sexta-feira, 23 de fevereiro de 2018

Richa entrega obras na PR-364, entre Guarapuava e Inácio Martins


O governador Beto Richa inaugurou nesta quinta-feira (22) o asfaltamento de um trecho de 12,6 quilômetros da PR-364, que liga o distrito de Guará, no entroncamento da BR-277 em Guarapuava, até o distrito de Góes Artigas, em Inácio Martins. A modernização vai beneficiar cerca de 180 mil pessoas, moradoras dos municípios, e encurtará a distância entre as regiões Central e Sul do Paraná. O tempo de viagem entre Inácio Martins e Guarapuava vai diminuir em cerca de 30 minutos.

O governador afirmou que o Governo do Estado investiu R$ 50,4 milhões na obra, sendo R$ 37,6 milhões na rodovia, R$ 7,1 milhões em uma trincheira de 2,13 quilômetros e R$ 5,6 milhões em duas novas pontes, uma de 39 metros sobre o Rio Bananas e outra de 60 metros sobre o Rio Iratim.

“Agora o trânsito pode fluir de maneira mais tranquila, garantindo segurança e conforto aos motoristas e moradores. Isso contribui de forma direta para o desenvolvimento mais intenso de Guarapuava e toda esta região”, disse.

O governador ressaltou também que além desta obra outras estão em execução no entorno da cidade. Ele citou os trechos de duplicação da BR- 277, no sentido Foz do Iguaçu a Curitiba, que somam sete quilômetros em obras, e a duplicação de 3,4 quilômetros da PR-466, no perímetro urbano de Guarapuava, que deve começar nos próximos meses.

“As obras estão acontecendo o mais rápido possível porque sabemos da importância para a população” afirmou. “Hoje o Paraná é um canteiro de obras e todos os investimentos atestam a boa situação financeira do Paraná e da capacidade de pagamento das contas que o Estado tem hoje, na contramão da crise nacional”, acrescentou.

O secretário estadual da Infraestrutura e Logística, José Richa Filho, disse que trecho foi o mais difícil da rodovia - em função da característica do solo e da existência de muitas curvas - e o único que ainda não tinha pavimentação. “Aqui é encontro com a BR-277, com pontos em curva, muita água e pedras. É um corredor que, para funcionar, era preciso fazer este fechamento. A população já não acreditava mais que seria possível, mas hoje entregamos a última etapa”, afirmou.

Para o prefeito de Guarapuava, Cézar Silvestre Filho, a obra vai integrar os municípios e contribuir para a industrialização de Guarapuava e Inácio Martins. “Faremos uma reaproximação, fortalecendo a economia de ambos os municípios. Isso vai apoiar a industrialização de Inácio Martins, que tem grandes maciços florestais, mas a falta de infraestrutura dificultava este processo e também fortalecer muito Guarapuava porque os consumidores, o comércio e prestação de serviços ficarão muito mais facilitadas”, disse.

MAIS SEGURANÇA - A obra também vai trazer mais segurança. A comunidade que vive ao largo da PR-364, perto da trincheira de acesso à BR-277, usa uma via marginal na contramão em vez de fazer o retorno que fica a 1,3 quilômetro de distância.

Richa Filho disse que o DER-PR vai transformar esta via marginal de mão única em uma via de duas mãos e atualizar as sinalizações verticais e horizontais. “A ideia é construir uma rotatória e aumentar ainda mais a segurança deste trecho”, afirmou.

O motorista José Rodrigues da Silva é morador de Guarapuava e vai quase todo dia para Inácio Martins, e já percebeu as melhorias em segurança e agilidade na viagem. “Está mais seguro e muito mais rápido, antes nós levávamos duas horas daqui a Inácio Martins, agora levamos 1h10. Isso bem carregado, se for com pouquinha carga é muito mais rápido”.

BR 277- O trecho duplicado da rodovia fica entre os quilômetros 331 e 336, na parte leste da cidade. Também está prevista a construção de um viaduto e um acesso secundário que liga a rodovia à Rua XV de Novembro. Ambas as obras são da concessionária Caminhos do Paraná

O trecho da BR-277 em Guarapuava, cedido para a Ecocataratas, deve receber ainda este ano 2,14 quilômetros de duplicações, além de marginais, uma trincheira e uma ponte. A previsão de término destas obras é para outubro deste ano, com investimentos de R$ 25 milhões.

Esta obra é um dos dois lotes que completariam 4,1 quilômetros de duplicação. Os quase dois quilômetros restantes estão sendo negociados com o Governo do Estado, que pode realizar a obra com recursos próprios.

PRESENÇAS - Participaram da entrega das obras o secretário de Justiça, Trabalho e Direitos Humanos, Artagão Júnior; os deputados estaduais Ademar Traiano, Cristina Silvestre e Bernardo Carli; e o prefeito de Reserva do Iguaçu, Sebastião Campos.

Fonte: AEN

Nenhum comentário:

Postar um comentário