quinta-feira, 9 de março de 2017

Número de feridos em acidentes cai mais de 62% na região de Pitanga


Cabo Fernandes 


O balanço divulgado pela Polícia Rodoviária Estadual de Pitanga mostra uma redução de feridos nos acidentes ocorridos durante o feriado de Carnaval. Nesse ano, a operação foi realizada entre os dias 24 a 28 de fevereiro e apontou que foram 10 pessoas feridas, em 23 acidentes registrados na área da 5ª Companhia da Polícia Rodoviária Estadual, que envolve os municípios na área de jurisdição de Ponta Grossa, Guarapuava e Pitanga.


Em 2016, no mesmo feriado, foram registrados 27 feridos em 25 acidentes, uma queda de 63% em relação ao número de feridos e de 8% na comparação com o número de acidentes. Nesse ano, não houve registro de mortes no feriado de Carnaval. No ano passado, aconteceu 1 morte no período.

O comandante do Posto Rodoviário de Pitanga, cabo Vanderlei Fernandes da Silva, salientou que essa redução é positiva e demonstra que o aumento no rigor das punições tem feito muitos motoristas tomarem mais cuidado, seja nas ultrapassagens em locais proibidos ou no excesso de velocidade. “Hoje, além da multa mais alta, as medidas administrativas também estão mais rigorosas, como a suspensão da carteira de habilitação, que aumentou de 1 mês para 6 meses, em muitos casos” avalia.

Ele destacou que, nesse ano, foi ampliado o número de viaturas e policiais militares ao longo da rodovia, especialmente na PR-466, onde foram realizadas operações com radar móvel e fiscalização, especialmente nos pontos onde a ultrapassagem é proibida, além da abordagem dos policiais para o teste do bafômetro. “Acreditamos que, com a rodovia mais policiada, houve uma redução no número de infrações em comparação com o ano passado”, ressalta.

No total, foram 446 autuações nesse ano, sendo que a maior parte se refere ao trânsito nas rodovias com farol baixo desligado, ultrapassagem em faixa contínua e excesso de velocidade.

Cabo Fernandes comenta que a maior preocupação das autoridades policiais é que, nos feriados prolongados, ocorre uma mudança no perfil do motorista que utiliza as rodovias. Durante a semana, a maior parte dos usuários da rodovia é formada por motoristas profissionais ou representantes comerciais e, nos feriados, o maior número é de motoristas com seus familiares. “Por isso, nessas épocas intensificamos a fiscalização sobre o uso dos dispositivos de segurança, como o bebê conforto, cadeirinha e o assento de elevação, assim com as condições gerais do veículo e o excesso de bagagem”, frisa o comandante do Posto Rodoviário de Pitanga.

Escoamento da safra
Nos últimos dias já é possível notar um aumento no número de caminhões circulando pelas rodovias da região, principalmente, no transporte da safra de soja que está sendo colhida. Ele ressalta que os motoristas precisam estar atentos a essa situação antes de pegarem a rodovia. “O condutor precisa estar ciente que vai enfrentar a situação de muito trânsito de caminhões e que, em alguns trechos, não haverá condições de ultrapassagem e, por isso, é fundamental programar a saída de casa com alguns minutos de antecedência para evitar atrasos”, orienta. Ele destaca que, durante o mês de fevereiro, foram registrados cinco óbitos e que ações estão sendo pensadas para reduzir isso, como a melhoria na sinalização, aumento no efetivo de policiais na região e pintura das faixas de sinalização.

Planejamento dos próximos feriados
Nos meses de abril e maio serão três feriados colocados aos finais de semana. Sexta-feira Santa (14 de abril), Tiradentes (21 de abril – sexta-feira) e Trabalho (1 de maio – segunda-feira). Cabo Fernandes comenta que as operações para essas datas já estão sendo planejadas, visando reduzir o número de acidentes que possa acontecer nos feriados prolongados. “Nos próximos meses, a população vai sentir a mudança que estamos fazendo nas rodovias, junto com o DER (Departamento de Estradas de Rodagem). Haverá nova sinalização e mais pontos para a utilização do radar e, com isso, oferecer mais segurança para a nossa população”, afirmou Cabo Fernandes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário