sexta-feira, 20 de outubro de 2017

Menina conta abusos e população mata suspeito de estupro no Prado Velho


Um homem de aproximadamente 60 anos foi morto por espancamento e a tiros na Rua Esperandio Domigos Fogiatto na Vila Torres, no bairro Prado Velho, em Curitiba, por volta das 10h desta sexta-feira (20). Ele foi assassinado depois que uma menina de oito anos contou ter sido abusada.

A delegada Aline Manzato, da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), falou sobre o caso à Banda B.
“O que foi apurado é que já haviam acusações por parte de crianças contra este senhor e, na manhã de hoje, uma das meninas que mora na região teria sido molestada. Essa garota conseguiu escapar e contou o que havia acontecido. A população foi até o local e espancou a vítima, que também levou tiros”, descreveu.

O homem foi retirado de casa e arrastado para uma valeta, onde foi jogado após o crime. “Na casa dele encontramos brinquedos de crianças, bonecas e sutiãs para adolescentes, indicando que essa versão dos abusos é plausível. Ele morava sozinho e de aluguel”, concluiu.

O inquérito policial esta a cargo da DHPP. O corpo do homem foi recolhido ao Instituto Médico Legal de Curitiba (IML).

Nenhum comentário:

Postar um comentário