quinta-feira, 23 de maio de 2019

Acidente com quatro carros deixa um morto na BR-277



Acidente com quatro veículos na BR 277 em Palmeira deixa duas pessoas gravemente feridas e um óbito. A equipe do Corpo de Bombeiros foi acionada para prestar atendimento às 12 horas desta quinta-feira (23), no km 162 da rodovia, proximidades da Líder Alimentos.

De acordo com informações dos Bombeiros o condutor do automóvel Gol ficou preso nas ferragens e morreu no local. A passageira do mesmo veículo foi socorrida e encaminhada pela equipe da Concessionária Caminhos do Paraná com ferimentos graves e risco de vida. No Vectra de cor verde um homem também foi encaminhado ao hospital com risco de vida. Ainda uma camionete Toyota Hilux com dois ocupantes ilesos e mais um automóvel Chevrolet Spin, pertencente à prefeitura de Palmeira, com três ocupantes ilesos.


Funcionários da Prefeitura

No site da prefeitura de Palmeira foi publicada uma nota relatando o ocorrido.
Por volta das 12h desta quinta-feira (23) um veículo Chevrolet Spin da frota da Secretaria Municipal de Saúde acabou sofrendo danos colaterais em um acidente envolvendo outros dois veículos na BR-277, em trecho próximo da entrada de Quero-Quero. O veículo público era conduzido pelo motorista João Maria de Jesus Batista e tinha como passageiras as funcionárias Kelin Regina Maksemiv e Cassieli Coelho.
Segundo informações da Secretaria Municipal de Saúde, o motorista da prefeitura estava dirigindo normalmente quando se deparou com outro veículo que o obrigou a desviar para o canteiro da pista para evitar uma colisão. Todos que estavam no veículo da prefeitura passaram por atendimento no Pronto Atendimento da prefeitura e foram liberados sem ferimentos. A equipe voltava de uma visita domiciliar que tinha acontecido na Comunidade de Witmarsum quando o acidente aconteceu.
Trânsito

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) de São Luiz do Purunã que atendeu a situação informou que o trânsito ficou lento no local, mas não foi interditado. Não houve divulgação dos nomes das pessoas hospitalizadas nem do homem que entrou em óbito. O Instituto Médico Legal (IML) de Ponta Grossa que recolheu o corpo da vítima.


Nenhum comentário:

Postar um comentário