terça-feira, 11 de setembro de 2018

Carros-fortes: Vinte e oito presos foram arrebatados em Piraquara


O diretor do Depen Paraná, Francisco Caricati, confirmou na manhã desta terça-feira (11), que 28 presos fugiram durante a ação coordenada que foi realizada na madrugada em Piraquara. Segundo ele, foi uma ação “muito bem planejada”. “Foi muito bem-sucedida por parte deles. Estavam munidos dos equipamentos necessários e conseguiram o objetivo deles”, diz.

Conforme Caricati, a direção do Depen já estava atenta a uma possível tentativa de resgate de presos, mas ainda assim, não conseguiu impedir. “Nós temos um setor de inteligência que já estava monitorando possíveis tentativas de arrebatamento de presos, mas, a ação desta madrugada foi iniciada ainda na segunda-feira (10), no interior, com as tentativas de assalto aos carros-fortes”, relata. “Os principais alvos do arrebatamento são integrantes de quadrilhas de roubos a carros-fortes”, acrescenta.

Cerca de 40 homens fortemente armados participaram da ação e arrebatamento. Foram explosões, incêndios em veículos e muitos tiros disparados. Caricati afirmou que o grupo utilizou explosivos, fuzis, máquinas de serra.

Sobre o receio dos moradores de Piraquara e região, da presença dos fugitivos levar a uma onda maior de violência, o diretor da unidade diz que não acredita que isto possa ocorrer, já que os fugitivos tinham uma rota de fuga clara pela rodovia.

Fonte e foto: Massa News

Nenhum comentário:

Postar um comentário