sexta-feira, 13 de outubro de 2017

GUARÁ: CUMPRIMENTO DE MANDADO JUDICIAL / DESOBEDIÊNCIA / PORTE ILEGAL DE ARMA DE FOGO, ACESSÓRIO OU MUNIÇÃO / RESISTÊNCIA


Guará - Guarapuava: No dia 12 out. 17, às 08h30min, equipes policiais iniciaram diligências no Distrito do Guará, onde, por volta das 17h, nas proximidades da “Comunidade Igrejinha”, as equipes pararam as viaturas em distância segura e iniciaram progressão a pé, pois era de conhecimento dos militares estaduais que nessa região havia pessoas armadas. Em dado momento, foram surpreendidos por cinco homens, todos portando armas longas, os quais mesmo após advertência verbal e ordem para que largassem as armas, não acataram e passaram a efetuar disparos contra os policiais militares, os quais necessitaram revidar a injusta agressão, visando resguardar a integridade física, bem como a própria vida, em inconteste gozo de excludente de antijuridicidade por legítima defesa. Dessa situação de confronto armado, um cidadão foi baleado pelos policiais militares, sendo esse posteriormente identificado (33). 
Os demais autores dos disparos contra as equipes policiais tomaram rumo ignorado em direção ao matagal existente na localidade. Imediatamente após o confronto não foi possível aproximar-se do local, onde posteriormente (aproximadamente 25min depois) foi constatado que o homem estava baleado, em virtude da região ser de muito mato, bem como pelo número considerável de pessoas com armas de fogo sob suas posses. 
Foi localizado, então, a aproximadamente dois metros do local em que o homem havia caído uma arma de fogo tipo espingarda Cbc calibre .28, modelo .621, carregada com uma munição CBC calibre .28, pronta para novo disparo, e também outros três facões que foram abandonados. No local também foi logrado êxito na abordagem de mais um suspeito (29), sendo que esse é evadido do sistema prisional. Solicitado atendimento do SAMU e encaminhado o homem alvejado para atendimento médico. 
Foi realizada guarda de preso na UPA Batel, o qual posteriormente foi encaminhado à 14ª SDP onde foi apresentado à autoridade policial para que fossem adotadas as medidas cabíveis.

Fonte: 16º BPM

Nenhum comentário:

Postar um comentário