sábado, 21 de julho de 2018

Polícia descobre ‘chácara da maconha’ e cultivo impressiona; veterinário detido


Um médico-veterinário e outras duas pessoas foram detidas na tarde deste sábado (21) no bairro Alphaville, em Pinhais, na região metropolitana de Curitiba. Eles são acusados de manterem o cultivo de mil pés de maconha, por meio de equipamentos e procedimentos de alta tecnologia. A chácara foi descoberta após o roubo de um celular. Além do crime relacionado à droga, eles responderão por tentativa de suborno, ao oferecer R$ 100 mil aos policiais.

A chácara fica afastada do centro do município, em uma área de chácaras, com predominância de condomínios fechados. O tenente Anderson Muchau do 22ºBPM disse à Banda B que a descoberta do local aconteceu depois que um rapaz roubou o celular de um taxista. “Estávamos acompanhando essa situação de roubo, quando ele entrou nessa rua Cristal, entrou nessa chácara, que estava com o portão aberto, e a equipe pensou que era a casa dele e acompanhou. Mas ao entrar na casa notou um cheiro muito forte. Em uma busca, encontraram muitas plantas da droga”, descreveu.

Policiais ficaram surpresos ao encontrar cinco estufas, laboratórios de mudas, adubo importado, controle de temperatura e luminosidade. “Material de qualidade do começo ao fim. Inclusive, um dos presos falou que a produção não era para consumidores do Paraná. Um homem, que ele ainda não apontou quem é, vinha, pegava o material e levava para fora. Nota-se um conhecimento e um know how bem avançado. Além disso, equipamento de última linha”, disse o tenente.

Três pessoas que estavam na chácara ofereceram a quantia de R$ 100 mil para que o flagrante não fosse feito. “Disseram que uma pessoa viria entregar o dinheiro em espécie, por isso, ainda vão responder por tentativa de suborno”, contou o tenente Muchau.

De maneira preliminar, mil pés, entre mudas e árvores, foram contabilizadas, além de outros materiais. “Já fiz algumas apreensões de drogas durante minha carreira como policial, mas nada igual a essa aqui”, finalizou o tenente à Banda B. Não há informações se os três detidos têm passagem pela polícia, já que os suspeitos são do Mato Grosso e de São Paulo. A droga será apreendida e os envolvidos encaminhados a Delegacia de Pinhais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário