terça-feira, 16 de outubro de 2018

Ganhadores do sorteio realizado na Festa de Nossa Senhora Aparecida recebem os prêmios em Turvo



Na última sexta-feira 12 de outubro, a Paróquia de Turvo realizou a grande Festa de Nossa Senhora Aparecida, onde ocorreu o show de prêmios com sorteio eletrônico: De um prêmio no valor R$ 10.000,00 em dinheiro e mais 05 prêmios pelo nº da cartela. 

Nessa terça-feira (16), membros da diretoria realizaram a entrega dos prêmios para os felizardos. 

Ganhadores dos prêmios: 

01 Mesa de Tênis de Mesa – Doado pela N Utilidades – Neri Blokievis. 

01 Cama Box – Doado pela Ellas Móveis - Sabrina Becker. 

01 Forno elétrico – Doado pelo Boaron Móveis – Roobson Richler. 

01 TV 32”– Doado pelo senhor Nelson Bottega e Família – João Pedro Medeiros. 

01 Jogo de sofá – Doado pelo Marcelão Móveis e Eletros – Juliano de Ramos Hizidoro. 

Ganhadores do prêmio de R$ 10.000,00 – Maria da Luz Santos de Souza e João Carlos Freire. que dividiram o prêmio.





Ganhadores do prêmio de R$ 10.000,00 – Maria da Luz Santos de Souza e João Carlos Freire. que dividiram o prêmio.



Cerca de 60 mil pessoas podem perder benefício social no Paraná



Quase 60 mil pessoas idosas ou com deficiência podem ficar sem receber o Benefício de Prestação Continuada (BPC) a partir de janeiro de 2019. São beneficiários que ainda não estão inscritos ou que não atualizaram seus dados no Cadastro Único para Programas Sociais nos últimos 48 meses.

O prazo final para evitar que o benefício seja bloqueado ou suspenso encerra no dia 31 de dezembro deste ano.

Segundo a superintendente de assistência social da Secretaria de Estado da Família e Desenvolvimento Social, Alzenir de Fátima Sizanoski, é fundamental que os municípios estejam comprometidos em orientar a população sobre o prazo para o cadastro, e fazer a busca ativa das pessoas que têm direito ao benefício.

“O benefício é uma garantia de dignidade às pessoas que não possuem outras fontes de renda. Por isso precisamos alertar quanto às novas exigências para que nenhuma delas fique sem receber”, afirma a superintendente. Segundo ela, mesmo quem já possui o cadastro deve atualizar os dados a cada dois anos ou sempre que houver modificação na família, como alteração na composição familiar ou mudança de endereço.

DOCUMENTOS - Para atualizar o cadastro, é preciso comparecer a um dos 569 Centros de Referência de Assistência Social (Cras) do Estado. Caso o beneficiário tenha dificuldade para deslocamento, o procedimento pode ser feito pelo responsável familiar. Os documentos necessários são o CPF e o título de eleitor. Comprovante de endereço, como conta de luz, e matrícula escolar de jovens de até 17 anos na família não são obrigatórios, mas facilitam o cadastro. Para os indígenas, o Registro Administrativo de Nascimento Indígena (Rani) também serve como documentação.

A regularização do cadastro permite o acesso a outros programas socioassistenciais, como o Família Paranaense, Luz Fraterna, Tarifa Social, dentre outros. Quando o Cadastro Único deixa de ser atualizado em um período de cinco anos, é excluído.

CRITÉRIOS – Previsto na Lei Orgânica de Assistência Social (Lei Federal 8742/93), O Benefício de Prestação Continuada concede um salário mínimo mensal para pessoas com mais de 65 anos ou com deficiência de qualquer idade que comprovem incapacidade para trabalhar e se manterem independentes. Para requerer o benefício, a renda per capita da família não pode ultrapassar um quarto de salário mínimo (menos de R$ 238,50).

DIREITO DO IDOSO – Segundo a coordenadora estadual da Política da Pessoa Idosa, Fabiana Longhi, o BPC garante alimentação, medicamentos e moradia e auxilia, em especial, pessoas idosas que não possuem aposentadoria. “A concessão do benefício também está determinada no artigo 34 do Estatuto do Idoso. Para receber, não é necessário ter contribuído ao INSS. Mesmo assim, muitas vezes, o benefício deixa de ser concedido porque as pessoas não sabem que têm direito”, diz Fabiana.

PARANÁ – Em julho deste ano, havia 205.908 pessoas idosas e pessoas com deficiência recebendo o Benefício. Desse total, 72% possuem Cadastro Único e 56.728 ainda precisam fazer a inscrição no banco de dados. A maioria dos beneficiários (55%) são pessoas com deficiência e os demais são pessoas idosas.

O Cadastro Único é uma ferramenta informatizada que identifica e caracteriza as famílias, além de fornecer um diagnóstico da realidade socioeconômica da população. Nele, são registradas informações como características da residência, identificação pessoal, escolaridade e situação de trabalho e renda. Também são identificadas as pessoas situação de risco e vulnerabilidade social, e aquelas que necessitam de atenção especial do poder público, como idosos e pessoas com deficiência.

Fonte: AEN

Acidente entre carro e caminhão tira a vida de casal na PR-281


Um grave acidente na manhã desta terça-feira (16) na PR-281, próximo do perímetro urbano de Chopinzinho, provocou a morte de duas pessoas. As vitimas estavam numa camionete Fiat Strada, placas de Chopinzinho. O utilitário, que era dirigido por José Detoni, foi atingido na lateral esquerda por um caminhão furgão, placas de Três Barras do Paraná.

O motorista do carro morreu na hora. Ele estava acompanhado da esposa, Roseli Detoni, que também morreu no local. O motorista do caminhão, Vanderlei Santana, de 47 anos, não se feriu.

Em entrevista à reportagem da Extra FM, ele contou que os veículos seguiam sentido BR-373, quando nas proximidades da ponte do Rio Chopim o veículo parou no acostamento e na sequencia o motorista foi fazer uma conversão sobre a pista. “Eu percebi que ele parou para conversar com o motorista de um Uno e logo em seguida começou a fazer a conversão na pista. Tentei segurar, mas não consegui e a batida aconteceu, infelizmente”, contou.

Vanderlei, que é de Três Barras do Paraná, disse que fez uma entrega em um mercado de Chopinzinho e seguia para Mangueirinha. O caminhão está carregado com produtos a base de milho. Já o casal residia no interior de Chopinzinho e trabalhava na produção de verduras.

Os corpos, após perícia da Criminalística, foram recolhidos ao IML de Pato Branco.

Fotos: Marcos Monteiro/ Extra FM
Fonte: RBJ

Sementes de milho e de pastagens você encontra na Natusolo Comércio de Produtos Agrícolas em Turvo


Na Natusolo você encontra sementes de milho AL Bandeirante e Hibrido. 

Sementes de pastagens grafitada da Boi Gordo (piatã, marandu e MG 5). 

Sementes de pastagens de verão, milheto e capim sudão. 


PRODUTOS COMERCIALIZADOS NA NATUSOLO: 

ADUBOS, CORRETIVOS E SEMENTES 

Adubos orgânicos/organomineral e substratos agrícolas: Fosfato Natural, Cloreto de Potássio. 

Sulfatos de: cobre, ferro, zinco, cobalto, manganês, magnésio, molibdato de sódio, enxofre e ácido bórico; 

Sementes orgânicas/variedades (hortaliças, soja, milho, feijão, arroz e pastagens). Mudas frutíferas (todas as espécies) Sementes de Flores. 

PRODUTOS NATURAIS 

Fertilizante foliar: Herbicidas e inseticidas naturais (controle de pragas e doenças): Kit Super magro. 

PECUÁRIA 

Farelos: (trigo, soja, milho): Núcleos (suínos, aves, bovinos): Pintainhos (postura corte Embrapa): Sal (mineral e comum). 

FERRAMENTAS 

Material p/horticultura (irrigação, plástico, estufa, gotejamento, bandeja isopor): Resfriadores de leite (granel e imersão): Ordenhadeiras e peças em geral: Comedouros e bebedouros para suínos e aves: Pulverizadores: Desintegradores/tributadores, misturadores de ração: Moenda -de-cana: Motores elétricos: Material para cercas elétricas: Descascadores de arroz, Telas e 

REPRESENTANTE SULINOX 

Mais tecnologia na sua produção. 

Resfriadores, Ordenhadeiras, Peças e Assistência Técnica. 

Comércio de Produtos Agrícolas NATUSOLO Ltda. 

Natusolo: Avenida Nossa Senhora Aparecida, 903 Turvo – PR Telefone: (42) 3642 1432. 








Calça Jeans feminina abaixo do custo é no Lojão do Braz de Turvo


Menina de 4 anos recebe presente do Dia das Crianças por policiais militares de Campina do Simão


Uma equipe de policiais militares do Destacamento de Campina do Simão-PR, realizaram no último dia 12 de outubro a alegria da pequena Laura, de apenas 4 anos de idade, fazendo a entrega de uma farda e uma boneca.

A ideia da presença dos policiais foi por solicitação da mãe da criança, a qual nos contou que há um tempo atrás a filha tinha medo da polícia, sendo que chegou a sonhar duas vezes que estava sendo pega por policiais. A mãe então levou a filha até o Destacamento da Polícia Militar, onde os policiais receberam a pequena Laura e através de demonstrações de carinho, ela perdeu o medo e se tornou fã dos policiais.

Nesse dia, a criança voltou para casa chorando, porque queria uma boina igual à dos policiais. A mãe então providenciou a compra de uma farda e pediu para os policiais que fizessem a entrega. Os policiais sensibilizados, além da farda, também compraram uma boneca para entregar à Laura em homenagem ao “dia das crianças”.

A mãe Marinilda também contou que a filha ficou muito feliz e até chegou a dormir fardada, além de querer ir numa festa do município com a farda, onde fez o maior sucesso entre a criançada presente.

Parabéns à mãe pela iniciativa, aos policiais militares por apoiarem a ideia, e à pequena Laura, que se tornou mais uma das inúmeras crianças, fãs de nosso trabalho e da gloriosa Polícia Militar do Paraná.





Fonte e fotos: 16º BPM