sexta-feira, 23 de março de 2018

Suspeito de preparar veículos para quadrilhas especializadas em roubo a banco é preso


Um homem, de 38 anos, suspeito de adulterar veículos destinados a roubos a bancos e caixas eletrônicos, foi preso na manhã desta sexta-feira (23/03), no município de São José dos Pinhais (SJP) – Região Metropolitana de Curitiba (RMC), em posse de um vasto maquinário utilizado para modificar sinais identificadores de automóveis e falsificar documentos. A ação foi realizada pelo Centro de Operações Policiais Especiais (Cope), em cumprimento a um mandado de busca e apreensão.

Na residência do suspeito, os policiais apreenderam um ácido utilizado para apagar o número de chassi dos vidros de automóveis, bem como um equipamento a laser, próprio para gravar a numeração do chassi no motor e no veículo. “Só fabricantes possuem autorização para ter um equipamento dessa modalidade. Conforme o que foi apurado em investigações preliminares, essa é a única máquina que existe em Curitiba e RMC, e foi avaliada em R$70 mil”, informa o delegado-titular do Cope, Rodrigo Brown.

No local, a equipe também apreendeu instrumentos e espelhos para a falsificação de documentos diversos como Registro Geral (RG), Carteira Nacional de Habilitação (CNH), Cadastro de Pessoa Física (CPF), entre outros, além de uma pequena quantidade de munições. Em posse do suspeito, os policiais apreenderam ainda uma Ford Ranger branca, já com placas adulteradas – a qual havia sido roubada em janeiro deste ano, no município de São José dos Pinhais (RMC).

De acordo com Brown, o homem é suspeito de modificar veículos e prepará-los para serem revendidos para quadrilhas especializadas em assalto a bancos e explosões de caixas eletrônicos. “As investigações caminham no sentido de averiguar a eventual participação do homem nos crimes em questão, bem como identificar demais pessoas envolvidas com a prática criminosa”, afirma o delegado.

Conforme consulta no sistema policial, a equipe constatou que o suspeito já havia passagens pela Polícia Civil, por crimes de receptação a adulteração de veículos, e pela Polícia Federal por estelionato e falsificação de documentos.

O homem encontra-se detido à disposição da Justiça no Cope, onde foi autuado em flagrante por receptação de veículo, adulteração de sinal identificador de veículo automotor, posse de apetrecho para a falsificação e posse irregular de munições.




Nenhum comentário:

Postar um comentário