dinheiro em espécie, aproximadamente vinte reais. E que seguiu alguns passos que visualizou sendo que encontrou os objetos abandonados em uma casa abandonada próximo de sua residência, mas que não encontrou as facas nem as chaves, e que já havia retirado os objetos e levados para a sua residência. Foi deslocado até o local e conversado com a vitima, mas esta não tinha nenhum suspeito. 

MANOEL RIBASCONTRABANDO OU DESCAMINHO: No dia 10 de outubro de 2018, às 21h20min, as equipes Rotam 3ª Cia e RPA Manoel Ribas, estavam em patrulhamento no município, quando em deslocamento até a PR 487, no trevo de acesso a Cândido De Abreu, e um veículo de cor cinza com os vidros completamente escuros, passou pelas equipes policiais em altíssima velocidade. Diante da fundada suspeita e por esse trecho ser conhecido por ser caminho de contrabando de cigarros, armas e drogas, iniciou-se um acompanhamento ao veículo, que mesmo com sinais luminosos e sonoros emanados das viaturas policiais, desobedeceu a ordem parada, entrou em uma estrada vicinal, percorrendo ainda um longo trecho adentro de uma propriedade particular, inclusive o condutor rompeu porteiras e cercas, só parando em um local onde não era mais possível transitar devido a barrancos e arvores. O condutor tentou se evadir em meio ao matagal porem foi contido pela equipe, algemado conforme decreto 8.858/2016 e identificado. Feita averiguação no veículo, constatado que em seu interior estava carregado com cigarros oriundos do Paraguai, totalizando 25 caixas com 50 maços cada uma. Indagado o mesmo esse relatou a equipe que a carga foi realizada no Paraguai e recebeu o carro carregado em Campo Mourão, após deslocaria até a cidade de Ponta Grossa-PR. Diante dos fatos o carro, cigarros e o autor foram encaminhados até a delegacia de policia federal de Guarapuava-PR para os demais procedimentos legais.

Fonte: 3ª Companhia de Polícia Militar de Pitanga