quarta-feira, 20 de janeiro de 2016

Avião agrícola cai sobre Kombi e deixa cinco mortos em Londrina.


Um avião agrícola sofreu uma pane ao decolar do aeroporto 14 Bis, no distrito da Warta, na região norte de Londrina, por volta das 17h desta quarta-feira (20). Ao tentar retornar à pista, a aeronave acabou perdendo altitude e colidindo contra uma Kombi que passava pela rodovia Carlos João Strass (PR-545). Cinco pessoas morreram e quatro ficaram feridas. O piloto sofreu ferimentos moderados e queimaduras. 

Com o impacto, o avião explodiu. As chamas se alastraram e também atingiram o veículo, que transportava trabalhadores que executavam um serviço de capina às margens da estrada. A Kombi trafegava no sentido Warta-Londrina. 

De acordo com o Corpo de Bombeiros, três dos cinco mortos foram identificados: Cléverson Henrique Pereira, de 37 anos; Renan Florêncio Fagundes, de 19; e Flávio Tosi, de 43. Os outros dois ainda não tiveram seu nome divulgado. Todos os corpos foram encaminhados ao IML de Londrina. 

Entre os feridos estão o piloto do avião, Bruno Nobre Costa, de 29, que foi encaminhado por funcionários do aeroporto ao Hospital da Zona Norte (HZN); Luís Carlos Silva, de 28, levado à Santa Casa; Alex Carlos de Brito, de 35, conduzido ao HU; e o condutor da Kombi, Diógenes Gomes Fagundes, de 44, cujo hospital não foi informado. 

A princípio, o quadro do piloto é o menos grave. Mesmo com as contusões e queimaduras sofridas após a explosão, ele ainda conseguiu ir ao aeroporto para pedir ajuda. 

Diversas viaturas dos bombeiros, do Samu e da Polícia Rodoviária Estadual (PRE) estiveram no local. A rodovia ficou completamente interditada por aproximadamente uma hora. 

A aeronave é da empresa Viagro Vidotti Agro Aérea e se dirigia ao interior de São Paulo para pulverizar uma plantação. Especialistas do Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa) estarão em Londrina nesta quinta-feira (21) para colher informações para o inquérito que deve apontar a causa da queda. O laudo deverá sair em alguns meses.

(matéria atualizada às 19h, com informações dos repórteres Paulo Monteiro, do jornal NossoDia, e Guilherme Batista, do Bonde)


Festa em Rio Bonito/Turvo terá animação de Crioulo Batista e Grupo Cambicho neste domingo.


A festa acontece no dia 24 de janeiro, haverá participação dos Tropeiros que sairão de Turvo até a festa, animação fica por conta de Crioulo Batista.





Guarapuava: Inscrições abertas para a 4ª edição da Corrida da Padroeira.



Em comemoração dos 50 anos da Diocese de Guarapuava, no dia 31 de janeiro, acontece a 4ª edição da Corrida da Padroeira.

A corrida é organizada pela Catedral Nossa Senhora de Belém, com apoio da Central Cultura de Comunicação e da Secretaria Municipal de Esportes.

As inscrições devem ser feitas na Catedral. Qualquer adepto de corrida de rua pode participar.

Paralelo a corrida haverá uma caminhada, para a qual não é necessário inscrição.

Percurso

O percurso será de 5 quilômetros, com largada e chegada na Catedral, seguindo pelas ruas Senador Pinheiro Machado, Quintino Bocaiúva, Av. Moacir Silvestri, Av. Manoel Ribas, Professor Becker e Senador Pinheiro Machado.

Premiação

Os 5 primeiros colocados das categorias Masculino e Feminino receberão premiação em dinheiro (R$400,00 para o primeiro, R$300,00 para o segundo, R$200,00 para o terceiro, R$100,00 para o quarto e R$50,00 para o quinto).

Os 10 primeiros também receberão troféus.

Nesta edição haverá novidades em termos de premiação, a categoria Veterano, acima de 40 anos, no Masculino e Feminino terão troféu do 1º ao 3º colocados.

Também haverá a categoria ACD (Atletas com Deficiência), que receberão troféus do 1º ao 3º lugares, masculino e feminino e premiação em dinheiro (150, 100 e 50 reais).

Haverá também troféus para as 3 melhores equipes e sorteio de brindes aos corredores, entre eles vales churrasco para serem retirados no dia da festa.

Homem mata mulher a facadas e morre em acidente de carro em Marumbi - PR.


Na madrugada de terça-feira, dia 19 de Janeiro de 2016, por volta das 04:30 hrs, um homicídio foi registrado pela Polícia Militar de Marumbi.

De acordo com a PM, Taís Ferreira Araújo, de 21 anos, foi morta com vários golpes de faca quando estava em sua residência, na Rua Quintilho Pini, no centro de Marumbi no Vale do Ivaí. O corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) de Apucarana para exame de necropsia.
Segundo a polícia, o marido de Taís, Alessandro Aparecido Martins, de 31 anos, era o principal suspeito de ter praticado o crime. Ele se evadiu da moradia no veículo VW Gol branco placas CWB 6487 (Marumbi) e estava considerado foragido.

Antes de praticar o assassinato, Alessandro levou os três filhos menores até a casa dos avós e disse que ia viajar. A escrivã Magda Tofoleti, da Delegacia de Jandaia do Sul, esteve no local do homicídio.

Após matar a esposa em Marumbi, o homem acabou sofrendo um acidente e morreu no início da tarde de terça-feira, dia 19 de Janeiro, em Tamarana, próximo a Londrina.

Alessandro Aparecido Martins, de 31 anos, bateu o seu veículo, um VW Gol, contra um caminhão. A informação foi confirmada pela delegacia de Polícia Civil de Jandaia do Sul, responsável pelo inquérito do assassinato em Marumbi.

Super promoção em Ventiladores, Climatizadores e Ar Condicionado na Maxxim Móveis de Turvo.


Aproveite a super promoção na Maxxim Móveis de Turvo, Ventiladores, Climatizadores e Ar Condicionado. A promoção vai até o final do mês de janeiro. 
Passe na Maxxim e confira toda linha de móveis e eletrodomésticos. 

Maxxim Móveis, Avenida 12 de Maio, fone (42) 3642-1763 no centro de Turvo.






Vagas de emprego na Agência do Trabalhador de Guarapuava.


A Agência do Trabalhador divulgou as vagas de emprego desta quarta-feira (20). Interessados devem se deslocar até a sede do setor público (rua Vicente Machado, 1558, Centro) para se candidatar. Mais informações pelo número: 3623 2200.
Borracheiro
Com experiência

Centrador de toras
Com experiência

Chacareiro
com experiência

Consultor de vendas
Com experiência

Contador
Com experiência

Costureira
Com experiência

Farmacêutico
Com experiência

Instalador de ar-condicionado
Com experiência

Instalador de TV a cabo
Com experiência

Lavador de carros
Com experiência, para trabalhar na Colonia Vitória

Mecânico de autos
Com experiência

Mecânico de máquinas pesadas
Com experiência

Montador de compensados
Com experiência

Pizzaiolo
Com experiência

Polidor de automóveis
Com experiência

Prensista de compensado
Com experiência

Serralheiro
Com experiência

Técnico em estética
Com experiência

Técnico em segurança do Trabalho
Com experiência

Tratorista
Com experiência

Vendedor interno
Com experiência

Estamos recrutando currículos para as seguintes vagas
AFIADOR DE FERRAMENTAS
• Ensino médio completo
• Curso de afiação
• Experiencia na área
• Disponibilidade de horário

ANALISTA DE PCP PLENO
• Superior completo
• Experiencia na área
• Disponibilidade de horário

ELETRICISTA
• Ensino médio completo
• Curso de técnico em Eletrotécnica
• Experiencia na área
• Disponibilidade de horário

INSPETOR DE QUALIDADE
• Ensino médio completo
• Experiencia na área
• Disponibilidade de horário

LIDER DE FINGER
• Superior completo
• Experiencia na área
• Disponibilidade de horário

LIDER DE MOLDUREIRA
• Superior completo
• Experiencia na área
• Disponibilidade de horário

LIDER DE SERRARIA
• Superior completo
• Experiencia na área
• Disponibilidade de horário

OPERADOR DE EMPILHADEIRA
• Ensino médio completo
• Curso de Operador de empilhadeira
• Experiência na área
• Disponibilidade de horário

OPERADOR DE FINGER 
• Ensino médio completo
• Experiencia na área
• Disponibilidade de horário

OPERADOR DE PÁ CARREGADEIRA
• Ensino médio completo
• Curso de operador de pá carregadeira
• Experiencia na área
• Disponibilidade de horário

OPERADOR DE MÁQUINA ESPECIALIZADA
• Ensino médio completo
• Curso em Eletromecânica
• Experiencia na área
• Disponibilidade de horário

OPERADOR DE MÁQUINA INDUSTRIAL
• Ensino médio completo
• Desejável ensino técnico em áreas de manutenção
• Experiencia na área
• Disponibilidade de horário

MECÂNICO INDUSTRIAL 
• Ensino médio completo
• Curso em Eletromecânica
• Experiencia na área
• Disponibilidade de horário

TÉCNICO EM AUTOMAÇÃO
• Ensino médio completo
• Curso técnico em automação
• Experiencia na área
• Disponibilidade de horário

Multa de radar aparece após sete anos e pode mudar Caso Carli Filho.


Uma infração cometida na Rua Monsenhor Ivo Zanlorenzi, em Curitiba, no dia 7 de maio de 2009, pode alterar a história da tragédia de trânsito mais conhecida do Paraná. Comovido pela suspensão do julgamento do ex-deputado estadual Luiz Fernando Ribas Carli Filho, um motorista que recebeu o auto infração resolveu se manifestar pela primeira vez. Gilmar Yared, pai de uma das vítimas do acidente causado por Carli Filho, publicou nesta terça-feira (19) na internet a informação de que o radar instalado a poucos metros antes do local do acidente que matou Gilmar Yared e Carlos Murilo de Andrade naquela data estava funcionando.

Na época do acidente, a empresa Consilux, concessionária dos radares em Curitiba, informou que um problema impediu o registro de imagens daquele dia nos equipamentos instalados na avenida. Yared desconfia que as imagens tenham sido removidas. “Existe um terceiro carro. Isso é fato. Eu já tenho um nome na minha cabeça, mas não tenho provas. Nós pedimos à Consilux porque eles não têm as imagens do carro do ex-deputado passando. As imagens nunca apareceram porque eles alegaram que tiveram um problema naqueles radares. Mas o dia todo?”, questionou em entrevista ao Paraná Portal.

No Facebook, Gilmar enfatizou o espaço curto de tempo entre a infração revelada agora e o acidente que matou o filho dele. “Recebi nesta segunda-feira a infração cometida por um motorista aos 50 minutos do dia 7 de maio de 2009 registrada há 4 minutos da tragédia a poucos metros de onde morreram meu filho e seu amigo aos 54 minutos. Na época a Consilux não apresentou as imagens alegando que os radares apresentavam problemas. O motorista revelou ainda que não nos procurou logo após porque temia pela sua segurança”, escreveu.

O documento foi encaminhado ao Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) do Ministério Público que deve investigar o sumiço das imagens de radar da Consilux. “Eles disseram que não era para publicar por enquanto, mas acho que as pessoas têm direito de saber. O poder ainda tem uma influência muito grande sobre a Justiça”, compreende.

O motorista que entregou a infração à família teria escondido o documento por sete anos, por medo. “Ele (o motorista) ficou indignado com o adiamento do julgamento e resolveu revelar isso depois de tanto tempo. Ele, assim como qualquer um ficaria, estava com receio pela própria segurança”, conta Yared.

Na época, nenhum dos sete radares do possível trajeto do restaurante onde Carli Filho estava até o local do acidente registrou a passagem do ex-deputado. O inquérito policial mostrou que ele dirigia entre 161 e 173 km/h no momento do acidente. O caso completou sete anos e a Justiça ainda não tem prazo para julgar o processo. Carli Filho apresentava sinais de embriaguez e estava com a carteira de habilitação suspensa por excesso de multas de trânsito.

A empresa Consilux foi procurada pela reportagem, mas ainda não enviou resposta.